A importância das habilidades emocionais do enfermeiro para uma assistência de qualidade no pré-hospitalar / The importance of nurses emotional control for quality pre-hospital care

Luana Ruthiele Chagas Lucena, Maria Laura Beatriz Nascimento Cardoso, Stefany Valery Gomes dos Santos, Vitoria Sandrielle Santos Silva, Lais Alves Rodrigues, Larissa Stefanni Silvano de Miranda, Paulo Isaac de Souza Campos

Abstract


A assistência de Enfermagem prestada ao paciente diante uma situação de emergência deve ser rápida e eficaz. Exposto isso, faz-se necessário que o enfermeiro, além de conhecimento técnico-científico, possua um competências socio emocionais compatíveis com a profissão. A saúde mental é fundamental no atendimento pré-hospitalar (APH), o desequilíbrio emocional pode complicar ainda mais às situações de emergência, seja por meio de dificuldades de manter-se concentrado ou na tomada de decisões. O objetivo do estudo é abordar a necessidade do controle emocional do enfermeiro perante situações de emergência com ênfase na assistência imediata e conduta efetiva. Trata-se de um estudo de revisão literária, onde foram incluídas pesquisas de 2016 a 2020 através de 11 publicações científicas da Biblioteca Virtual de Saúde e SciELO. No estudo, foi possível perceber que o enfermeiro enfrenta diversos desafios durante o atendimento em APH, gerando instabilidade emocional e esgotamento profissional pois, existem sentimentos e emoções que se sobressaem ao controle pessoal e que interferem diretamente na saúde mental do indivíduo. Assim sendo, se faz necessário enfatizar a importância da saúde mental, para desenvolver habilidades emocionais, de forma a contribuir na atuação dos enfermeiros que estão à frente dos cuidados pré-hospitalares.


Keywords


emergência, inteligência emocional, enfermagem.

References


ALMONDES, K.M. de; SALES, E.A.; MEIRA, M.O. Serviço de Psicologia no SAMU: Campo de Atuação em Desenvolvimento. Rev. Psicologia: Ciência e Profissão. V. 36 ,

n. 2, pag. 449-457, Abr-Jun. 2016. Disponível em:

Acesso em: 25/06/2021.

ALTENBERND, B.; MACEDO, M.K.; Rigor e sensibilidade: singulares demandas do cuidado em enfermagem no contexto de urgência e emergência. Psicología, Conocimiento y Sociedad - Trabajos originales, v. 1, pag. 9-33, Mai-Out. 2020. Disponível em: Acesso em: 25/06/2021.

BRANDAO, M. G. S. A. et al. Autoconfiança, conhecimento e habilidade acerca da ressuscitação cardiopulmonar de internos de enfermagem. Revista Cuidarte, 11(2): e982, Mai-Ago. 2020. Disponível em: Acesso em: 25/06/2021.

CUNHA, V.P.et al. Atendimento a pacientes em situação de urgência: do serviço pré- hospitalar móvel ao serviço hospitalar de emergência. Revista Enfermeria Actual, Costa Rica, Ed. Semestral, n. 37, Jul-Dez. 2019. Disponível em: DOI:

<10.15517/revenf.v0i37.34744> Acesso em: 29/06/2021.

DIAS, S. & MORAIS, C. Satisfação e engagement: (Re)pensar a saúde e o bem-estar dos enfermeiros. Revista Portuguesa de Enfermagem de Saúde Mental, Ed. Especial 7, pag. 43-49, Dez. 2019. Disponível em: DOI: <10.19131/rpesm.0243> Acesso em: 02/07/2021.

LA CRUZ, S.P. de et al. Fatores relacionados à probabilidade de sofrer problemas de saúde mental em profissionais de emergência. Rev. Latino-Am. Enfermagem, 27:e3144. 2019. Disponível em: Acesso em: 29/06/2021.

MIORIN, J.D. et al. Prazer e sofrimento de trabalhadores de enfermagem de um pronto- socorro. Rev. Texto Contexto Enferm, 27(2): e2350015. 2018. Disponível em:

Acesso em: 02/07/2021.

ROSA, P.H da. et al. Percepções de enfermeiros acerca da atuação profissional no contexto do atendimento pré-hospitalar móvel. Revista Enferm. Foco, 11(6), pag. 64-

2020. Disponível em:

Acesso em: 29/06/2021.

SAVIETO, R.M. et al. Enfermeiros na triagem no serviço de emergência: autocompaixão e empatia. . Rev. Latino-Am. Enfermagem, 27:e3151. 2019. Disponível em:

Acesso em: 29/06/2021.

SOUSA, B.V.N.; TELES, J.F.; OLIVEIRA, E.F. Perfil, dificuldades e particularidades no trabalho de profissionais dos serviços de atendimento pré-hospitalar móvel: revisão integrativa. Revista Enfermeria Actual, Costa Rica, Ed. Semestral, n. 38, Jul. 2020. Disponível em: Acesso em: 02/07/2021.

VENTURA, G. et al. Enfrentamento de enfermeiras frente à morte no processo de cuidar em emergência. Revista Enfermeria Actual, Costa Rica, Ed. Semestral, n. 37, Jul-Dez. 2019. Disponível em: Acesso em: 02/07/2021.




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv5n3-078

Refbacks

  • There are currently no refbacks.