Acidentes de trabalho envolvendo máquinas agrícolas no Brasil: estado da arte sobre as principais causas dos sinistros e as ações que visam a prevenção / Work accidents involving agricultural machines in Brazil: state of the art on the main causes of claims and actions aimed at prevention

Allan Charlles Mendes de Sousa, Daniela Cristina Oliveira, Alan Schreiner Padilha, Gilson Ribeiro Nachtigall, Sandro Dan Tatagiba, Crizane Hackbarth

Abstract


A expansão das áreas agrícolas associada à crescente demanda da população por alimentos, torna necessário o emprego de máquinas e implementos na rotina dos agricultores. Contudo, esta prática necessita de qualificação técnica- profissional, vista a gravidade dos riscos de acidentes apresentados pelas atividades mecanizadas. Este trabalho teve por objetivo reunir informações coletadas em trabalhos científicos, que identificam os principais riscos e causas de acidentes envolvendo máquinas agrícolas no Brasil. As referências bibliográficas foram acessadas em plataformas digitais de periódicos nacionais, e em bancos de teses de instituições de ensino, utilizando palavras-chaves relacionadas ao tema de interesse, tais como: “Acidentes envolvendo máquinas agrícolas”, “segurança do trabalho no setor agropecuário” e “Ergonomia na agricultura”. Incialmente, a revisão faz uma abordagem sobre o estado da arte, sensibilizando o leitor sobre a importância desta temática. Em seguida, reúne informações que apontam as principais causas dos acidentes envolvendo máquinas e implementos agrícolas. Por fim, apresenta soluções mitigadoras, que objetivam reduzir os riscos de acidentes de trabalho envolvimento o maquinário agrícola. Os principais riscos de acidentes estão relacionados à falta de uso de equipamento de proteção individual (EPI), imprudência, cansaço dos operadores e baixa qualificação técnica para o uso das máquinas. As ações mitigadoras consistem em utilizar máquinas e implementos com características ergonômicas mais adaptadas aos trabalhadores, cursos de formação, uso de EPI’s certificados, associados à manutenção preventiva dos equipamentos.


Keywords


acidentes de trabalho no setor agropecuário, ergonomia, mecanização agrícola.

References


ALCANTARA, M. P. et al. Avaliação dos riscos de acidentes no uso de tratores agrícolas, em uma usina no estado de Alagoas. South American Journal of basic education, technical and Technological, Rio Branco, v. 4, n. 1, 2017.

ARAÚJO, K. L. B. Ruído e vibração incidentes ao operador de um quadriciclo agrícola. 2018. 99. Tese (Doutorado em Engenharia Agrícola), Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2018.

BAESSO, M. M. et al. Segurança no uso de máquinas agrícolas: Avaliação de riscos de acidentes no trabalho rural. Brazilian jornal of biosystems, Tupã, v. 12, n. 1 2018.

BELLOCHIO, S. D. C. et al. “Estado da arte” sobre as publicações científicas envolvendo acidentes com tratores nas vias públicas do Brasil. Revista Agricultura na Engenharia. Viçosa, v. 26, n. 6, 2018.

BORGES, R. Z. Norma regulamentadora 31 do setor agrícola, Revista cultivar, 2020. Disponível em: . Acesso em: 05 de maior de 2022.

FERREIRA, et al. Análises de discussões sobre acidentes de trabalho nas operações com tratores agrícolas na região do alto sertão sergipano. In: BONATTO, F.; HOLZMANN, H. A.; DALLAMUTA, J. Engenharias mecânicas e industrial: Gestão e simulação. Ponta Grossa: Atena, 2018. p-145.

GAZZIONI, D. L. Como alimentar 10 bilhões de cidadãos na década de 2050? Ciência e agricultura. São Paulo, v. 69, n. 4, 2017.

GUINOT, K. O. Acidentes com tratores agrícolas e a interrupção de um projeto de vida: A construção da cultura da prevenção. 2019. 146 p. Tese (Doutorado em engenharia Agrícola) Universidade de Santa Maria, Santa Maria, 2019.

LIMA, I. O. et al. Acidentes com tratores nas regiões brasileiras. Energia na Agricultura, Botucatu, v. 34, n. 1, 2019.

MACEDO, D. X. S.; Técnicas de agrupamento e redes neural em sinistros com máquinas na região sul. South American Journal of basic education, technical and Technological. Rio Branco, v. 6, n. 2, 2019.

MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO (MTE). NR 31: NR 31 - Segurança e saúde no trabalho na agricultura, pecuária silvicultura, exploração florestal e aquicultura. Brasília: Brasil, 2018. 53 p.

PAULUK, D.; MICHALOSKI, A. O. Análise ergonômica do trabalho nas atividades de preparo do solo com trator agrícola. Revista Espacios, Caracas, v. 37, n. 4, 2016.

PEREIRA, A. S.; et al. Percepção dos agricultores familiares sobre ergonomia e segurança em tratores agrícolas. Tecno-Lógica, Santa Cruz do Sul, v. 24, 2020.

PERIPOLLI, J. L. Z.; ALONÇO, A. S.; POSSEBOM, G. Conformidade do espaço livre de tratores agrícolas e itens de segurança obrigatórios segundo as normas, NBR/ISO 4252 e NR 12. Tecno-Lógica. Santa Cruz do Sul, v. 21, n. 12, 2017.

RUSSINI, A. et al. Avaliação ergonômica do posto do operador de duas colhedoras de grãos. Técno-Lógica, Santa Cruz do Sul, v. 25, n. 2, 2021.

VEIGA, R. K. et al. Caracterização de acidentes com tratores de rabiças no cultivo da cebola em Santa Catarina, Horticultura Brasileira, Brasília, v. 35, n. 1, 2017.

ZAWACKI, M. P. Acidentes de trabalho ocorridos no meio rural na comunidade de Espirito Santo, Alegria, RS. 2017. 44 p. Trabalho de conclusão de curso. Faculdade de Ciências Econômicas da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2017.

ZIMMERMANN, et al. Acidentes com tratores agrícolas no Alto Vale do Itajaí ao não atendimento da NR 31. Brazilian Journal of development. Curitiba, v. 5, n. 12, 2019.




DOI: https://doi.org/10.34115/basrv6n3-030

Refbacks

  • There are currently no refbacks.