Análise da força cortante em lajes com vigotas treliçadas / Analysis of shear force in lattice joist slabs

Rodrigo Bender, Leonardo Azevedo Massulo, Daniele Martins, Isadora Paczek, Guilherme Alves Correa, Igor Silveira

Abstract


O presente trabalho analisa resultados experimentais de ruptura por força cortante em lajes treliçadas e em lajes sem armadura transversal e compara-os visando melhor entender a contribuição da treliça na resistência à força cortante. Através da análise teórica, com base na NBR 6118:2014, obteve-se a força cortante estimada de ruptura e a força cortante resistente de cálculo para cada protótipo. Esses resultados foram comparados com os resultados obtidos nos ensaios experimentais. Diante disso, com base nos ensaios e nos cálculos realizados, pôde-se concluir que, para o caso estudado, o método de cálculo utilizado pela normalização brasileira subestima a capacidade resistente ao esforço cortante em lajes sem armadura transversal. Além disso, apesar do uso das treliças resultarem em pouca diferença na resistência à força cortante, as mesmas contribuíram significativamente para a ductilidade das lajes.


Keywords


laje treliçada, força cortante, análise experimental, análise teórica, armadura transversal.

References


ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 6118: Projeto de estruturas de concreto –Procedimento. Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 2014.

CAIXETA, D. P. Contribuição ao estudo de lajes pré-fabricadas com vigas treliçadas. Dissertação, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, SP, Brasil, 1998.

LEONHARDT, F.; MÖNNIG, E. Construções de concreto. Interciência, 273 p., v. 1-3, Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 1977.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv8n5-009