Cienciometria do uso de fontes de energia renováveis no meio rural / The scientometrics of the use of renewable energy sources in rural areas

Diana Rosa dos Reis, Everton Melo Negreiros, Gabriella Andrezza Meireles Campos, Luciano de Oliveira, Maria Joselma de Moraes

Abstract


As fontes de energia renováveis surgem como uma alternativa no meio rural visando a diminuição do custo de produção e do uso de energéticos não-renováveis, estes de grande impacto ambiental. O uso de fontes de energia renováveis como a eólica, a solar, a biomassa, o biogás, dentre outras, pode ser uma alternativa economicamente viável para o produtor rural. No presente trabalho foi realizada a análise cienciométrica, através do mapeamento sistemático de publicações, para verificar a quantidade de produções científicas sobre o uso de fontes de energia renovável abrangendo ambientes rurais, no período entre 2009 e 2019. Foram utilizadas as bases de dados oferecidas pela Web of Science e Scopus por meio das palavras-chave: “renewable energy” (energia renovável), “rural areas” (áreas rurais) e “agriculture” (agricultura). A pesquisa resultou um total de 356 publicações, sendo que em 166 destes trabalhos o tema estava relacionado ao uso de energias renováveis em áreas rurais. Houve um aumento significativo na quantidade de publicações ao longo dos anos, no intervalo de tempo considerado. O período sucessivo a 2009 resultou no aumento de 163 publicações, o que corresponde a 98,19% das publicações, no período dos 11 anos verificados. A quantidade de estudos sobre a biomassa e biogás se destacam se comparados aos demais, devido à grande contribuição para proteção e preservação do meio ambiente.


Keywords


Mapeamento Sistemático, Biomassa, Agricultura.

References


BÜHRING, G. M. B; SILVEIRA, V. C. P. O biogás e a produção de suínos do sul do Brasil. Revista Brasileira de Energias Renováveis, Santa Maria, v.5, n.2, p.222-237, 2016. Disponível em: .

CUNHA, E. A. A.; SIQUEIRA, J. A. C.; NOGUEIRA, C. E. C.; DINIZ, A. M. Aspectos históricos da energia eólica no Brasil e no mundo. Revista Brasileira de Energias Renováveis, Botucatu, v.8, n.4, p.689- 697, 2019. Disponível em: .

DOGAN, E.; SEKER, F. Determinants of CO2 emissions inthe European Union: the role of renewable andnon-renewable energy. Renewable Energy, v. 94, agosto 2016, p. 429–439, 2016.

ELKADEEM, M. R.; WANG, S.; SHARSHIR, S. W.; ATIA E. G. Feasibility analysis and techno- economic design of grid-isolated hybrid renewable energy system for electrification of agriculture and irrigation area: A case study in Dongola, Sudan. Energy Convers Management, v. 196, setembro 2019, p. 1453–1478, 2019.

ELUM, Z.A; MOMODU, A.S. Climate change mitigation andrenewable energy for sustainable development inNigeria: a discourse approach. Renewable and Sustainable Enegy Reviews, v. 76, setembro 2017, p. 72–80, 2017.

EPE – EMPRESA DE PESQUISA ENERGÉTICA. O compromisso do Brasil no combate às mudanças climáticas: produção e uso de energia. Brasília: EPE, jun. 2016.

Disponível em: .

FERREIRA, D. F. Sisvar: a Guide for its Bootstrap procedures in multiple comparisons. Ciência e Agrotecnologia, v. 38, n. 2, p. 109–112, 2014. Disponível em: .

GOMÉZ-MARÍN, N.; BRIDGWATER, A. V. Mapping bionergy stakeholders: A systematic and scientometric review of capabilities and expertise in bioenergy research in the United Kingdom. Renowable and Sustainable Energy Reviews, v. 137, n. 110496, março 2021, 2021.

HUANG, Y. et al.; A feasibility analysis of dirtributed power plants from agricultural residues resoucers gasification in rural China. BIOMASS AND BIOENERGY, v. 121, p. 1-12, 2019.

IEA – INTERNATIONAL ENERGY AGENCY. Key world energy statistics 2016. 2016. Disponível em: < https://www.ourenergypolicy.org/wp-content/uploads/2016/09/KeyWorld2016.pdf>.

IRENA – INTERNATIONAL RENEWABLE ENERGY AGENCY. RE thinking Energy 2017. Abu Dhabi: Irena, 2017. Disponível em: < https://www.irena.org/publications/2017/Jan/REthinking-Energy-2017-Accelerating-the-global-energy-transformation>.

KAYGUSUZ, K. Energy services and energy poverty for rural regions. Energy Soucers, Part B: Economics, Planning and Policy, v. 5, n. 4, p. 424-433, 2010.

LIMA, D. O.et al. Uma análise sobre o mercado mundial do biodiesel. In: SOCIEDADE BRASILEIRA DE ECONOMIA, ADMINISTRACAO E SOCIOLOGIA RURAL (SOBER).46th Congress, July 20-23, 2008, Rio Branco, Acre, Brasil. [S.l.], 2008.

LOPES, M. A.; CONTINI, M. A. Agricultura, Sustentabilidade e Tecnologia. EMBRAPA Agroanalysis, fevereiro. 2012, 8 p. 2012. Disponível em: < http://bibliotecadigital.fgv.br/ojs/index.php/agroanalysis/article/viewFile/24791/23560>.

