Exodontia de um pré-molar erupcionado em região de palato com indicação ortodôntica: relato de caso / Exodontics of an erupted premolar in palate region with orthodontic indication: case report

Alandeilson Alexandre da Silva, Marcos Alexandre Casimiro de Oliveira, Leticia Queiroga de Araújo, Elaine Cristina Alves Goldfarb, Lea Gabriella Carvalho de Brito, Jéssica Ricarte Viana, Camila Egídio Batista Gomes, Desirrê Formiga de Oliveira, Bruna Gonçalves Lucena, Paulo Henrique Alves Germano, Atilane Lacerda de Araújo, Ana Clara Roberto Ramalho de Andrade

Abstract


INTRODUÇÃO: As impactações dentais ou retenções dentais, não são raros na prática clínica, diretamente o oposto, está cada vez mais frequente, e possuem inúmeras indicações e contraindicações para cada caso, as impactações acontecem pela falta de espaço do arco dental, que é uma das explicações para este tipo, ou formação de obstáculos mecânicos. A permanência dos dentes impactados pode trazer uma série de problemas, bem como a integridade do complexo maxilo-mandibular, oclusão, a mastigação, assim como a saúde do paciente. A remoção desses elementos visa melhorar a saúde bucal do paciente. OBJETIVO: Relatar um caso de exodontia de um pré-molar erupcionado em região de palato com indicação ortodontica. METODOLOGIA: Realizada uma cirurgia de exodontia, cuja o elemento dentário 24, primeiro pré-molar superior esquerdo erupcionado no palato. Para tanto, foi realizada a técnica anestésica do nervo alveolar superior médio e também o nervo palatino maior,  sendo realizada a técnica de retalho palatino intrasucular, iniciando no dente 22 seguindo até 26, em seguida realizou-se a luxação com alavanca reta, e com o fórceps 17  executamos a avulsão dentária. Logo, usamos sob a irrigação copiosa a solução fisiológica, promovendo campo limpo, o fio de sutura de escolha fio de seda 3.0 com a técnica de sutura suspensória, produzindo hemostasia local, adaptamos uma gaze embebida na solução fisiológica, a mesma em que foi utilizada para a irrigação. Em seguida, demos as devidas orientações ao paciente de como ele deve se comportar frente a cirurgia, em seu pós-operatório, bem como a prescrição medicamentosa. RESULTADOS: A exodontia realizada contribuiu de forma positiva para a saúde bucal da paciente, uma vez que a mesma, apresentava incomodo funcional e estético. Assim, o tratamento realizado possibilitou beneficios, como oclusão, função e estética favorável.

 

 


Keywords


Cirurgia Bucal, Dente Impactado, Exodontia, Ortodontia.

References


AIDA, J.; ANDO, Y.; AKHTER, R.; AOYAMA, H.; MASUI, M.; MORITA, M. Razões para o dente permanente extrações no Japão. Journal of Epidemiology, v.16, p. 214-9, 2006.

ALLING, C. C.; CATONE, G. A. Management of impact- ed teeth. Journal of Oral & Maxillofacial Surgery 51:3-6, 1993.

ASSIS MAA, Nascimento MAA, Franco TB, et al., organizadores. Produção do cuidado no Programa Saúde da Família: olhares analisadores em diferentes cenários. Salvador: EDUFBA; 2010.

BAUMRIND, S. et al. The decision to extract: Part II. Analysis of clinicians’ stated reasons for extraction. Journal of Orthodontics and Dentofacial Orthopedics, St. Louis, v.109, no. 4, p. 393-402, Apr. 1996.

BELLO, F. C. Maloclusão e o serviço público: um estudo em Belo Horizonte (MG): Universidade Federal de Minas Gerais; 2004.

BISHARA, S. E.; PETERSON, L. C.; BISHARA, E. C. Changes in facial dimensions and relationships between the ages of 5 and 25 years. Journal of Orthodontics, St. Louis, v. 85, no. 3, p. 238-352, Mar. 1984.

BISHARA et al. The morphologic basis for the extraction decision in class II, division 1 malocclusions: a comparative study. American Journal of Orthodontics and Dentofacial Orthopedics, St. Louis, v.107, no. 2, p.129-135, Feb.1995.

BISHARA, et al. Posttreatment changes in male and female patients: a comparative study. American Journal of Orthodontics and Dentofacial Orthopedics St. Louis, v. 110, no. 6, p. 624-629, Dec.1996.

BISHARA, S. E. Mandibular changes in persons with untreated and treated class II division 1 malocclusion. American Journal of Orthodontics and Dentofacial Orthopedics St. Louis, v. 113, no. 6, p. 661-673, June 1998.

CHYSABTHAKOPOULOS, N. A. Razões para extração de dentes permanentes na Grécia: cinco anos de acompanhamento. International Dental Journal. 61: 19–24, 2011.

