Sentimentos e vivências maternas acerca do processo da amamentação em uma unidade pediátrica / Maternal feelings and experiences about the breastfeeding process in a pediatric unit

Flávia Felipe Thibau Reis, Felipe Leonardo Rigo, Bárbara Costa Moreira, Stayse Soares de Almeida, Thiago Teixeira de Souza

Abstract


Introdução: A hospitalização da criança pode gerar angústias e anseios nas mulheres que amamentam como também o não incentivo pelos profissionais de saúde podem repercutir no desmame da criança. Objetivo: Descrever os sentimentos e vivências das mães de lactentes acerca do processo de amamentação durante a internação hospitalar. Método: Estudo qualitativo, de caráter exploratório e descritivo, realizado na Unidade de internação pediátrica de um hospital público da rede estadual de saúde de Minas Gerais, entre os meses de julho a outubro de 2020. Resultados: Foram entrevistadas 13 participantes. As mulheres, em sua maioria, consideram a amamentação como um momento de prazer, felicidade e satisfação e mencionaram a importância e benefícios do leite materno para o desenvolvimento do lactente. O uso de dispositivo hospitalares, o espaço físico da unidade, e o grande fluxo de pessoas nas enfermarias foram apontados como fatores que dificultam a amamentação. Conclusão: É fundamental que haja espaços destinados para que as mulheres façam extração do leite materno e que haja o engajamento de todos os profissionais multiprofissional para fomentar práticas que possam contribuir para a manutenção e estímulo ao processo de amamentação.


Keywords


Aleitamento materno; Sentimentos, Hospitalização

References


Silva AM; Santos MCS; Silva SEM; et al. Aleitamento materno exclusivo: empecilhos apresentados por primíparas. Rev enferm UFPE on line [internet]. 2018 [Citado 10 Fev 2021] 12(12):3205-11. Disponível em: https://periodicos.ufpe.br/revistas/revistaenfermagem/article/view/236599/30770. DOI: https://doi.org/10.5205/1981-8963-v12i12a236599p3205-3211-2018

Ministério da Saúde (BR), Secretaria de Atenção à Saúde. Saúde da criança: aleitamento materno e alimentação complementar – 2. ed, 2015. Brasília, 2015. [Citado 08 Mar 2021]. Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/saude_crianca_aleitamento_materno_cab23.pdf

Lima RM; Gomes FMA; Aguiar FAR; et al. Experiências de Mães Durante a Internação Hospitalar de Seus Filhos. Rev Fund Care Online out./dez .[Internet].2019. [Citado 10 Fev 2021] 11(5): 1286-1292. Disponível em: http://www.seer.unirio.br/index.php/cuidadofundamental/article/viewFile/7510/pdf_1. DOI: 10.9789/2175-5361.2019.v11i5.1286-1292

Gorgulho FR; Pacheco STA. Amamentação de prematuros em uma unidade neonatal: a vivência materna. Esc Anna Nery Rev Enferm [Internet].2008 [Citado 10 Fev 2021].12 (1): 19 - 24. Disponível em: https://www.scielo.br/j/ean/a/XL9Q5StRzNxZZP9pVRwjcQF/?lang=pt. DOI: 10.1590/S1414-81452008000100003

Câmara RH. Análise de conteúdo: da teoria à prática em pesquisas sociais aplicadas às organizações. Gerais, Rev. Interinst. Psicol. [Internet]. 2013 Jul [citado 21 Jun 2021] ; 6 ( 2 ): 179-191. Disponível em: http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1983-82202013000200003&lng=pt.

Eulálio MC; Macedo JQ; Gomes LN; et al. Significado da amamentação vivenciado por mães nutrizes. Rev Enferm UFSM [Internet] 2014 Jul [Citado 10 Abr 2021] 4(2):350-358. Disponível em: https://periodicos.ufsm.br/index.php/reufsm/article/view/10519/pdf. DOI: 10.5902/2179769210519

Ministério da Saúde (BR), Secretaria de Atenção à Saúde. Saúde da criança: nutrição infantil: aleitamento materno e alimentação complementar. Brasília; 2009. [Citado 10 Fev 2021]. Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/saude_crianca_nutricao_aleitamento_alimentacao.pdf

WHO. Global strategy for infant and young child feeding. World Health Organization, 2002. [Citado 10 Jan 2021] Disponível em: http://apps.who.int/iris/bitstream/handle/10665/42590/9241562218.pdf?sequence=1

Emidio SCD, Oliveira VRRF, Carmona EV. Mapeamento das intervenções de enfermagem no estabelecimento da amamentação em uma unidade de internação neonatal. Rev. Eletr. Enferm. [Internet]. 2020 [Citado 17 Mai 2021] 22:61840. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/fen/article/view/61840/35574. DOI: 10.5216/ree.v22.61840

Cocaa, KP; Pintoa VL; Westphala F; et al. Conjunto de medidas para o incentivo do aleitamento materno exclusivo intra-hospitalar: evidências de revisões sistemáticas. Rev Paul Pediatr [Internet] 2018 [Citado 20 Abril 2021] 36(2):214-220. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/rpp/v36n2/0103-0582-rpp-2018-36-2-00002.pdf. DOI: 10.1590/1984-0462/;2018;36;2;00002

Benedett A; Ferraz L; Silva IA. A prática da amamentação: uma busca por conforto. Rev Fund Care Online [Internet]. 2018 [Citado 13 Mai 2021] 10(2):458-464. Disponível em: http://www.seer.unirio.br/index.php/cuidadofundamental/article/view/6089/pdf_1. DOI: 10.9789/2175-5361.2018.v10i2.458-464

Lima SP; Santos EKA; Erdmann AL; et al. Percepção de mulheres quanto à prática do aleitamento materno: uma revisão integrativa. J. res.: fundam. care. [Internet]. 2019 [Citado 10 Fev 2021] 11(1): 248-254. Disponível em: http://www.seer.unirio.br/index.php/cuidadofundamental/article/view/6853/pdf_1. DOI: 10.9789/2175-5361.2019.v11i1.248-254

Barbosa GEF; Pereira JM; Soares MS; et al. Dificuldades iniciais com a técnica da mamada e impacto na duração do aleitamento materno exclusivo. Rev. Bras. Saúde Mater. Infant [Internet] 2018. [Citado 17 Mai 2021] 18 (3): 527-537 Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/rbsmi/v18n3/pt_1519-3829-rbsmi-18-03-0517.pdf. DOI: 10.1590/1806-93042018000300005

Sociedade Brasileira de Pediatria. A importância do aleitamento materno: Departamento Científico de Aleitamento Materno Online [Internet] 2019 [Citado 13 Mai 2021]. Disponível em: https://www.sbp.com.br/especiais/pediatria-para-familias/nutricao/aleitamento-materno/




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n10-025

Refbacks

  • There are currently no refbacks.