Conhecimento de mães sobre vacinação infantil em um Município do Litoral Piauiense / Mothers' knowledge about childhood vaccination in a Municipality of Piauí's coast

Danielle Souza Silva Varela, Antônio Rafael da Silva, Carlos Antônio Ferreira de Oliveira, Taynah Silva Cardoso Gomes

Abstract


Introdução: Apesar da divulgação sobre a importância da vacinação infantil como método imunizador e preventivo de extrema importância, e sua disponibilidade nos serviços públicos de saúde da Atenção Básica, ainda há desconhecimento das mães sobre a importância da atualização da caderneta de vacinação infantil e das doenças imunopreveníveis, principalmente pelo distanciamento dos profissionais de saúde com relação a um dos seus objetos de trabalho primordiais, a educação em saúde. Objetivo: Diante desta problemática, este estudo tem como objetivo investigar o conhecimento de mães de um município do litoral piauiense sobre vacinação infantil. Método: Trata-se de uma pesquisa de campo com caráter exploratório- descritivo com abordagem qualitativa, realizada através de entrevista com 15 (quinze) se encontravam em Unidades Básicas de Saúde (UBS) do município de Luís Correia –PI, para imunização de crianças menores de 5 anos. Resultados: Através dos discursos foi evidenciado que as mães apresentam uma deficiência de conhecimento relacionado à imunização, incluindo os eventos adversos e suas condutas, se constando, por outro lado, a fragilidade das ações de educação em saúde com foco na imunização infantil. Considerações Finais: Julga-se necessário a adesão de estratégias eficientes por parte dos profissionais de enfermagem para facilitar o conhecimento das mães sobre a vacinação infantil, respeitando seu espaço, suas fragilidades, repassando confiança e informações importantes, com o intuito de despertar nessas mães o interesse por medidas preventivas essenciais no combate das doenças infectocontagiosas e imunopreveníveis tanto para as suas crianças como para a comunidade em geral.


Keywords


saúde da criança, imunização, estratégia.

References


ARAUJO, E. A. N. et al. Dificuldades relatadas pelos pais/responsáveis para o cumprimento da imunização básica das crianças de uma creche. Revista de enfermagem da UFPE [online], Recife, v. 6, n. 10, p. 2404-2410, out. 2012.

BARDIN, L. Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70, 2010.

BRASIL. Ministério da Saúde. Saúde da Criança: Crescimento e Desenvolvimento.

Cadernos de Atenção Básica, n. 33. 1. ed. Brasília: DF, 2012.

BRASIL. Ministério da Saúde. Manual de Normas e Procedimentos para Vacinação. Manual técnico. 1. ed. Brasília: DF, 2014.

BRASIL. Ministério da Saúde. Manual de Vigilância Epidemiológica de Eventos Adversos Pós-Vacinação. Manual técnico. 3. ed. Brasília: DF, 2014.

BONI, V.; QUARESMA, S. J. Aprendendo a entrevistar: como fazer entrevistas em Ciências Sociais. Revista Eletrônica dos Pós-Graduandos em Sociologia Política da UFSC, Santa

Catarina, v. 2, n. 1, p. 68-80, jan./jul.2005.

CARVALHO, I. V. R. L. et al. Conhecimento das mães a respeito das vacinas administradas no primeiro ano de vida. Revista Brasileira de Ciências da Saúde, Picos, Piauí, v. 19, n. 3, p. 205-210, 2015.

FIGUEIREDO, G. L. A. et al. Experiências de famílias na imunização de crianças brasileiras menores de dois anos. Revista Latino-Americana Enfermagem, Ribeirão Preto, São Paulo, v. 19, n. 3, p. 8, maio/jun. 2011.

IBANEZ, N. et al. Avaliação do desempenho da atenção básica no estado de São Paulo. Revista de Ciência e Saúde Coletiva, São Paulo, v. 11, n. 3, p. 683-703, 2006.

LUZ, M. H. B. A. et al. A cultura de imunização no Brasil: reflexões a partir da Teoria do Cuidado Transcultural. Revista de Enfermagem da UFPI, Teresina, v. 1, n. 3, p. 226-229, set./dez. 2012.

MOLINA, A. C. et al. Situação vacinal infantil e características individuais e familiares do interior de São Paulo. Acta Sci. Health Sci., São Paulo, v. 29, n. 2, p. 99-106, 2007.

RAMOS, C. F. et al. Cumprimento do calendário de vacinação de crianças em uma unidade de saúde da família. Revista Pan-Amaz Saúde, Ananindeua, v. 1, n. 2, p. 55-60, jun. 2010.

SILVEIRA, A. S. A. et al. Controle de vacinação de crianças matriculadas em escolas municipais da cidade de São Paulo. Revista Escola Enfermagem USP, São Paulo, v. 41, n.2, p. 299-305, 2007.

SOUSA, S. L. P. et al. O enfermeiro na sala de vacinação: uma análise reflexiva da prática. Revista Rene, Fortaleza, v. 4, n. 2, p. 95-102, jul./dez. 2003.

TERTULIANO, G. C.; STEIN, A. T. Atraso vacinal e seus determinantes: um estudo em localidade atendida pela Estratégia Saúde da Família. Revista Ciência & Saúde Coletiva, Cachoeirinha, Rio Grande do Sul, v. 16, n. 2, p. 523-530, 2011.




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv5n3-137

Refbacks

  • There are currently no refbacks.