Construção e avaliação de banco de questões sobre sexualidade / Building and evaluating a bank of questions about sexuality

Monaliza Ribeiro Mariano Grimaldi, Suzany Karla de Araújo Silva, Andryelle Rayane Coelho Oliveira, Fernanda Jorge Guimarães Guimarães, Paula Marciana Pinheiro Oliveira

Abstract


Objetivo: descrever a construção e avaliação de instrumento de avaliação de aprendizagem sobre sexualidade. Método: estudo metodológico, realizado com especialistas que avaliaram banco de questões quanto aos critérios de pertinência, clareza, unicidade, complexidade, repetição ou semelhança entre as questões e ambiguidade de resposta. Na análise dos critérios pertinência, clareza, unicidade adotou-se o percentual de concordância entre os especialistas para considerar a afirmativa adequada. Para os demais critérios, adotou-se a aceitação da maioria dos especialistas. Pesquisa aprovada por Comitê de Ética em Pesquisa. Resultados: participaram seis especialistas, do sexo feminino, enfermeiras, com tempo médio de experiência na área de saúde da mulher/ reprodutiva de sete anos. Após a avaliação, o banco foi constituído por 30 afirmativas, categorizadas em 21 afirmativas verdadeiras e nove falsas e organizadas nos níveis de baixa, média e alta complexidade. Conclusão: o banco de questões constitui um instrumento válido, que pode avaliar a informação obtida sobre sexualidade.


Keywords


Sexualidade. Estudos de validação. Educação em saúde.

References


Aguiar RB,Leal MCM, Marques APO. Conhecimento e atitudes sobre sexualidade em pessoas idosas com HIV. Ciênc. saúde coletiva. 2020 June; 25(6): 2051-2062. https://doi.org/10.1590/1413-81232020256.18432018.

Bussanello RS, Lima EAS, Vilela AC, Santana MR, Riegel F, Lemes AG, et al. Perfil de comportamento e características sexuais de caminhoneiros J. Health NPEPS. 2020 jan-jun; 5(1):228-241. http://dx.doi.org/10.30681/252610103821

Aguiar RB, Leal MCM, Marques APO, Torres KMS, Tavares MTDB. Idosos vivendo com HIV – comportamento e conhecimento sobre sexualidade: revisão integrativa. Ciênc. saúde colet. 2020 Fev;25(2):575-584. https://doi.org/10.1590/1413-81232020252.12052018.

Furlanetto MF, Marin AH, Gonçalves TR. Acesso e qualidade da informação recebida sobre sexo e sexualidade na perspectiva adolescente. Estud. pesq. psicol. 2019;19(3):644-664.

Polit DF, Beck CT. Fundamentos de pesquisa em Enfermagem: avaliação de evidências para a prática da enfermagem. Porto Alegre: Artmed; 2011.

Mettler M, Kemper DW. Information therapy: the strategic role of prescribed information in disease self-management. Int. J. Rheum Dis. 2005;8:69-76.

Pasquali L. Instrumentação psicológica: fundamentos e práticas. Porto Alegre: Artmed; 2010.

Silva SM, Ferreira MM, Amaral-Bastos MM, Monteiro MA, Couto GR. Diagnóstico do conhecimento dos adolescentes sobre sexualidade. Acta Paul Enferm. 2020; eAPE20190210.

Barbosa LU, Machado RS, Pereira JCN, Lima AGT, Costa SS, Folmer V. Percepción de adolescentes sobre sexualidad y salud reproductiva: la escuela como espacio para la educación sexual. Cult. Cuid. (Edición digital). 2019;23(55). http://dx.doi.org/10.14198/cuid.2019.55.03

Alves LS, Aguiar RS. Saúde sexual e infecções sexualmente transmissíveis na adolescência: uma revisão integrativa. Revista Nursing. 2020;23(263): 3683-3687.

Pinheiro PLL, Miranda MMC. El conocimiento de los adolescentes escolarizados sobre el virus del papiloma humano: revisión integrativa. Enferm. glob. 2019;18(4):603-663. https://doi.org/10.6018/eglobal.18.4.362881.

Ferreira EA, Alves VH, Pereira AV, Rodrigues DP, Santos MV, Gabrielloni MC. Sexualidade na Percepção de Adolescentes Estudantes da Rede Pública de Ensino de Macapá. Rev Fund Care Online. 2019; 11(5):1208-1212. http://dx.doi.org/10.9789/2175-5361.2019.v11i5.1208-1212

Santos SMS, Oliveira MLF. Conhecimento sobre AIDS e drogas entre alunos de graduação de uma instituição de ensino superior do estado do Paraná. Rev. latinoam. enferm. 2009;17(4):522-528.

Mariano MR, Guimarães FJ, Pagliuca LMF. Construção e avaliação de banco de questões sobre substâncias psicoativas. Rev. enferm UFPE on line. 2016;10(6):2075-81.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n11-673

DOI (PDF (Português (Brasil))): https://doi.org/10.34117/bjd.v6i11.20758.g16963

Refbacks

  • There are currently no refbacks.