Influência Genética Sobre a Doença de Alzheimer / Genetic Influence on Alzheimer's Disease

Emilly Caetano de Andrade, Guilbert Carlos De Azevedo Daviz, João Vitor de Almeida Aires Correia, Juliana Tadeu Thomé, Thayna Monteiro Tavares, Barbara Silva Bravo, Priscila Luzia Pereira Nunes, Fernanda Biscaro de Carvalho

Abstract


A doença de Alzheimer (DA) é a demência mais comum entre idosos em todo o mundo, o que acarreta muitos gastos para a saúde pública. Vários são os fatores que contribuem para o acometimento de tal patologia,sendo um deles a influência genética, visto que há risco aumentado entre familiares quando um é portador da Doença de Alzheimer.

 


Keywords


Alzheimer, Demência, Saúde Pública.

References


Bittencourt, m. F.; muller, n. V. Biomarcadores gliais da doença de alzheimer. Clinical & biomedical research: v.42, n.2. 2021.

Boff, m. S.; sekiya, f. S.; bottino, c. M. C. Revisão sistemática sobre prevalência de demência entre a população brasileira. Rev med (são paulo). 2015;94(3):154-61.

Câmara, a. B. Receptores neurais e a doença de alzheimer: uma revisão sistemática da literatura sobre as famílias de receptores mais associadas a doença, suas funções e áreas de expressão. Jornal brasileiro de psiquiatria: v.68, n.3, jul/set. 2019.

Engelhardt, e. Et al. Tratamento da doença de alzheimer: recomendações e sugestões do departamento científico de neurologia cognitiva e do envelhecimento da academia brasileira de neurologia. Arquivos de neuro-psiquiatria: v. 63, p. 1104-1112, 2005.

Gauthier, s. Et al. World alzheimer report 2021: journey through the diagnosis of dementia. London, england: alzheimer’s disease international. 2021.

Associação brasileira de alzheimer. Fatores de risco. Brasília: abraz. 2020.

Gonçalves, e. G.; carmo, j. S. Diagnóstico da doença de alzheimer na população brasileira: um levantamento bibliográfico. Revista psicologia e saúde: 2012.

Guimarães, l. F. O.; pinto, c. T.; tebaldi, j. B. Alzheimer: diagnóstico precoce auxiliando na qualidade de vida do cuidador. Memorialidades: v. 12, n. 23 e 24, p. 11-30, 2017.

Leite, m. S. Et al. Diagnóstico do paciente com doença de alzheimer: uma revisão sistemática de literatura. Brazilian journal of surgery and clinical research: v. 30, p. 47-50, 2020.

Moreira, s. C.; jansen, a. K. S.; moraes, f. Dietary interventions and cognition of alzheimer’s disease patients: a systematic review of randomized controlled trial. Dementia & neuropsychologia: v.14, n.03, p.258-282. 2020.

Nitrini, r. Et al. Diagnóstico de doença de alzheimer no brasil: critérios diagnósticos e exames complementares. Recomendações do departamento científico de neurologia cognitiva e do envelhecimento da academia brasileira de neurologia. Arquivos de neuro-psiquiatria: v. 63, p. 713-719, 2005.

Ribeiro, h. F. Doença de alzheimer de início precoce (daip): características neuropatológicas e variantes genéticas associadas. Revista neuro-psiquiatría: lima, v. 84, abr.-jun. 2021.

Ribeiro, h. F.; santos, j. S. F.; souza, j. N. Doença de alzheimer de início precoce (daip): características neuropatológicas e variantes genéticas associadas.revista de neuro-psiquiatria: v.84, n.2, p.113-127. 2021.

World health organization (who). Global action plan on the public health response to dementia 2017–2025. Geneva: world health organization; 2017.

World health organization (who). Global status report on the public health response to dementia. Geneva: world health organization; 2021.




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv5n1-046

Refbacks

  • There are currently no refbacks.