MUÑOZ, L.; MAZÓN, J.N.; TRUJILLO, J. ETL Process Modeling Conceptual for Data Warehouses: A Systematic Mapping Study. IEEE Latin America Transactions, v. 9, n. 3, junho 2011, p. 358-363. 2011. Disponível em: .

PASQUAL, J. C.; BOLMANN, H. A.; SCOTT, C. A.; EDWIGES, T.; BAPTISTA, T. C. Assessment of collective production of biomethane from livestock waste for urban transportation mobility in Brazil and the United States. Energies, v. 11, n. 4, abril 2018, p. 997, 2018. Disponível em: .

PINTO, L. I. C.; MARTINS, F. R.; PEREIRA, E. B. O mercado brasileiro da energia eólica, impactos sociais e ambientais. Revista Ambiental & Água, Talbaté, v. 12, n.6, p. 1082-1100, 2017. Disponível em: .

RAHMAN, K.M. MELVILLE, L.; EDWARDS, D.J.; FULFORD, D.; THWALA, W.D. Determi-nation of the potential impact of domestic anaerobic digester systems: acommunity based research initiative in rural Bangladesh. Processes, v. 7, n. 512, p. 1-14, 2019. Disponível em: .

ROSCH, C. Agrovoltaic Systems: The Energy Transition in Agricullture. Gaia-Ecological Perspectives for Science and Society, v. 25, ed. 4, p. 242-246, 2016.

SANTOS, G. H. F.; NASCIMENTO, R. S. do; ALVES, G. M. Biomassa como Energia Renovável no Brasil, Revista Uningá Review, Maringá, v. 29, n. 2, fevereiro 2017, p. 06-13, 2017. Disponível em: .

SANTOS, J. A. L dos.; CRUZ, C. D. S da. Energias renováveis: potencialidades e desafios da produção de biodiesel na Bahia. Revista Bahia Análise & Dados, Salvador, v. 27, n. 1, jan./jun. 2017 p. 230-257, 2017. Disponível em: .

SOUZA, A. S.; DURAN, A.; VIEIRA, V. Um estudo de Mapeamento Sistemático sobre Ontologias para a Metodologia de Aprendizagem Baseada em Problemas. III Congresso de Informática e Educação, 2014. XXV Simpósio Brasileiro de Informática na Educação, 2014. Salvador – BA, p. 1103-112, 2014.

SILVA, F. V. P.; FEITOSA, H. O.; PEREIRA, C. F.; SILVA, J. A. S.; FEITOSA, E. O. Potencial de energia solar para a irrigação no município de Barbalha-CE. Revista Energia na Agricultura, Botucatu, v. 32, n. 1, p. 57-64, 2017. Disponível em: .

SILVA, I. P.; LIMA, R. M. A; RUZENE, D. S.; SILVA, D. P. Resíduos agroindustriais como biomassa alternativa para geração de energia distribuída em comunidades rurais. In: SILVA, G. F. (Org.) et al. Energias alternativas: tecnologias sustentáveis para o nordeste brasileiro. Aracaju: Associação Acadêmica de Propriedade Intelectual, 2019. p. 189-211.

SILVA, L. F da.; SPADIM, E. R.; REZENDE, B. N.; CURY, L. D.; ARRUDA, N. L. F. V. Biogás e água residuária de suinocultura: potencial de produção energética. Revista Energia na Agricultura, Botucatu, v. 34, n. 3, p. 399-405, 2019. Disponível em: .

SOLOVIY, I.; MELNYKOVYCH, M.; GURUNG, A. B.; HEWITT, R. J.; USTYCH, R.; MAKSYMIV, L.; BRANG, P.; MEESSEN, H.; KAFLYK, M. Innovation in the use of wood energy in the Ukrainian Carpathians: Opportunities and threats for rural communities. Forest policy and economics, v. 104, p. 160-169, 2019. Disponível em: .

VARDAR, A.; EKER, B.; KURTULMU?, F.; TA?KIN, O. Developing Wind?Concentrator Systems for the Use of Wind Turbines in Areas with Low Wind?Speed Potentials. Energy Technology, v. 3, n. 12, p. 1260-1270, 2015. Disponível em: .

WALSH, B. Community: a powerful label? Connecting wind energy to rural Ireland. Community Development Journal, v. 53, n. 2, p. 228-245, 2018. Disponível em: .

WESELEK, A.; EHMANN, A.; ZIKELI, S.; LEWANDOWSKI, I.; SCHINDELE, S.; HÖGY, P. Agrophotovoltaic systems: Applications, challenges,and opportunities. Agronomy for Sustainable Development, v. 39, junho 2019, article number: 35, 2019.

ZENG, Y.; ZHANG, J.; HE, K. Effects of conformity tendencies on households’will-ingness to adopt energy utilization of crop straw: evidence from biogas in rural China. Renewable Energy, v. 138, p. 573–584, 2019.

ZHANG, X.; ZHANG, M.; YANG, J.; JING, T., WANG, W. Capacity configuration optimization of a rural micro-energy grid with heating, cooling, electricity and biogas based on transferable rural loads. International Agricultural Engineering Journal, v. 28, n. 2, p. 33-45, 2019.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n4-258