A utilização de agregados alternativos: RCD e pó de pedra no concreto / Alternative aggregates: RCD and stone powder no concrete

Gefferson Elton Caldas Galdino, Gustavo Ribeiro Da Silva, Iago Raphael Siqueira Santos Barbosa, Lisandra Estephanny Da Cunha França, Luciana Cássia Lima Da Silva, Maria Conceição Da Costa Silva, Mayara Natiely Da Silva Beserra, Elisabeth Nascimento Silva, Joedy Mayara Santa Rosa Souza

Abstract


A utilização de materiais reciclados na composição de um novo concreto tem sido investigada no intuito de avaliar a redução de impacto ambiental, além de gerar produtos economicamente interessantes na construção civil. O presente trabalho objetivou analisar a resistência especificada do concreto com o uso de agregado reciclado de construção e demolição (RCD), seja substituído totalmente ou parcial com agregado natural. Para avaliação e características dos materiais utilizados foram feitos ensaios com dois traços diferentes: pó de pedra e RCD; e outro apenas RCD, ambos com substituição parcial de seus agregados (graúdo e miúdo). Como tratamento controle foi utilizado o traço para concreto convencional (areia e brita). Após a preparação dos concretos, foram realizadas análises do estado plástico (consistência e interação entre matriz cimentícia e agregados alternativos) e endurecido (resistência à compressão). Foi verificado que a consistência dos concretos com adição de RCD (graúdo) apresentou menor fluidez quando comparado ao concreto convencional e ao agregado utilizando pó de pedra. Com relação a análise de resistência à compressão, os resultados mais satisfatórios foram obtidos utilizando pó de pedra com RCD (miúdo), seguido do concreto convencional e dos traços com adição de RCD aplicado como agregado graúdo. Neste sentido, o uso de concreto reciclado pode ser uma alternativa sustentável e viável para diversas aplicações na construção civil.

Keywords


Construção civil, concreto, sustentabilidade, benefícios

References


Amadei, Daysa Ione Braga et al. A questão dos resíduos de construção civil: um breve estado da arte. Revista Nupem, v. 3, n. 5, p. 185-199, 2012.

Associação Brasileira De Normas Técnicas – ABNT. NBR 5738 – Concreto – procedimento para moldagem e cura de corpos-de-prova. Rio de Janeiro, 2008.

Associação Brasileira De Normas Técnicas – ABNT. NBR 6118 – Projeto de estruturas de concreto — Procedimento. Rio de Janeiro, 2014.

Associação Brasileira De Normas Técnicas – ABNT. NBR 7211 – Agregados para concreto – especificação. Rio de Janeiro, 2005.

Associação Brasileira De Normas Técnicas – ABNT. NBR 10004 – Resíduos Sólidos. Rio de Janeiro, 2004.

Associação Brasileira De Normas Técnicas – ABNT. NBR 15116 – Agregados reciclados de resíduos sólidos da construção civil - Utilização em pavimentação e preparo de concreto sem função estrutural - Requisitos. Rio de Janeiro, 2004.

Associação Brasileira Para Reciclagem De Resíduos Da Construção Civil E Demolição – ABRECON. O que é entulho?. Disponível em . Acesso em 26 mar. 2018.

Betat, E.F.; Pereira, F.M.; Verney, J.C.K. de. Concretos produzidos com resíduos do beneficiamento de ágata: avaliação da resistência à compressão e do consumo de cimento. Revista Matéria (Rio J.), Rio de Janeiro, v. 14, n. 3, p. 1048, 2009.

Farias, J. V.O.; Furtado, M. R.C.; Bello, L. A. L.; Ribeiro, J. L. O. S.; Vinagre, M. V. A. Estudo comparativo entre concreto proveniente de RCD e concreto padrão, com aplicação em peças pré-moldadas.

Kazmierczak, C. S.; Rosa, M.; Arnold, D. C. M. 2016. Influência da adição de filer de areia de britagem nas propriedades de argamassas de revestimento. Ambiente construído. vol.16 no.2

Leite, Monica Batista. Avaliação de propriedades mecânicas de concretos produzidos com agregados r reciclados de resíduos de construção e demolição. 270f. Tese (Doutorado) – Universidade Federal do Rio Grande do Sul, 2001.

Porto, M. E.; Silva, Simone Vasconcelos. Reaproveitamento dos entulhos de concreto na construção de casas populares. Rio de Janeiro: ENEGEP, 2008.

John, V. M.; Agopyan, V. Reciclagem de resíduos da construção. In: Seminário Reciclagem de Resíduos Domiciliares, São Paulo. Disponível em: . Acesso em: 5 abr. 2013.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n9-401

Refbacks

  • There are currently no refbacks.