Avaliação toxicológica de espécies vegetais pertencentes a Caatinga e determinação da CL50 frente Artemia salina Leach / Toxicological evaluation of plant species from the Caatinga and determination of the LC50 against Artemia salina Leach

Juliana Goncalves Silva, Elayne Rayane Diniz Melo, Aleksandra Maria da Silva Gomes Cavalcan, Erica Ivoneide da Silva, Eduarda Rodrigues do Nascimento, Iris Paula de Araujo Torres, Julia Cordeiro de Farias, Nathalia Alexandre Eloy Lins, Sara Mirian Ferreira Silva

Abstract


Introdução: A Caatinga detém uma grande diversidade de flora que são empregadas na medicina popular pelas comunidades. Embora, alguns estudos propuseram analisar as plantas medicinais e as finalidades terapêuticas das espécies utilizadas pela população, os perfis toxicológicos são brevemente citados na literatura. Com isto, o trabalho teve como objetivo verificar a toxicidade de espécies oriundas do deste bioma. Metodologia: Exemplares de Anadenanthera macrocarpa, Cnicus benedictus, Cnidoscolus phyllacanthus e  Copaifera langsdorffii foram coletados, identificados para a produção dos extratos bruto secos. O caráter toxicológico foi avaliado através da CL50 em ensaio agudo com Artemia salina. Resultados e discussão: O extrato bruto seco da espécie A. macrocarpa quando avaliado frente à A. salina foi considerado atóxico, visto que obteve a CL50 mais baixa do estudo de 3.574,30. Os demais EBS averiguados no estudo foram observados também como praticamente atóxicos, diante de uma CL50 abaixo dos parâmetros de toxicidade. Conclusão: As espécies analisadas no presente trabalho demonstram-se atóxicas, resultando em plantas medicinais seguras para a fitoterapia, no entanto, ainda se faz necessário a elaboração de novas pesquisas que reforcem o seu uso como recurso terapêutico.


References


SENIGALIA, Ritielly Laiany Carvalho et al. Toxicidade de extratos vegetais de plantas do cerrado de uso medicinal. Brazilian Journal of Development, v. 6, n. 8, p. 55308-55317, 2020.

LUNA, J. S., SANTOS, A. F., LIMA, M. R. F., OMENA, M. C., MENDONÇA, F. A.C., BIEBER, L. W., SANT’ANA, A. E. G. A study of the larvicidal and molluscicidal activities of some medicinal plants from northeast Brazil. J Ethnopharmacol 97:199-206, 2005.

CALAZANS, Richard da Silva Pereira et al. ESTUDO FITOQUÍMICO E AVALIAÇÃO DA CITOTOXICIDADE AGUDA FRENTE À ARTEMIA SALINA (LEACH) DE PLANTAS COMERCIALIZADAS EM FEIRA-LIVRE. Revista da Universidade Vale do Rio Verde, v. 17, n. 1, 2019.

ARAÚJO, Edilane Rodrigues Dantas; OLIVEIRA, Damiris Campelo; SOARES, Thaciane da Cunha.; LANGASSNER, Silvana Maria Zucolotto.; TAVARES, Joana Cristina Medeiros.; CAVALCANTI E SILVA, Dany Geraldo Kramer. Avaliação do potencial antimicrobiano de extrato hidroalcoólico e aquoso da espécie Anadenanthera colubrinafrente à bactérias gram negativa e gram positiva. Biota Amazônia. Macapá, v. 5, n. 3, p. 66-71, ago/2015.

CUNHA, Vannuty Dorneles de Sena. Avaliação do efeito in vitro do extrato hidroalcoólico de Anadenathera colubrina (VELLOZO) Brenan frente à Candida albicans .2014. 59f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharel em Farmácia) – Centro de Ciências Biológicas e de Saúde, Universidade Federal da Paraíba, Campina Grande – PB, 2014.

FERNANDES, Antonia Isadora et al. Avaliação da atividade antifúngica dos metabólitos secundários dos fungos endofíticos da Anadenanthera macrocarpa (Bnth) Brenan. 2019.

