Direitos sociais das pessoas afetadas pela hanseníase sob a ótica dos profissionais de saúde / Social rights of people affected by hanseníasis from the viewpoint of healthcare professionals

Raphaela Delmondes do Nascimento, Nataly Lins Sodré, Mayara Ferreira Lins dos Santos, Randal de Medeiros Garcia, Giovana Ferreira Lima, Marize Conceição Ventin Lima

Abstract


Analisar o conhecimento dos profissionais de saúde acerca dos direitos sociais de pessoas afetadas pela hanseníase. Trata-se de um estudo descritivo, qualitativo, com a participação de 10 profissionais de saúde que trabalham com hanseníase nas unidades de referência. Utilizou-se para análise dos dados a técnica de Bardin de Análise de Conteúdo com o auxílio do software IRAMUTEQ por meio do método de Classificação Hierárquica Descendente. Foram identificadas 5 categorias temáticas: <<Dificuldade de acesso aos direitos garantidos>>; <<Acolhimento da equipe multiprofissional: sua relevância no combate a estigma e preconceito>>; <<Assistência à saúde e garantia aos bens e serviços de qualidade>>; <<Previdência social, “re”habilitação e “re”-inserção no mercado de trabalho>>;<< Benefícios da assistência social frente às vulnerabilidades impostas pela doença.>>  Percebe-se o que os profissionais têm conhecimento dos direitos ofertados aos pacientes, porém as questões burocráticas para o acesso ainda possuem caráter rígido e são ineficazes para efetivação dessas garantias. Oferecer espaços de discussão e educação em saúde acerca dos direitos tem papel fundamental no empoderamento e autocuidado dos pacientes.


Keywords


hanseníase, direito à saúde, seguridade social.

References


Ministério da Saúde (BR), Secretaria de Vigilância em Saúde, Departamento de Vigilância e Doenças Transmissíveis. Guia Prático sobre Hanseníase [Internet]. 2017 [citado em 1 de agosto de 2020]; Disponível em: https://portalarquivos2.saude.gov.br/images/pdf/2017/novembro/22/Guia-Pratico-de-Hanseniase-WEB.pdf

Organização Mundial de Saúde (OMS), Weekly Epidemiological Record. Global leprosy update, 2019: time to step-up prevention initiatives [Internet]. 2020 [citado em 9 de dezembro de 2021]; Disponível em: https://apps.who.int/iris/bitstream/handle/10665/334140/WER9536-eng-

Dominguez B. Hanseníase: problema persistente. Rev Radis [Internet]. 2015 [citado em 1 de agosto de 2020]; Disponível em: https://radis.ensp.fiocruz.br/phocadownload/revista/Radis150_web.pdf

Pio CGC. Benefícios Previdenciários Dos Indivíduos Acometidos Por Hanseníase No Município De Vitória Da Conquista/BA: sujeitos, direitos e trajetórias [Internet]. Vitória da Conquista: Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca; 2016 [citado em 1 de agosto de 2020]; Disponível em: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/20594

brasil.un.org [Internet].Brasil. Declaração Universal dos Direitos Humanos; 2020 [citado em 4 de agosto de 2020]; Disponível em:. Available from: https://brasil.un.org/pt-br/91601-declaracao-universal-dos-direitos-humanos

Brasil. Constituição (1988). Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília, DF: Senado Federal; 1988.

Ministério da Saúde (BR), Secretaria de Vigilância em Saúde, Departamento de Doenças Crônicas e Infecções Sexualmente Transmissíveis. Estratégia Nacional para o Enfrentamento da Hanseníase 2019-2022 [Internet] 2019 [citado em 10 de Agosto de 2020]; Disponível em: file:///C:/Users/usuario/Downloads/estrategia_nacional_de_hanseniase_2019-2022_web%20(1).pdf

Vieira FS. Direito à saúde no Brasil: seus contornos, judicialização e a necessidade da macrojustiça [Internet]. Brasília: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada; 2020 [citado em 12 de Agosto de 2020]. Disponível em: http://repositorio.ipea.gov.br/bitstream/11058/9714/1/TD_2547.pdf

Teixeira RM. Direitos e garantias da pessoa atingida pela hanseníase [Internet]. Botucatu: Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho; 2018 [citado em 12 de Agosto de 2020]. Disponível em: https://repositorio.unesp.br/bitstream/handle/11449/149890/teixeira_rm_me_bot.pdf;jsessionid=C9FC698AA5509970800A148399082794?sequence=3

Gil AC.Como elaborar projetos de pesquisa. São Paulo: Edição 6; 2017.

Provdanov CC, FREITAS EC. Metodologia do trabalho científico: métodos e técnicas da pesquisa e do trabalho acadêmico. Novo Hamburgo: Edição 2; 2013.

Camargo BV, Justo AM. IRAMUTEQ. Interface de R pour les analyses multidimensionnelles de textes et de questionnaires. Temas Psicol. 2013 Dec; 21(2):513-8.

Bardin L. Análise de Conteúdo. Lisboa: Edições 70; 2016.

Cid RDS, Lima GG, Souza AR, Moura ADA. Percepção de usuários sobre o preconceito da hanseníase. Rev Rene. 2012; 13(5):1004-14.

Nascimento GRC, Barrêto AJR, Brandão GCG, Tavares CM. Ações do enfermeiro no controle da hanseníase. Rev Eletrônica de Enfermagem. 2011; 13(4):743-5.

Ramos LBM. Hanseníase e estigma no século XXI: narrativas de moradores de um território endêmico [Internet]. Uberlândia: Universidade Federal de Uberlândia; 2017 [citado em 21 de outubro de 2020] Disponível em: https://repositorio.ufu.br/bitstream/123456789/18391/1/HansenieseEstigmaSeculo.pdf

Silveira MGB, Coelho AR, Rodrigues SM, Soares MM, Camillo GN. Portador de Hanseníase: impacto psicológico do diagnóstico. Rev Psicologia e Sociedade. 2014; 26(2): 5517-527.

Brasil. Lei nº 8.808, 19 de setembro de 1990. Dispõe sobre as condições para a promoção, proteção e recuperação da saúde, a organização e o funcionamento dos serviços correspondentes e dá outras providências. Diário Oficial da União. 19 set 1990;

Lopes VAS, Rangel EM. Hanseníase e vulnerabilidade social: uma análise do perfil socioeconômico de usuários em tratamento irregular. Rev Saúde em debate. 2014; v. 38, n. 103, p. 817-829.

Leal DR, Mattos GD, Fontana RT. Trabalhador com deficiência física: fragilidades e agravos autorreferidos. Rev Brasileira de Enfermagem. 2013; 66(1): 59-66.

Brasil. Lei nº 8.742, 7 de dezembro de 1993. Dispõe sobre a organização da Assistência Social e dá outras providências. Diário Oficial da União. 7 dez 1993;

Brasil. Lei nº 11.527, 18 de setembro de 2007. Dispõe sobre a concessão de pensão especial às pessoas atingidas pela hanseníase que foram submetidas a isolamento e internação compulsórios. Diário Oficial da União. 18 set 2007;




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv8n5-157