A expansão do sistema educacional brasileiro: o contexto da educação a distância (EAD) e a influência da UNESCO / The expansion of the educational system: the context of Brazilian distance education (EAD) and the influence of UNESCO

Sheila de Araújo Paiva, Iracema Oliveira Lima

Abstract


O presente trabalho pauta-se na análise do documento Declaração Mundial sobre Educação Superior no Século XXI: Visão e Ação e seus desdobramentos relacionados à expansão do sistema educacional brasileiro com ênfase na Educação a Distância (EAD). Do ponto de vista metodológico, realiza uma revisão bibliográfica de estudos já produzidos acerca da temática, bem como documental do material produzido na Conferência Mundial Sobre Educação Superior. Foi possível compreender que instituições como a Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (UNESCO) não são pautadas por princípios de neutralidade, mas por projetos muito bem gestados de acordo ao que o sistema capitalista propõe para países da América Latina e Caribe quando se trata de educação. Questões como a diversificação dos sistemas de ensino visando a ampliar as oportunidades educacionais e a importância do potencial e dos desafios da tecnologia se tornam relevantes nessa discussão oferecendo um campo também para atuação da EAD. Destaca-se que o crescimento da educação a distância é uma pauta do Estado brasileiro associada a organismos como a UNESCO que, no cenário brasileiro, privilegiam o crescimento do setor privado mercantil em detrimento do setor público.


Keywords


educação a distância, educação pública, mercantilização da educação, Unesco.

References


ALONSO, Kátia Morosov.A expansão do ensino superior no Brasil e a ead: Dinâmicas e lugares. Educação Social, Campinas, v 31, n°113, p.1319-1335,2010

BATISTA, Wagner Braga. Educação a distância e o refinamento da exclusão social. Revista Conecta, n°4, 2002.

CASTRO, Alda Maria Duarte Araújo; ARAÚJO, Nataniel da Vera Cruz Gonçalves. Educação superior no Brasil e a utilização da educação a distância como estratégia de expansão e massificação. RBPAE, v.34, n.1, p.189-209,2018.

CHAVES, Vera Lúcia Jacob. AMARAL, Nelson Cardoso. Política de Expansão da Educação Superior no Brasil- O Prouni e o Fies como financiadores do setor privado. Educação em Revista, v.32, n°04, 2016.

INEP, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira. Censo da Educação Superior. Página virtual do INEP. Brasília – DF. 2019. Disponível em: https://www.gov.br/inep/pt-br/areas-de-atuacao/pesquisas-estatisticas-e-indicadores/censo-da-educacao-superior/resultados. Acesso em: maio de 2021.

OLIVEIRA, Romualdo Portela de. A transformação da educação em mercadoria no Brasil. Educação Social, Campinas, v 30, n°108, p.739-760,2009.

SANTOS, Catarina Almeida de. A expansão da educação superior rumo à expansão do capital: interfaces com a educação a distância. 2008. Tese (Doutorado em Educação) - Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo, São Paulo, 2008.

SGUISSARDI, Valdemar. Modelo de expansão da educação superior no Brasil: Predomínio privado mercantil e desafios para regulação e a formação universitária. Educação Social, Campinas, v 29, n°105, p.991-1022,2008.

UNESCO. Declaração Mundial sobre Educação Superior no Século XXI: Visão e Ação - 1998. Paris: UNESCO, 1998.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv8n5-236