Weber CR, Soares CML, Lopes ABD, Silva TS, Nascimento MS, Ximenes ECPA 2011. Anadenanthera colubrina: um estudo do potencial terapêutico. Revista Brasileira de Farmácia, 92(4):235-244. Disponível em: http://rbfarma.org.br/files/rbf-2011-92-4-1-235-244.pdf

Silva KO. Avaliação das atividades antimicrobiana, aderência, antioxidante, anti-inflamatória e antinociceptiva de Anadenanthera macrocarpa (Benth) brenan. Dissertação de mestrado, Universidade Federal da Bahia, Vitoria da Conquista, 96 pp.2011

GONÇALVES, G.C. Centaurea benedicta L.: uma fonte de cnicina com perspectiva para o tratamento de inflamação cutânea MESTRADO EM CIÊNCIAS FARMACÊUTICAS.

GHIASY-OSKOEEA, M.; AGHAALIKHANIA, M.; SEFIDKONB, F.; MOKHTASSI-BIDGOLIA, A.; AYYARIC, M. Blessed thistle agronomic and phytochemical response to nitrogen and plant density. Industrial Crops & Products, v.122, p. 566-573, 2018.

MABONA, U; VUUREN, S. F. V. Southern African medicinal plants used to treat skin diseases. South African Journal of Botany, v. 87, p. 175-193, 2013.

PENG, Y; JIANA, Y; ZULFIQARB, A; LI, B; ZHANGA, K; LONG, F; PENG, C; CAI, X; KHAN, I. A.; WANG, W. Two new sesquiterpene lactone glycosides from Cnicus benedictus. Natural Product Research, v. 31, n.19, p. 2211-2217, 2017.

FLORA DO BRASIL 2020 EM CONSTRUÇÃO. Euphorbiaceae Juss. Jardim Botânico do Rio de Janeiro. Disponível em: . Acesso em: 24 Nov. 2018

GOMES, L. M. A. Efeito antinociceptivo e anti-inflamatório de Cnidoscolus quercifolius Pohl (Euphorbiaceae) em roedores. Dissertação (Mestrado em Recursos Naturais do Semiárido) Programa de Pós-Graduação em Recursos Naturais do Semiárido, Universidade Federal do Vale do São Francisco (UNIVASF), Petrolina-PE, 2014.

ECS De Oliveira , PD Fernandes , EO Costa Júnior. Categorias de uso para a espécie Cnidoscolus quercifolius Pohl (EUPHORBIACEAE) no Seridó ocidental do Estado da Paraíba Rev. Biofar ( 2011 ) , pp . 31-36

DE OLIVEIRA-JUNIOR, Raimundo Goncalves et al. Phytochemical and pharmacological aspects of Cnidoscolus Pohl species: A systematic review. Phytomedicine, v. 50, p. 137-147, 2018.

R.V. Soto, M. Eufemia, M. Rubio, M.J. Verde Star, A.O. Cárdenas, P. Preciado-Rangel, J.A. González, J.R. Esparza-Rivera Cnidoscolus chayamansa hidropónica orgánica y su capacidad hipoglucemiante, calidad nutraceutica y toxicidad* Cnidoscolus chayamansa organic hydroponic and its hypoglycemic capacity, nutraceutical quality and toxicity Rev. Mex. Ciencias Agrícolas Nezahualcóyotl Núm. Palacio Munic., 6 (2015), pp. 815-825

SENJOBI, C. T.; MOODY, J. O.; ETTU, A. O. Antimicrobial and Cytotoxic Effects of Cnidoscolus aconitifolius (Miller) Johnson. Journal of Agriculture and Biological Sciences. v. 2(2), p. 21, 2011.

LIMA, M. F. F.; SILVA, J. W. S. A.; SILVA, J. K.; MOURA, A. H. N.; LOPES, R. L. F.; CORDEIRO, B. A.; MELO, A. F. M. Avaliação toxicológica através do bioensaio com Artemia salina Leach de espécimes vegetais pertencentes à caatinga. Brazilian Journal of Health Review, v. 2, n. 6, p. 5950-5963, 2019.

ERNESTO, M. V.; LIBERAL, C. N.; FERREIRA, A. S.; ALVES, A. C. F.; ZEPPELINI, D.; MARTINS, C. F.; VASCONCELLOS, A. Hexapod decomposers of Serra de Santa Catarina, Paraíba, Brazil: an area with high potential for conservation of Caatinga biodiversity. Biota Neotropica, v. 18, n. 2, 2018.

