Índice de estado trófico do rio Tocantins a margem direita a jusante da usina hidrelétrica de Tucuruí/PA / Tocantins river trophic state index on the right margin downstream of the Tucuruí hydroelectric plant/PA

Derivaldo Magalhães Farias, Vinícios Santos de Oliveira, Daniela Assunção Pantoja, Daniel Assunção Pantoja, Karina Ferreira Castro Mesquita

Abstract


O presente trabalho teve como objetivo avaliar o Índice de Estado Trófico (IET) do rio Tocantins à margem direita da usina hidrelétrica de Tucuruí-PA. As coletas foram realizadas em dois períodos sazonais distintos (maior índice de precipitação pluviométrica e menor índice de precipitação pluviométrica), onde selecionou-se nove pontos de amostragem ao longo do rio Tocantins usando uma área especifica. A partir desta escolha os transectos foram estabelecidos. As amostras foram acondicionadas em frasco de polietileno, conservadas em caixa térmica com gelo para transporte até a execução da análise no laboratório de qualidade de água do (IFPA-Tucuruí). Para análise laboratorial química, foi utilizado o método descrito em Standard Methods (APHA, 2017). Após a análise laboratorial, foi realizado o tratamento estatístico dos dados para avaliar a variabilidade sazonal. Dê acordo com o índice de estado trófico a água do rio Tocantins é classificada em Oligotrófico. Ficando comprovado que os parâmetros de qualidade da água têm influência da sazonalidade e da abertura dos vertedouros da Usina Hidrelétrica localizada a 6700m a montante da praia.


Keywords


IET, qualidade da água. hidrelétrica de tucuruí.

References


APHA; AWWA; WPCF. Standard methods for the examination of water and wastewater. 19th ed. Washington D.C.: American Public Health Association, 2017. 953p.

BRASIL, Senado Federal. Constituição da república federativa do Brasil. Brasília: Senado Federal, Centro Gráfico, 1988.

BUZELLI, Giovanna Moreti; CUNHA-SANTINO, Marcela Bianchessi da. Análise e diagnóstico da qualidade da água e estado trófico do reservatório de Barra Bonita, SP. Revista Ambiente & Água, v. 8, n. 1, p. 186-205, 2013.

CHAGAS et al. Índice de estado trófico de um manancial receptor de efluente de estação de tratamento de esgoto baldo – RN. Braz. J. of Develop., Curitiba, v. 6, n. 2, p. 6253-6260, feb. 2020.

CARLSON, R.E. A trophic state index for lakes. Limnology and Oceanography, v.22, p.361-369, 1977.

CAVENAGHI, A.L. Caracterização da qualidade de água e sedimento relacionados com a ocorrência de plantas aquáticas em cinco reservatórios da Bacia do rio Tietê. 73f. (Tese de doutorado). Botucatu: UNESP, 2003.

CETESB (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo). Apêndice D - Índices de Qualidade das Águas. 2017. Disponível em: . Acesso em: 05 de nov. 2018.

ESTEVES, F.A. Fundamentos de Limnologia. 2.ed. Rio de Janeiro: Interciência, 1998. 602p.

IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, 2010. Histórico do município de Breu Branco-PA. Disponível em:https://biblioteca.ibge.gov.br/visualizacao/dtbs/para/breubranco.pdf&gt. Acesso em: 09 fev. de 2019.

LAMPARELLI, Marta Condé. Grau de trofia em corpos d’água do estado de São Paulo: avaliação dos métodos de monitoramento. São Paulo: USP/ Departamento de Ecologia., 2004. 235 f. Tese de doutorado, Universidade de São Paulo, 2004.

MAIA, Amanda Alves Domingos; DE CARVALHO, Sergio Luís; DE CARVALHO, Fernando Tadeu. Comparação de dois índices de determinação do grau de trofia nas águas do Baixo Rio São José dos Dourados, São Paulo, Brasil. Engenharia Sanitaria e Ambiental, v. 20, n. 4, p. 613-622, 2015.

OLIVEIRA, Joana Paula Wagner; DOS SANTOS, Raíssa Nunes; BOEIRA, Jane Marlei. Genotoxicidade e Análises Físico-Químicas das águas do Rio dos Sinos (RS) usando Allium cepa e Eichhornia crassipes como bioindicadores. BBR-Biochemistry and Biotechnology Reports, v. 1, n. 1, p. 15-22, 2012.

SMITH, Val H.; SCHINDLER, David W. Eutrophication science: where do we go from here?. Trends in ecology & evolution, v. 24, n. 4, p. 201-207, 2009.

TUNDISI, J. G.; MATSUMURA-TUNDISI, T.; TUNDISI, J. E. M. Reservoirs and human well being: new challenges for evaluating impacts and benefits in the neotropics. Brazilian Journal of Biology, v. 68, n. 4, p. 1133-1135, 2008.

YOUNG, Gordon et al. Hydrological sciences and water security: an overview. Proceedings of the International Association of Hydrological Sciences, v. 366, p. 1-9, 2015.

Walt, D.P., França, J.B., Ferreira, A.C.S. Eutrofização dos corpos hídricos. Leitura de Minuto. Secretaria dos Recursos Hídricos, Ceará, 2007.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv8n5-162