O movimento antivacina no youtube em tempos de fake news / The antivaccine movement on youtube in times of fake news

Gleison Paulino Gonçalves, Cynthia Alessandra Bello, Selina Bethonico Silva, Camile Silva de Azevedo

Abstract


O objetivo deste Projeto de Pesquisa é fazer uma análise dos vídeos dos principais canais de Divulgação Científica no Brasil, afim de realizar um mapeamento das produções da plataforma YouTube visando identificar em que medida a plataforma promove uma discussão pública, que tem produzido adesões, diferentes tipos de engajamentos, conflitos e tensões e tem colocado em suspeição a validade das vacinas, enquanto importante avanço científico e instrumento de política pública para imunização contra doenças, bem como em que medida a plataforma YouTube contribui para o fenômeno de disseminação de Fake News. O objeto de estudo é composto por canais da plataforma YouTube, com conteúdo de teor científico, cuja postagem dos vídeos é regular, recente e original. Desses canais foram selecionados vídeos que têm por tema vacina e movimento antivacina, investigando a opinião apresentada nos vídeos e a potencial influência destes de acordo com as visualizações e aceitação dos usuários. Os resultados das análises mostram que na maioria das vezes são as pessoas que chegam ao YouTube com suas opiniões já formadas, visto que são encontrados muitos comentários que defendem a não vacinação, tanto em vídeos favoráveis quanto nos vídeos contrários ao movimento. Também se percebeu que a quantidade e, consequentemente, a facilidade de acesso aos vídeo de posição contrário ao movimento antivacina é muito maior. Por conclusão, vê-se que o YouTube não tem tanta influência na disseminação do movimento e se sugere um estudo mais aprofundado em outras plataformas e organizações físicas e digitais.                                                      


Keywords


divulgação científica, ciência, movimento antivacina, youtube.

References


ALLCOTT, H.; GENTZKOW, M. Social Media and Fake News in The 2016 Election. J Econ Perspect, v.31, n.2, p. 211–236, 2017

ALMEIDA, M. I. S.; COELHO, R. L. F.; CAMILO-JUNIOR, C. G.; GODOY, R. M. F. Quem Lidera sua Opinião? Influência dos Formadores de Opinião Digitais no Engajamento. Rev Adm Contemp, v.22, n.1, p. 115-137, 2018

BARBIERI, Carolina Luísa Alves. Cuidado infantil e (não) vacinação no contexto de famílias de camadas médias em São Paulo/SP. 2014. Tese (Doutorado)– Universidade de São Paulo, São Paulo, 2014. Disponível em: . Acesso em: 25 mar. 2016.

BAUMAN, Z. Modernidade líquida. Rio de Janeiro: Zahar, 2001.

BBC News. Sarampo, pólio, difteria e rubéola voltam a ameaçar após erradicação no Brasil. 7 de julho de 2018. Disponível em: https://g1.globo.com/bemestar/noticia/sarampo-polio-difteria-e-rubeola-voltam-a-ameacar-apos-erradicacao-no-brasil.ghtml. Acesso em: 20 de outubro de 2020.

CDC (Centers for Disease Control and Prevention). A CDC framework for preventing infectious diseases: Sustaining the Essentials and Innovating for the Future. Georgia, 2011.

COUTO, Marcia Thereza and BARBIERI, Carolina Luisa Alves. Cuidar e (não) vacinar no contexto de famílias de alta renda e escolaridade em São Paulo. SP, Brasil. Ciênc. saúde coletiva [online]. 2015, vol.20, n.1, pp.105-114. ISSN 1413- 8123. http://dx.doi.org/10.1590/1413-81232014201.21952013.

DOBSON, R. Media misled the public over the MMR vaccine, study says. BMJ, v. 326, n. 7399, p. 1107, 2003.

DYER, O. Wakefield tells GMC he was motivated by concern for autistic children. BMJ, v. 336, n. 7647, p. 737-743, 2008.

FEIJÓ, R. B.; SÁFADI, M. A. Immunizations: three centuries of success and ongoing challenges. J Pediatr. v. 82, n. 3, p. S1-S3, 2006.

FOX, S. Health topics: 80% of internet users look for health information on-line. Pew Internet & American Life Project. 1 de fevereiro de 2011. Disponível em: https://www.issuelab.org/resources/9648/9648.pdf. Acesso em: 20 de outubro de 2020.

GRAGNANI, J. Rede antivacina no Brasil importa teorias da conspiração dos EUA e cresce com sistema de recomendação do YouTube. BBC News Brasil. 20 de junho de 2019. Disponível em: https://www.bbc.com/portuguese/brasil-48695113. Acesso em: 20 de outubro de 2020.

GUIMARÃES, K. Vacinação em queda no Brasil preocupa autoridades por risco de surtos e epidemias de doenças fatais. BBC Brasil, 29 de agosto de 2017. Disponível em: https://www.bbc.com/portuguese/brasil-41045273. Acesso em: 20 de outubro de 2020.

KARAFILLAKIS, E.; DINCA, I.; APFEL, F.; CECCONI, S.; WURZ, A.; TAKACS, J. Vaccine hesitancy among healthcare workers in Europe: a qualitative Study. Vaccine, v. 34, n.41, p. 5013 5020, 2016.

