Cânula nasal de alto fluxo no tratamento de crianças com bronquiolite viral – uma abordagem sistemática / High-flow nasal cannula in the treatment of children with viral bronchiolitis - a systematic approach

Maíra Machado da Silva, Iago Prina Rocha, Stèphanie Jesien, Verônica Ilha Zimmer, Norma Lopes de Magalhães Velasco Bastos, Linjie Zhang

Abstract


A oxigenioterapia por cânula nasal de alto fluxo (CNAF) é um método não invasivo de suporte respiratório que fornece misturas de gases condicionadas (aquecidas e totalmente umidificadas) para pacientes por meio de uma cânula nasal. A CNAF adquiriu um papel bem definido no tratamento de crianças com bronquiolite viral pelo vírus sincicial (VSR), e preencheu a lacuna entre o fornecimento de oxigênio suplementar de baixo fluxo e a ventilação não invasiva tradicional. O presente estudo teve como objetivo investigar a utilização da CNAF, através de uma revisão de literatura de abordagem sistemática, no tratamento de crianças diagnosticadas com bronquiolite viral pelo VSR. Foi realizada uma busca nas bases de dados PubMed e Biblioteca Virtual de Saúde - BVS, com seguinte estratégia de busca/combinação de descritores: Alto Fluxo e bronquiolite viral; Alto Fluxo e infecção respiratória por vírus sincicial; High- Flow Nasal Cannula AND Bronchiolitis, Viral; High-Flow Nasal Cannula AND Respiratory Syncytial Virus Infections. Foram obtidos 32 artigos na busca. Os critérios utilizados na seleção dos artigos para a leitura de resumos, considerando elegíveis os artigos científicos publicados nos últimos 5 anos, foram aqueles que avaliaram a utilização da cânula nasal de alto fluxo no tratamento de crianças com bronquiolite viral e também os que disponibilizaram acesso ao texto completo. O presente estudo concluiu que a CNAF pode ser uma terapia eficaz, confortável e que pode evitar a necessidade de intubação e uso de ventilação mecânica invasiva em crianças com diagnóstico de bronquiolite viral por vírus sincicial.


Keywords


high-flow nasal cannula. bronchiolitis, viral, respiratory syncytial virus infections.

References


Clayton, Jason A. MD, PhD; McKee, Bryan MD; Slain, Katherine N. DO; Rotta, Alexandre T. MD; Shein, Steven L. MD Outcomes of Children With Bronchiolitis Treated With High-Flow Nasal Cannula or Noninvasive Positive Pressure Ventilation*, Pediatric Critical Care Medicine: February 2019 - Volume 20 - Issue 2 - p 128-135 doi: 10.1097/PCC.0000000000001798

Milési, C., Pierre, AF., Deho, A. et al. A multicenter randomized controlled trial of a 3-L/kg/min versus 2-L/kg/min high-flow nasal cannula flow rate in young infants with severe viral bronchiolitis (TRAMONTANE 2). Intensive Care Med 44, 1870–1878 (2018). https://doi.org/10.1007/s00134-018-5343-1

Panciatici, M., Fabre, C., Tardieu, S. et al. Use of high-flow nasal cannula in infants with viral bronchiolitis outside pediatric intensive care units. Eur J Pediatr 178, 1479–1484 (2019). https://doi.org/10.1007/s00431-019-03434-4

Seliem W, Sultan AM. Heliox delivered by high flow nasal cannula improves oxygenation in infants with respiratory syncytial virus acute bronchiolitis. J Pediatr (Rio J). 2018 Jan-Feb;94(1):56-61. doi: 10.1016/j.jped.2017.04.004. Epub 2017 May 12. PMID: 28506664.

Siraj S, Compton B, Russell B, Ralston S. Reducing High-flow Nasal Cannula Overutilization in Viral Bronchiolitis. Pediatr Qual Saf. 2021 Jun 23;6(4):e420. doi: 10.1097/pq9.0000000000000420. PMID: 34179674; PMCID: PMC8225359.

Soshnick SH, Carroll CL, Cowl AS. Increased Use of Noninvasive Ventilation Associated With Decreased Use of Invasive Devices in Children With Bronchiolitis. Crit Care Explor. 2019 Aug 1;1(8):e0026. doi: 10.1097/CCE.0000000000000026. PMID: 32166268; PMCID: PMC7063953.

Vahlkvist, S., Jürgensen, L., la Cour, A. et al. High flow nasal cannula and continuous positive airway pressure therapy in treatment of viral bronchiolitis: a randomized clinical trial. Eur J Pediatr 179, 513–518 (2020). https://doi.org/10.1007/s00431-019-03533-2

AMIB. Diretrizes Brasileiras de Ventilação Mecânica – Barbas, C.S.V; Isola, A.M.; Farias, A.M.C. (organizadores). Associação Brasileira de Terapia Intensiva e Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tissologia, 140p.,2013.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv8n5-238