Infância, cultura e corpo: análise da produção bibliográfica em periódicos brasileiros / Childhood, culture and body: analysis of bibliographic production in brazilian journals

Patrícia Maria Uchôa Simões, Milene Morais Ferreira

Abstract


A produção acadêmica sobre a infância vem tendo um crescente aporte dos novos estudos sociais da infância. De forma geral, tal perspectiva considera a intervenção das crianças na sociedade, em oposição às explicações adultocêntricas de desenvolvimento, socialização e educação. No entanto, ao afirmar a construção histórica da infância e questionar as concepções biologicistas e psicologizantes, esses estudos correm o risco de desconsiderar que a criança, em sua complexidade, é natureza e cultura, é corpo e mente. O presente estudo analisou a produção científica em periódicos da base de dados Scielo Brazil que tratam das temáticas: infância, cultura e corpo. Foi realizada uma pesquisa bibliográfica, utilizando os descritores: infância e cultura, infância e corpo. Foi identificado um total de 24 artigos, entre os anos 1999 e 2018. A grande maioria dos estudos foi publicada em periódicos da área da Educação, seguido dos periódicos em Psicologia e em Ciências Sociais. A análise demonstrou que os estudos costumam priorizar apenas uma dimensão da infância, de forma que as noções de corpo e cultura não se apresentam articuladas nos textos. A maioria se caracterizou como estudo teórico, apenas 5 estudos apresentaram relatos de pesquisa empírica e, entre esses, em 4 estudos, os informantes eram as crianças. Por fim, este estudo ressalta a necessidade da articulação dos conceitos corpo e cultura e a importância da escuta das crianças nos estudos da infância.


Keywords


Corpo. Cultura. Infância. Produção bibliográfica.

References


ASSUNÇÃO, Cristiane Queiroz de Souza; ASSIS, Raquel Martins de; CAMPOS, Regina Helena de Freitas. Belos, sadios e normais: as representações sociais dos corpos infantis na revista Pais & Filhos (1968-1977). Revista Brasileira de Ciências do Esporte, Porto Alegre, v. 34, n. 3, p. 571-587, 2012.

BUSS-SIMAO, Márcia; MEDEIROS, Francisco Emílio de; SILVA, Ana Márcia; SILVA FILHO, João Josué. Corpo e infância: natureza e cultura em confronto. Educação em Revista, v. 26, n. 3, p. 151-168, 2010.

BARBOSA, Maria Carmem Silveira. GEHLEN, Ivaldo. FERNANDES, Suzana Beatriz. A oferta e a demanda da Educação Infantil no campo: Um estudo a partir de dados primários. In BARBOSA, Maria Carmem Silveira et al. Oferta e Demanda da Educação Infantil no campo. Porto Alegre: Evangraf, p.71-106, 2012.

CORSARO, William A. We’re friends right? Inside kid’s culture. Washington, United States. Joseph Henry Press, 2003.

CORSARO, William A. Sociologia da Infância. Tradução: Lia Gabriele Regius Reis. 2ª ed. Porto- Alegre: Artmed, 2011.

HALL, Stuart. A identidade cultural na pós-modernidade. Tradução: Tomaz Tadeu da Silva e Guacira Lopes Louro. Rio de Janeiro: DP&A Editora, 2006.

LATOUR, Bruno. Jamais fomos modernos: ensaio de antropologia simétrica. Rio de Janeiro (RJ): Editora 34; 1994.

LATOUR, Bruno. Reagregando o social: uma introdução à teoria do Ator-Rede. Salvador-Bauru: EDUFBAEDUSC; 2012.

MONTANDON, Cleopâtre. Sociologia da Infância: Balanço dos trabalhos em língua Inglesa. Cadernos de Pesquisa, nº112, p.33-60, março 2001.

MUNARIM, Iracema. O que podemos aprender com as crianças indígenas? aproximações da antropologia da criança às noções de infância, cultura e movimento na educação física. Revista Brasileira de Ciências do Esporte, Porto Alegre, v. 33, n. 2, p. 375-390, 2011.

PROUT, A. Reconsiderando a Nova Sociologia da Infância. Cadernos de Pesquisa, v.40, n.141, p.729-750, 2010.

QUINTEIRO, Jucirema. Sobre a emergência de uma sociologia da infância: contribuições para o debate. Perspectiva, v. 20, p. 137-162, 2002.

QVORTRUP, Jens. A infância enquanto categoria estrutural. Educação e Pesquisa, v.36, n.2, p.631-643, 2010.

SARMENTO, M.J. Sociologia da Infância: Correntes e Confluências. In: Sarmento, Manuel Jacinto e Gouvêa, Maria Cristina Soares de (org.). Estudos da Infância: educação e práticas sociais. Petrópolis: Vozes, 2008, p.17-39.

SARMENTO, Manuel Jacinto. Sociologia da infância: Correntes e confluências. In SARMENTO, Manuel Jacinto. GOUVÊA, Maria Cristina Soares de (orgs). Estudos da Infância: educação e práticas sociais. Petrópolis: Vozes, 2008.

SARMENTO, Manuel Jacinto. As culturas da infância nas encruzilhadas da 2ª modernidade. In SARMENTO, M. J. e CERISARA, A. B. Crianças e miúdos: perspectiva sócio-pedagógicas da infância e educação. Porto: ASA, 2004.

SARMENTO, Manuel Jacinto. Gerações e Alteridade: Interrogações a partir da sociologia da infância. Educação e Sociedade, vol.26, nº 91, p.361-378, 2005.

SIROTA, Régine. Emergência de uma sociologia da infância: Evolução do objeto e do olhar. Cadernos de Pesquisa, nº 112, p.7-31, 2001.

SILVA, Tomaz Tadeu. A produção social da identidade e da diferença. In: SILVA, Tomaz Tadeu; HALL, Stuart; WOODWARD, Kathryn. Identidade e Diferença: a perspectiva dos estudos culturais. Petrópolis, RJ: Vozes, 2012.

WOODWARD, Kathryn. Identidade e Diferença: uma introdução teórica e conceitual. In: SILVA, Tomaz Tadeu; HALL, Stuart; WOODWARD, Kathryn. Identidade e Diferença: a perspectiva dos estudos culturais. Petrópolis, RJ: Vozes, 2012.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv5n10-232

Refbacks

  • There are currently no refbacks.