Resíduos sólidos: avaliação exploratória sobre as condições de infraestrutura no município de Curaçá – BA / Solid waste: exploratory evaluation on infrastructure in conditions Curaçá county - BA

Heitor de Santana Rodrigues, Emanuela Gonçalves, Naedja Mayara de Souza Ferraz, Pamella Horrana Santos Almeida, Miriam Cleide Cavalcanti de Amorim

Abstract


O presente trabalho teve como objetivo, avaliar as condições de infraestrutura buscando se fazer um checklist em Curaçá – BA, como parte das atividades vinculada no âmbito do Programa de Educação Tutorial – Conexões de Saberes Saneamento Ambiental criado nas Instituições de Ensino Superior, com o intuito de empoderar comunidades, no que diz respeito à valorização e uso adequado dos serviços de saneamento básico, utilizando para isso ações de educação sanitária e ambiental. Realizou-se um checklist com visita exploratória in loco nas ruas do município, com perguntas objetivas desenvolvidas para elucidar as instalações de infraestrutura no local. Constatou-se que, em se tratando de carros de lixo circulando para coleta dos resíduos sólidos urbanos 79% das ruas são contempladas. Além disto, através da visita in loco, pôde-se constatar que o município apresenta lixão como fonte de destinação final dos resíduos sólidos localizado à 10 km da sede. Este tipo de disposição é extremamente danoso, não somente para o meio ambiente, como também oferece risco à saúde humana. Estes dados só autentica a necessidade de intervenções por parte do poder público municipal, aliado a Política Nacional dos Resíduos Sólidos – PNRS, uma vez que a Lei reúne pessoas dos mais diversos setores como forma de promover a responsabilidade compartilhada sobre a temática.

 

 


Keywords


Saneamento Básico, Educação Ambiental e PNRS.

References


BRASIL. Lei nº11.445 de 5 de janeiro de 2007. Estabelece diretrizes nacionais para o saneamento básico. Presidência da República. Disponível em: < http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2007/lei/l11445.htm> Acesso em 10 de mar. 2015.

BRASIL. Lei nº12.305 de 2 de agosto de 2010. Institui a Política Nacional dos Resíduos Sólidos. Presidência da República. Disponível em:< http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2010/lei/l12305.htm>Acesso em 23 de fev. 2015.

DALTRO FILHO, J. OLIVEIRA, L. M S de. Gestão integrada de resíduos sólidos: alternativa sustentável para Telha e Cedro de São João, Sergipe. In______ Sustentabilidade, cidadania e estratégias ambientais. A experiência sergipana. São Cristóvão: EDUFS, 2008, p. 111-1

FUNDAÇÃO NACIONAL DE SAÚDE. Manual de Saneamento. 3 ed. rev. Brasília: Funasa, 2006.

LIMA, C. R. G. Análise socioambiental da área do lixão do Jangurussu (Fortaleza-CE) e os impactos na comunidade do entorno. 2013. Disponível em: Acesso em:12 de mar. de 2015.

PALMA, I.R. Análise da Percepção como Instrumento ao Planejamento da Educação Ambiental. 2005. 39 p. Dissertação de Mestrado. Disponível em:< http://www.lume.ufrgs.br/bitstream/handle/10183/7708/000554402.pdf?sequence=1>Acesso em: 10 de mar. 2015.

TORRES FILHO, Ernani Teixeira; PUGA, Fernando Pimentel. Os rumos dos investimentos em infraestrutura. Rio de Janeiro: BNDES, v. 17, 2006.

SILVA, I. O., TAGLIAFERRO, E. R., OLIVEIRA, A. J., Gerenciamento dos resíduos sólidos domiciliares no município de Jales – SP e sua relação para com a política nacional de resíduos sólidos (PNRS). Brazilian Journal of Development, Curitiba, v.7, n.1, p. 11475-11499, Jan. 2021.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n10-338

Refbacks

  • There are currently no refbacks.