Desempenho da beterraba sob diferentes lâminas de irrigação e doses de pó de rocha adicionadas ao solo / Performance of the beet under different irrigation blades and rock powder doses

Diogo Luiz Fruet, Muriel Tambani, João Celio De Araujo, Sidnei Leandro Sturmer, Romano Roberto Valicheski

Abstract


No alto vale do Itajaí a beterraba é largamente empregada principalmente em pequenas propriedades como alternativa de geração de renda. Acredita-se que em muitas propriedades a irrigação ocorra sem o controle da lâmina de água aplicada a cultura, afetando diretamente o custo, proporcionando possível prejuízo com excessos ou falta de água. Na região está sendo largamente empregado o uso do pó de rocha, originário da ardósia com poucas pesquisas realizadas até o momento. A pesquisa realizada visou analisar o efeito de diferentes lâminas de irrigação aplicadas diariamente na cultura da beterraba com doses de pó de ardósia adicionados ao solo. Foram realizados 12 tratamentos, sendo 3 lâminas de irrigação diárias, sendo calculadas 2 lâminas a partir da equação de Hargreaves e Samani e uma lâmina fixa de 3 mm, com 4 doses de pó de rocha. O cultivo foi realizado em estufa do IFC Rio do Sul. Efetivada a colheita 66 dias após transplante, sendo avaliados diversos dados morfológicos e qualitativos das plantas. Analisando os parâmetros pode-se afirmar que a melhor lâmina de irrigação foi a correspondente a 130% dá evapotranspiração da cultura. Com relação ao pó de rocha não foi encontrada correspondência significativa ao desenvolvimento dos parâmetros considerados.

 

 


Keywords


Água, Ardósia, Evapotranspiração.

References


BORGES, A. C.; MENDIONDO, E. M..Comparação entre equações empíricas para estimativa da evapotranspiração de referência na Bacia do Rio Jacupiranga. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, Campina Grande, v. 11, n. 3, p.293-300, 12 jan. 2007. DOORENBOS, J.; PRUITT, W. Crop water requirements. 1977. Disponível em: . Acesso em: 23 abr. 2018.

FILGUEIRA, F. A. R. Novo manual de olericultura: agrotecnologia moderna na produção e comercialização de hortaliças. Universidade Federal de Viçosa. MG: UFV, 357 p. 2006 OLIVEIRA NETO, D. H.; Necessidade hídrica, função de resposta e qualidade da beterraba (Beta vulgaris L.), sob diferentes lâminas de irrigação e coberturas do solo em sistema orgânico de cultivo. 2009. 120 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Pós-graduação em Fitotecnia, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Seropédica, 2009. OLIVEIRA, R. JP et al. 2016. Calibração da adubação fosfatada e potássica para beterraba na região do Vale do Itajaí. Horticultura Brasileira 34: 210-215.

SADEGHIAN, S. Y.; YAVARI, N. Effect of Water-Deficit Stress on Germination and Early Seedling Growth in Sugar Beet. Journal Of Agronomy And Crop Science, [s.l.], v. 190, n. 2, p.138-144, abr. 2004. Wiley-Blackwell. http://dx.doi.org/10.1111/j.1439-037x.2004.00087.x. SANTOS, J. F.; SILVA, E. D.; BESERRA, A. C. Produção agroecológica de batata em relação a doses de pó de rocha. 2014. Disponível em: . Acesso em: 09 abr. 2018. SILVA, A.O et al. Desenvolvimento de cultivares de beterraba sob diferentes tensões da água no solo. Horticultura Brasileira, Brasilia, v. 33, n. 1, p.012-018, jan. 2015.2015. SILVA, A.O. et al. Eficiência de uso da água em cultivares de beterraba submetidas a diferentes tensões da água no solo. Water Resources And Irrigation Management, Campina Grande, v. 2, n. 1, p.27-36, 06 abr. 2013. TIVELLI, S. W. et al. Beterraba do Plantio a Comercialização. 210. ed. Campinas: Instituto Agronômico, 2011. 45 p. Boletim Técnico IAC.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv5n7-141

Refbacks

  • There are currently no refbacks.