Contribuições e desenvolvimento da Inteligência Emocional no ensino superior / Contributions and development of Emotional Intelligence in higher education

Jeferson Batista Silva, Tainara Augusta Amaral dos Santos, Jefferson Da Conceição Lima

Abstract


As facetas da vida são dotadas de percalços e adversidades as quais o indivíduo perpassa cotidianamente, o que não ocorre de forma diferente no Ensino Superior, visto que os estudantes passam por um conjunto de desafios e adaptações. Logo, um fator que vai influenciar diretamente nesse percurso, é a habilidade de lidar e conduzir as emoções frente às adversidades, esse é nomeado de inteligência emocional, termo esse que é bem recente em nossa cultura bem como no meio acadêmico, e diz respeito das habilidades do indivíduo em se ter domínio acerca das emoções frente às contingências ambientais ou sociais. Nesse sentido, teve-se por objetivo neste presente trabalho investigar acerca das contribuições da Inteligência emocional e o que a falta dela pode causar da formação acadêmica para a vida apresentando também métodos para desenvolvê-la, utilizando ao longo do trabalho de uma revisão e reflexão teórica acerca de materiais científicos. Partiu-se da ideia de que a inteligência emocional pode e vai influenciar no desempenho vivencial dos indivíduos em todas as vertentes de sua vida, seja ela pessoal, acadêmica ou profissional, por isso a necessidade de se pensar no desenvolvimento desta.


Keywords


inteligência, inteligência emocional, cognições, inteligência emocional no ensino superior.

References


BELÉM, A.; MATOS, R. Liderança organizacional: estudo sobre o desenvolvimento da inteligência emocional no papel de liderança dos alunos universitários perante o futuro mercado de trabalho. Brazilian Journal of Development. Curitiba, v. 6, n. 10, p.79221-79241, out 2020.

CUNHA, Simone Miguez; CARRILHO, Denise Madruga. O processo de adaptação ao ensino superior e o rendimento acadêmico. Psicol. Esc. Educ. (Impr.), Campinas , v. 9, n. 2, p. 215-224, Dec. 2005 . Available from . Access on 29 Aug. 2020. https://doi.org/10.1590/S1413-85572005000200004.

CABRAL, A. P. et al. O Estresse e as Doenças Psicossomáticas. Belo Horizonte : revista de psicofisiologia, 1997. Acesso em: 08 de novembro de 2020. Disponível em: http://labs.icb.ufmg.br/lpf/revista/revista1/volume1_estresse/cap1_introducao.htm

FIOR, Camila Alves; MERCURI, Elizabeth. Envolvimento acadêmico no ensino superior e características do estudante. Rev. bras. orientac. prof, Florianópolis , v. 19, n. 1, p. 85- 95, jun. 2018 . Disponível em <"http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1679"pid=S1679- 33902018000100010&lng=pt&nrm=iso>. acesso em 29 out. 2020.

GOLEMAN, Daniel. Inteligência emocional – a teoria revolucionária que redefine o que é ser inteligente, Rio de Janeiro, Editora Objetiva, 2011.

GUERRA A. A, F.. Inteligência emocional aplicada ao ensino superior. Revista de trabalhos acadêmicos-campus niterói, américa do norte, 0, out. 2011. Acesso em: 30 Ago. 2020. Disponível "http://www.revista.universo.edu.br/index.php?journal=1reta2&page=article&op=view&path%5B%5D=314&path%5B%5D=295"p

ROBERT L, Leahy; TIRCH, D;. NAPOLITANO, Lisa A. Regulação emocional em psicoterapia [recurso eletrônico] : um guia para o terapeuta cognitivo-comportamental; tradução: Ivo Haun de Oliveira ; revisão técnica: Irismar Reis de Oliveira. – Dados eletrônicos. – Porto Alegre : Artmed, 2013.

VALENTE, S., & ALMEIDA, L.S. (2020). Educação emocional no Ensino Superior: Alguns elementos de reflexão sobre a sua pertinência na capacitação de futuros professores. Revista E-Psi, 9(1), 152-164. Acesso em: 30 de agosto de 2020. Disponível em: https://revistaepsi.com/artigo/2020-ano9-volume1-artigo10/

WOYCIEKOSKI, Carla; HUTZ, Claudio Simon. Inteligência emocional: teoria, pesquisa, medida, aplicações e controvérsias. Psicol. Reflex. Crit., Porto Alegre , v. 22, n. 1, p. 1- 11, 2009. Acesso em: 08 Nov. 2020. Disponível em : https://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0102-79722009000100002&script=sci_abstract&tlng=pt




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n4-316

Refbacks

  • There are currently no refbacks.