Avanço da Pecuária de Corte, o desmatamento na Amazônia Ocidental e o desenvolvimento / Advancing Beef Cattle, Deforestation in the Western Amazon, and Development

Josimar dos Santos Mateus, Carolina Pante, Mariluce Paes de Souza, Theophilo Alves de Souza Filho

Abstract


O artigo analisa o avanço da pecuária de corte na Amazônia Ocidental, com destaque para o estado de Rondônia na região no município de Buritis. Uma associação entre o desmatamento e consequentemente o crescimento do município. Faz-se uma ponderação sobre a questão agroecológica, considerando a responsabilidade compartilhada quanto a sustentabilidade dos agrossistemas. Utiliza-se como procedimento metodológico a pesquisa documental e exploratória. Foi possível perceber que a Região estudada possui representatividade no mercado da agropecuária que foi obtida a custo do desmatamento da cobertura florística para a criação extensiva de bovídeos. Conclui-se que tal prática não levou em consideração, as diversas formas sustentáveis que o agrossistema pode proporcionar de produzir, ao tempo que protege o meio ambiente.

 

 

 


Keywords


Desenvolvimento. Sustentabilidade. Agrossistemas. Bovinocultura.

References


ATLASBRASIL. Atlas do Desenvolvimento no Brasil. Brasil, 2013. Acesso em 29 de março de 2019. Link: http://atlasbrasil.org.br/2013/pt/perfil_m/buritis_ro#demografia

BECKER, Bertha K.; LÉNA, Philippe. Pequenos empreendimentos alternativos na Amazônia. Rio de Janeiro, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rede de Sistemas Produtivos e Inovativos Locais, 2002. Acesso em 21 de maio de 2019. Link: http://www.ie.ufrj.br/redesist/NTF2/NT%20Bertha-Philippe.PDF

BESSA, M. M.; VENTURA, M. V. A.; ALVES, L. d. S. Agroecologia, sustentabilidade e a necessidade dos movimentos agroecológicos se tornarem políticas públicas. Revista Desafios, 2(2), 181-197, 2016. DOI: https://doi.org/10.20873/uft.2359-3652.2016v2n2p181

CÂMARA MUNICIPAL DE BURITIS. História do município de Buritis. Acesso em 27 março de 2019. Link: https://www.buritis.ro.leg.br/institucional/historia

CÂNDIDO, Gesinaldo de Ataíde et al. Avaliação da sustentabilidade de unidades de produção agroecológicas: um estudo comparativo dos métodos Idea e Mesmis. Ambiente & Sociedade. São Paulo, v. 18, n. 3, p. 99-120, 2015. DOI: https://dx.doi.org/10.1590/1809-4422ASOC756V1832015

CASTRO, Albejamere Pereira de et al. Os sistemas agroflorestais como alternativa de sustentabilidade em ecossistemas de várzea no Amazonas. Acta Amaz., Manaus, v. 39, n. 2, p. 279-288, 2009. DOI: https://dx.doi.org/10.1590/S0044-59672009000200006

CRESWELL, J. Projeto de pesquisa: métodos qualitativo, quantitativo e misto. 3. ed. Porto Alegre: Booking: Artimed, 2010.

DA COSTA, Reginaldo Brito; DE ARRUDA, Eduardo José; SILVA DE OLIVEIRA, Lincoln Carlos. Sistemas agrossilvipastoris como alternativa sustentável para a agricultura familiar. Interações (Campo Grande), [S.l.], p. 25-32, 2016. DOI: http://dx.doi.org/10.20435/interacoes.v3i5.567

DA VEIGA, José Eli; EHLERS, Eduardo. Diversidade biológica e dinamismo econômico no meio rural. Economia do meio ambiente: teoria e prática. Rio de Janeiro, Ed. Campus, p. 271-290, 2003. Acesso em 14 de dezembro de 2018. Link: http://citrus.uspnet.usp.br/feaecon/media/fck/File/Veiga%20eEhler%20-%20in%20MayorgEMA%202010.pdf

ELLISON, David et al. Governance options for addressing changing forest-water relations. Forest and Water on a Changing Planet: Vulnerability, Adaptation and Governance Opportunities. A Global Assessment Report, pp. 147-170, 2018. Acesso em 02 de dezembro de 2018. LINK: http://hdl.handle.net/10204/10347

GIL, Antonio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. São Paulo, v. 5, n. 61, p. 16-17, 2002.

HOMMA, Alfredo. Extrativismo, manejo e conservação dos recursos naturais na Amazônia. Economia do meio ambiente: teoria e prática. 2ª Edição. Rio de Janeiro, Elsevier/Campus, 2010, p. 353 - 374.

IBGE. Metodologia do Censo Demográfico 2000. Rio de Janeiro: IBGE, 2003. (Série Relatório Metodológico, 25). Acesso em 29 de março de 2019. Link: https://ww2.ibge.gov.br/home/estatistica/populacao/censo2000/metodologia/metodologiacenso2000.pdf

IDARON. Agência de Defesa Sanitária Agrosilvopastoril do Estado de Rondônia. Acesso em 02 de março de 2019. Link: http://www.idaron.ro.gov.br/index.php/relatorios-e-formularios/

MORÁN, Emiliio F., A ecologia humana das populações da Amazônia. Petrópolis, RJ: Vozes, 1990.

NOBRE, Carlos A. et al. Land-use and climate change risks in the Amazon and the need of a novel sustainable development paradigm. Proc. Natl Acad. Sci. EUA 113, 10759-10768, 2016. DOI: https://doi.org/10.1073/pnas.1605516113

OLIVEIRA, Ovídio Amélio de. História e Geografia do município de Buritis. 3ª edição, Porto Velho: Dinâmica editora e distribuidora ltda, 2014.

PREZOTTO, Leomar Luiz. Uma concepção de agroindústria rural de pequeno porte. Revista de ciências humanas, n. 31, p. 133-153, 2002. Acesso em 02 de novembro de 2018. Link: https://periodicos.ufsc.br/index.php/revistacfh/article/view/25195

SAUNDERS, Mark.; LEWIS, Philip.; THORNHILL, Adrian. Research Methods for Business Students. 6ed. Essex, England: Pearson, 2012.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv5n10-028

Refbacks

  • There are currently no refbacks.