Análise comparativa das propriedades térmicas dos métodos construtivos insulated concrete forms e alvenaria convencional para cidades de temperaturas elevadas / Comparative analysis of the thermal properties of insulated concrete forms and conventional masonry construction methods for high-temperature cities

Felipe Daniel Bastos Lopes, Marco Antônio de Moura Fortes, Pedro Afonso de Araújo Costa, Tiago de Macedo Lima Moura Fé, Carol Chaves Mesquita e Ferreira

Abstract


O mundo muda, as pessoas mudam e consequentemente a engenharia muda. A todo momento soluções são criadas agregando cada vez mais a construção civil. Nesse contexto o método construtivo Insulated Concrete Forms (ICF) surge como uma opção para regiões de clima agressivo. O presente estudo tem como objetivo realizar uma análise comparativa das propriedades térmicas entre o método ICF e o método de alvenaria convencional, através da coleta de dados executada por um sistema Arduino enquanto sua análise é realizada com o auxílio do Excel. Por ser uma pesquisa baseada em volume de dados coletados, possui natureza quantitativa e como o alvo de estudo é um tema pouco conhecido e voltado para um caso específico, é possível definir que também se trata de um estudo de caso de natureza exploratória. Após realizado o experimento os resultados foram sólidos, com o ICF chegando a ser 7°C mais frio que a alvenaria durante as máximas temperaturas do dia, além de demonstrar uma variação de temperatura menor, o que é muito convincente quanto à eficiência desse método construtivo.


Keywords


Análise comparativa, Análise térmica, ICF, Alvenaria.

References


CAVALCANTE, M. A; TAVOLARO, C. R. C; MOLISANI, E. Física com Arduíno para iniciantes. Revista Brasileira de Ensino de Física, v.33, n.4, 4503. 2011. Acesso em: fevereiro, 2021

FAVERO, L. P. Manual de Análise de Dados - Estatística e Modelagem Multivariada com Excel®, SPSS® e Stata®. [Digite o Local da Editora]: Grupo GEN, 2017. 9788595155602. Disponível em: https://integrada.minhabiblioteca.com.br/#/books/9788 595155 602 /. Pág 240 Acesso em: 17 May 2021




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n10-176

Refbacks

  • There are currently no refbacks.