COLLETT, A. R. Conservative management of lower second premolar impaction. Australian Dental Journal; 45(4): 279-281; 2000.

DONADO, M. Cirurgía Bucal - Patología y técnica. 2. ed. Barcelona: Masson, 1998.

ESCODA, C. G.; AYTÉS, L. B. Cirugía Bucal. Madrid: Ergon, 1999.

FACAL, G. M.; QUINTANILLA, S. D; GARCÍA, J. Diastemas in primary dentition and their relationships to sex, age and dental occlusion. European Journal of Paediatric Dentistry, v.3, n.2, p.85-90, 2002.

FARRET, M. M.; JURACH, E. M; GUIMARÃES, M. B. Supervisão de espaço na dentição mista e sua correlação com o apinhamento dentário na região anterior do arco inferior: uma filosofia de tratamento. Ortodontia Gaúcha, v.9, v.1, p.12, 2005.

GÁBRIS, K.; MÁRTON, S.; MADLÉNE, M. Prevalence of malocclusions in Hungarian adolescents. European Journal of Orthodontics, v.28, n.5, p. 467-70, 2006.

GLANS, R; LARSSON, E; OGAARD, B. Longitudinal changes in gingival condition in crowded and noncrowded dentitions subjected to fixed orthodontic treatment. American Journal of Orthodontics and Dentofacial Orthopedics, v.124, n.6, p.679-82, 2003.

GUSMÃO, S.E. et al. Relação entre dentes mal posicionados e a condição dos tecidos periodontais Dental Press Journal of Orthodontics, v.16, n.4, p.87-94, July-Aug., 2011.

JAFARIAN, M; ETEBARIAN, A. Reasons for extraction of permanent teeth in general dental practices in Tehran, Iran. Journal Medical Principles and Practice, v.22, n. 3, p. 239-44, 2013.

JAIN U, KALLURY A. Conservative management of mandibular second pre-molar. People's Journal of Scientific Research 4(1):59-62, 2011.

LESTREL, P. E.; TAKAHASHI, O.; KANAZAWA, E. A quantitative approach for measuring crowding in the dental arch: Fourier descriptors. American Journal of Orthodontics and Dentofacial Orthopedics, v.125, n.6, p.716-25, 2004.

KUMAR, M. P. S. "Newer methods of extraction of teeth." International Journal of pharma 6.3 15 679-685, 2015.

MUHAMAD AH et al. Management of lower second premolar impaction. Journal of Advanced Oral Research, 1(1): 71-79, 2015.

PETERSON et al. Cirurgia Oral e Maxilofacial Contemporânea, 2. ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan. p.702, 1996.

PORTELA, P. C. et al. Estudo da anatomia interna dos pré-molares – Revisão de literatura. Revista de Odontologia da Universidade Ibirapuera, v.19, n.37, p.63-72, 2011.

RODRIGUES, et al. Exodontia Atraumática: Escolha Da Técnica Com Base No Perfil Cirúrgico. Revista Cathedral, 2(2), 1, 2020.

RODRIGUES, et al. Extraction of included canines: report of two cases. Brazilian Journal of Development, Curitiba, v. 6, n. 7, p. 44918-44926, jul. 2020.

TANWAR et al. Non-syndromic multiple supernumerary premolars: clinicoradiographic report of fiv e cases. Journal of Dental Research, Dental Clinics, Dental Prospects 11(1):48-52, 2017.

SANDLER, P. J; SPRINGATE, S. D. Unerupted premolares - an alternative approach. British Journal of Orthodontics, v.18, n.4, p.315-21, 1991.

SANTOS, et al. Unerupted Premolar Extraction In Close Contact With The Mental Nerve: Case Report. Revista Odontológica de Araçatuba, v.40, n.3, p. 49-52, Setembro/Dezembro, 2019.

SHALISH, M. et al. Mal- position of unerupted mandibular second premolar associated with agenesis of its antimere. American Journal of Orthodontics and Dentofacial Orthopedics, v.121, n.1, p.53-6, 2002.

SHAPIRA, Y et al. Bringing impacted mandibular second premolars into occlusion. Journal of the American Dental Association, v.127, p.1075-8, 1996.

SILVA, F. O. G. et al. Relação intra-arco na dentadura decídua: diastemas, ausência de diastemas e apinhamento. Revista Ortodontia, v.35, n.4, p.8-20, 2002.

SHARMA, SNEHA D., et al. "Periotome as an aid to atraumatic extraction: a comparative double blind randomized controlled trial." Journal of maxillofacial and oral surgery 14.3 611-615, 2015.

YOSHIDA, W.B. A redação científica. Jornal Vascular Brasileiro, v.5, p.245-6, 2006.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n9-471

Refbacks

  • There are currently no refbacks.