Determinação experimental da curva de polarização de uma célula a combustível tipo pem / Experimental determination of the pem type fuel cell polarization curve

Roque Machado de Senna, Henrique Senna, Marcelo Linardi, Rosimeire Aparecida Jerônimo

Abstract


A geração de energia elétrica se apresenta como um grande desafio para a humanidade, devido ao seu enorme potencial poluidor, notadamente quando advinda de combustíveis fósseis. No mundo, em 2013, como mostrado no BEN 2016, apenas 13,5% da matriz energética compunha-se de combustíveis renováveis, sendo no Brasil 41,2%. Baseado nessas estatísticas pode-se afirmar que a produção de energia no Brasil ainda é predominante de combustíveis fósseis. Uma das alternativas que merece destaque especial é a tecnologia de células a combustível (CAC), pois são dispositivos sustentáveis e não poluentes que oxidam eletroquimicamente o combustível, em geral hidrogênio, gerando energia elétrica e calor. Pretende-se com esse trabalho, mostrar os procedimentos para ensaiar uma CAC unitária, de eletrólito sólido ETEK_HP, composto por uma membrana de náfion (PTFE), de espessura de 115 µm, sendo o eletrodo constituído por catalisador de platina, com carga de 0,4mg/cm² no ânodo, e 0,6mg/cm² no cátodo, suportados em carbono. O ponto ótimo de operação da CAC pela eficiência do MEA foi em 433 [email protected] mA, de característica linear, e não está sujeito, significativamente, aos fenômenos de ativação e transferência de massa. Nota-se que entre 365 mV e 558 mV, a densidade foi acima de 0,45 W/cm², e consequentemente a potência da CAC acima de 11 W. O consumo de oxigênio e hidrogênio foi mais eficiente acima de 800 mV.

 

 


Keywords


Curva de Polarização. Ensaios de Células a Combustível tipo PEM. CAC unitária. Geração de Energia Eletroquímica.

References


ALDABÓ, R. Célula Combustível a Hidrogênio – Fonte de Energia da Nova Era. São Paulo: Artiber, 2004. 182p

BEN - BALANÇO ENERGÉTICO NACIONAL 2016. Rio de Janeiro. Brasil.

COOK, BRIAN. Introduction to fuel Cells and hydrogen technology. Engineering Science and Education Journal, published by Elsevier. V. 11, issue 6. Dec. 2002. P. 205-216.

CUNHA, E. F. Avaliação e Aplicação de Tecnologias de Células a Combustível tipo PEMFC Desenvolvidas no IPEN em um Módulo de 500We de Potência Nominal. 2009. 135p. Tese (Doutorado em Ciências – Tecnologia Nuclear), Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares, IPEN/USP, São Paulo, Brasil.

FELTRE, R. Físico Química. Editora Moderna. 6. Ed. 2004, 417p. São Paulo, Brasil.

LINARDI, M.; Introdução à Ciência e Tecnologia de Células a Combustível. São Paulo-SP, Brasil: Altiber Editora, 1ª edição, 2010. 152p. ISBN: 978-85-88098-52-7

SPINACÉ, E.V., OLIVEIRA NETO, A.; LINARDI, M. Electro-oxidation of methanol and ethanol using PtRu/C electro catalysts prepared by spontaneous deposition of platinum on carbon-supported ruthenium nanoparticles. Journal of Power Sources, v. 129, issue 2, p. 121-126, 22 Apr. 2004

WENDT, H.; LINARDI, M.; ARICÓ, E. Células a Combustível de Baixa Potência para Aplicações Estacionárias, Química. Nova, São Paulo, SP. Vol. 25, No. 3, p. 470-476, 2002




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv5n8-091