LEMOS, M.; SANTÍN, J.R.; MIZUNO, C.S. Copaifera langsdorffii: evaluation of potential gastroprotective of extract and isolated compounds obtained from leaves. Revista Brasileira de Farmacognosia. v.25, pp. 238–245, 2015.

VEIGA JUNIOR, V.F.; PINTO, A.C. O Gênero Copaifera L. Química nova, v.25, n.2, p.273-86, 2002.

SANTANA, R.S. et al. Uso medicinal do óleo de copaíba (Copaifera sp.) por pessoas da melhor idade no município de Presidente Médici, Rondônia, Brasil. Acta Agron., v.63 n.4 2014

CARVALHO, J. C.T. et al. Desenvolvimento de uma nanoemulsão larvicida com oleorresina de copaíba (Copaifera duckei). Rev. bras. farmacogn. v.24 n.6, 2014

RODRIGUES, R.C.; SOUZA, J.B.B. Utilização do óleo de copaíba no tratamento e cicatrização de lesões. Revista Interdisciplinar de Ciências Médicas – Anais, 2017.

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos. Departamento de Assistência Farmacêutica. Política e Programa Nacional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos / Ministério da Saúde, Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos, Departamento de Assistência Farmacêutica. – Brasília: Ministério da Saúde, 2016.

DIAS, Eliana C.M. et al. Uso de fitoterápicos e potenciais riscos de interações medicamentosas: reflexões para prática segura. Revista Baiana de Saúde Pública, Salvador, v. 41, n.2, p. a2306, 2018.

PEDROSO, Reginaldo dos Santos; ANDRADE, Géssica; PIRES, Regina Helena. Plantas medicinais: uma abordagem sobre o uso seguro e racional. Physis: Revista de Saúde Coletiva, v. 31, 2021.

LORENZI, H.; MATOS, F.J.A. Plantas medicinais no Brasil - Nativas e Exóticas. 2ª ed. Nova Odessa-SP: Instituto Plantarum, 2008.

DO SANTOS, Lucinéia et al. Plantas Medicinais: suas associações e usos. 2021.

PEREIRA, M.C.L. et al. Use of medicinal plants in care of women with gynecological diseases: integrative review. International Journal of Development Research, v. 09,n. 03, p. 26373-26380, 2019.

FAGOTTI, Rogério LV; RIBEIRO, Juliana C. Uso de plantas medicinais e medicamentos fitoterápicos em insônia: uma revisão bibliográfica. Brazilian Journal of Health and Pharmacy, v. 3, n. 2, p. 35-48, 2021.

RIBEIRO, J.C. Qualidade de plantas medicinais de uso popular no Brasil: uma visão experimental: roteiro de práticas. São João da Boa Vista: Editora Universitária UNIFAE, 2021. 45p.

MATTOS, G.; CAMARGO, A. SOUSA C. A.; ZENI, AL. B. Plantas medicinais e fitoterápicos na Atenção Primária em Saúde: percepção dos profissionais. Rev. Cienc. Saúde Colet. n°23, v.11, p. 3735-3744, 2018.

Fernandes, P. R. D.; Bizerra, A. M. C. Quantitative evaluation of antioxi dant activities of native plants of the Alto Oeste Potiguar Region / RN. Research, Society and Development [S. l.], v. 9, n. 1, p. e4891157 8, 2020.

Castro, M. A. De; Bonilla, O. H.; Pantoja, L. D. M.; Mendes, R. M.S.; Edson-Chaves, B.; Lucena, E. M. P.Ethnobotanical knowledge of High School students about medicinal plants in Maranguape-Ceará. Research, Society and Development, [S. l.], v. 10, n. 3, p. e8910313008, 2021.

Cruz, R. R. P.; Freire, A. I.; Pereira,A. M.; Ribeiro, R. P.; Alves, M. M. Momordica charantiaL. in the treatment of diabetes melittus. Research, Society and Development, [S. l.], v. 9, n. 7, p. e15973769, 2020.

DE SÁ-FILHO, G. F. et al. Plantas medicinais utilizadas na caatinga brasileira e o potencial terapêutico dos metabólitos secundários: uma revisão. Pesquisa, sociedade e desenvolvimento, v. 10, n. 13, pág. e140101321096-e140101321096, 2021.




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv5n3-034

Refbacks

  • There are currently no refbacks.