Estudo sociocognitivo da recategorização nas charges / Sociocognitive study of recategorization in charges

Jorgelene de Sousa Lima, Nathália Maria Lopes Dias, Carolina Silva Ferreira, Valdívia Regina Medeiros Queiroz, Jorgeanne de Sousa Lima

Abstract


Este estudo objetivou discutir a recategorização nas charges a partir de uma investigação sociocognitiva, considerando ser este gênero textual envolto por elementos mistos, já que envolve, em geral, a linguagem verbal e imagética. Destacam-se neste processo as funções da recategorização em textos verbo-visuais, além da metáfora como degrau para a recategorização. Para tanto, utilizou-se o método descritivo, o qual permite a partir de uma abordagem qualitativa, entender o referido fenômeno nos textos em destaque. Foram selecionadas quatro charges retiradas de jornais de grande circulação na cidade de Teresina/PI produzidas entre 2010 e 2012, nas quais a recategorização se faz presente e cujo efeito irônico e cômico são acionados pelo referido processo. Ao final, as análises demonstraram que a recategorização contribui para o efeito cômico e irônico, atuando de modo mais peculiar neste último. As charges estudadas têm a recategorização construída por meio da imagem, que não é lida de forma linear, diferenciando-se, dessa forma, da recategorização em textos apenas com elementos verbais, em que a leitura ocorre de modo linear.


Keywords


Referenciação, multimodalidade, metáfora, ironia.

References


APOTHÉLOZ D., REICHLER-BÉGUELIN, M. J. Construction de la référence et stratégies de désignation. In: BERRENDONNER & REICHLER-BÉGUELIN, M-J. (eds.). Du sintagme nominal aux objects-de-discours: SN complexes, nominalizations, anaphores. Neuchâtel: Institute de linguistique de l’Université de Neuchâtel, 1995, p. 227-71.

BALDRY, A.; THIBAULT, P. J. Multimodal Transcription and Text Analysis: A. Multimedia Toolkit and Coursebook. London/Oakville, Equinox, 2006. 270 pp. Disponível em: http://download2.hermes.asb.dk/archive/download/Hermes-41-2-baldry%26thibault.pdf. Acesso em: 13.05.13.

GIL, A. C. Técnicas de pesquisa científica. São Paulo: Atlas, 2002.

KRESS, G.; VAN LEEUWEN, T. Reading images. London/New York: Routledge, 1996.

LAKOFF, G. Women, fire and dangerous things. Chicago: University of Chicago Press, 1987.

LIMA, S. M. C. de. Entre os domínios da metáfora e da metonímia: um estudo de processos de recategorização. Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2009.

MONDADA, L.; DUBOIS, D. Construção dos objetos e categorização: uma abordagem dos processos de referenciação. In: CALVACANTE; RODRIGUES; CIULLA (Org.). Referenciação. São Paulo: Contexto, 2003. p. 17-52.

TENO, N. A. C; OLIVEIRA, E. L. dos S; OLIVEIRA, A. F. de. Multimodalidade e o conhecimento de mundo: articulações necessárias para a construção de sentido. Braz. J. of Develop., Curitiba, v. 6, n.11, p.92776-92790 nov. 2020.

VAN LEEUWEN, T. Ten Reasons Why Linguistics Should Pay Attention to Visual Communication. In: P. LEVINE & R. SCOLLON. Discourse & Tecnology: Multimodal Discourse Analisis. Georgetown, Georgetow University Press, 2004.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n4-552

Refbacks

  • There are currently no refbacks.