Análise de manifestações patológicas em fachada de patrimônio histórico na cidade do Recife – PE: Ginásio Pernambucano / Analysis of building defects on the facade of a historical heritage in the city of Recife – PE: Ginásio Pernambucano

Catharina Silveira Rodrigues, Fabrício Fernando de Souza Lima, Lucas Rodrigues Cavalcanti, Eliana Cristina Barreto Monteiro

Abstract


As edificações históricas têm um valor inestimável para a sociedade, pois estão diretamente ligadas a cultura e a identidade do local onde foi construída. Apesar de sua importância, é notória a falta de manutenção e restauração pela quantidade de manifestações patológicas encontradas nessas construções, que surgem por diversos motivos, seja pela técnica utilizada para construir, o ambiente ou outros fatores. Além disso, essas manifestações diminuem a vida útil da edificação e comprometem sua funcionalidade. As fachadas, por estarem mais expostas aos agentes agressivos estão mais sujeitos a essas degradações. Portanto, o objetivo deste trabalho consiste em explorar manifestações patológicas presentes na fachada frontal do Ginásio Pernambucano, a fim de dar suporte em possíveis obras de restauração nesse empreendimento. Para isso, a metodologia consistiu de revisões bibliográficas, inspeções visuais no Ginásio Pernambucano para a verificação de todos os danos e, após as inspeções visuais foi confeccionado o Mapa de Danos da fachada visando contribuir com futuras obras de restauro e manutenção. Os resultados apontam diversas manifestações patológicas encontradas, sendo as principais, vistas a partir do Mapa de Danos, sujidade, umidade, destacamento da pintura e eflorescência. Foi verificado que a maioria dessas manifestações patológicas estavam ligadas a fatores climáticos como a água da chuva, temperatura e incidência solar. Conclui-se com o Mapa de Danos elaborado e inspeções realizadas que essas manifestações patológicas podem ser sanadas com projetos de manutenção e limpeza que são importantes para preservação do patrimônio, de forma que não haja diminuição da vida útil.

Keywords


Manifestações Patológicas, Construção Civil, Mapa de Danos, Patrimônio Histórico.

References


ANTUNES, Giselle Reis. Estudo de manifestações patológicas em revestimento de fachada em Brasília: Sistematização da incidência de casos. Dissertação de Mestrado – Universidade de Brasília. Faculdade de Tecnologia. Brasília, 2010.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 15575: Edificações habitacionais — Desempenho: Requisitos para os sistemas estruturais. Rio de Janeiro, 2015.

BARRETO, Lydia Marques. Manifestações patológicas em fachadas de edificações religiosas: Um estudo na cidade de Recife-PE. Dissertação de Mestrado em Engenharia Civil, Universidade de Pernambuco. Recife, 2020.

BERTOLINI, Luca. Materiais de construção: patologia, reabilitação, prevenção. 1.ed.São Paulo: Oficina de textos, 2010. 408 p.

CAVALCANTE, Ed. Ginásio Pernambucano, monumento vivo. Jornália do Ed. 2009. Disponível em: . Acesso em 28/02/2021.

ROCHA, Eudes de Arimatéa. Manifestações patológicas em fachadas de edificações religiosas do sec. XVI e XVII: Um estudo na região do Sítio Histórico de Olinda-PE. Dissertação de Mestrado em Engenharia Civil, Universidade de Pernambuco. Recife, 2017.

SANTANA, Luciana Justino de Almeida Silva. Acesso e imaginário social do Ginásio Pernambucano na década de 1980. Dissertação de Mestrado, Universidade Federal de Pernambuco. Recife, 2011.

TINOCO, Jorge Eduardo Lucena. Mapa de Danos: Recomendações Básicas. Vol.43. Olinda, 2009.

VICENTE, R.; FERREIRA, T. M.; SILVA, J. A. R. M. Supporting urban regeneration

and building refurbishment. Strategies for building appraisal and inspection of old building stock in city centres. Journal of Cultural Heritage. [S.I.]: Elsevier, n. 15, p. 1 – 14, 2015.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n10-240

Refbacks

  • There are currently no refbacks.