KATA, A. Anti-vaccine activists, Web 2.0, and the post-modern paradigm – An overview of tactics and tropes used online by the anti-vaccination movement. Vaccine, v. 30, p. 3778– 3789, 2012.

KEELAN, J.; GARCIA, V. P.; TOMLINSON, G.; WILSON, K. YouTube as a Source of Information on Immunization: A Content Analysis. JAMA, v. 298, n. 21, p. 2482-2484, 2007.

KUMAR, V.; GUPTA, S. Conceptualizing the evolution and future of advertising. J Advert, v. 45, n. 3, p. 302-317, 2016.

LABOISSIÈRE P. Agência Brasil: Doenças erradicadas voltam a assustar – desafios da vacinação. 3 de julho de 2018. Disponível em: http://agenciabrasil.ebc.com.br/saude/noticia/2018-07/doencas-erradicadas-voltam-assustar-veja-os-desafios-da-vacinacao. Acesso em: 20 de outubro de 2020.

LEITE, L. R. T.; MATOS, J. C. M. Zumbificação da informação: A desinformação e o caos informacional. Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação. v. 13, n. esp CBBD, p. 2334-2349, 2017.

LESSA, Sérgio de Castro. DÓREA, José Garrofe. Bioética e vacinação infantil em massa. Rev. bioét. (Impr.). 2013; 21 (2): 226-36.

LEVI, G.C. Recusa de Vacinas: causas e consequências. São Paulo: Segmento Farma, 2013. p 21.

LYOTARD, J. F. A condição pós-moderna. 8. ed. Rio de Janeiro: J. Olympio, 2004.

MINISTÉRIO DA SAÚDE. Saúde sem Fake News. 28 de agosto de 2018. Disponível em: https://saude.gov.br/fakenews/44143-mpf-proibe-vacina-contra-hpv-fake-news. Acesso em: 20 de outubro de 2020.

MIZUTA, A. H.; SUCCIA, G. M.; MONTALLIA, V. A. M.; SUCCIA, R. C. M. Perceptions on the importance of vaccination and vaccine refusal in a medical school. Ver Paul Pedriatr, v. 37, n. 1, 2018.

MORETTI, F. A.; ELIAS DE OLIVEIRA, V. E.; DA SILVA, E. M. K. Acesso a informações de saúde na internet: Uma questão de saúde pública? Rev Assoc Med Bras, v.58, n. 6, p. 650–658, 2012.

MOULIN, AM. A hipótese vacinal: Por uma abordagem crítica e antropológica de um fenômeno histórico. Rev. Hist. Ciênc Saúde – Manguinhos. 2003. 10 (2Suppl): p.499-517.

OPAS BRASIL. Casos de sarampo estão aumentando em todo o mundo devido a lacunas na cobertura vacinal, indica novo relatório da OMS. 29 de novembro de 2018. Disponível em: https://www.paho.org/bra/index.php?option=com_content&view=article&id=5811:casos-de-sarampo-estao-aumentando-em-todo-o-mundo-devido-a-lacunas-na-cobertura-vacinal-indica-novo-relatorio-da-oms&Itemid=812. Acesso em: 20 de outubro de 2020.

REALE, M. V.; MARTYNIUK, V. L. Divulgação Científica no Youtube: a construção de sentido de pesquisadores nerds comunicando ciência. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS DA COMUNICAÇÃO, 39, 2016, São Paulo. Anais... São Paulo: Intercom, 2016. Disponível em: http://portalintercom.org.br/anais/nacional2016/resumos/R11-0897-1.pdf. Acesso em: 20 de outubro de 2020.

ROSEMBERG S. Relação da síndrome de Guillain-Barré e vacinação. In: Controvérsias em Imunizações 2010. Weckx, Kfouri, Amato Neto (editors). São Paulo: Segmento Farma; 2011.

SARASOHN-KAHN, J. The wisdom of patients: health care meets online social media. California Health care Foundation, 2008. Disponível em: https://www.issuelab.org/resources/11675/11675.pdf. Acesso em: 20 de outubro de 2020.

SIQUEIRA, L. G.; MARTINS, A. M. E. B. L.; VERSIANI, C. M. C.; ALMEIDA, L. A. V.; OLIVEIRA, C. S.; NASCIMENTO, J. E.; ALECRIM, B. P. A.; BEZERRA, R. C. Assessment of the organization and operation of vaccine rooms in primary health care in Montes Claros, Minas Gerais, Brazil, 2015. Epidemiol Serv Saúde, v. 26, n. 3, p. 557-568, 2017.

VASCONCELLOS-SILVA, P. R.; CASTIEL, L. D.; GRIEP, R. H. A sociedade de risco midiatizada, o movimento antivacinação e o risco do autismo. Cienc Saúde Colet, v. 20, n. 2, p. 607-616, 2015.

WANG, E.; BARAS, Y.; BUTTENHEIM, A. M. Everybody just wants to do what’s best for their child: Understanding how pro vaccine parents can support a culture of vaccine hesitancy. Vaccine, v. 33, p. 6703-6709, 2015.

WORLD HEALTH ORGANIZATION, WHO. Human papillomavirus vaccines: WHO position paper. Weekly Epidemiological. Record, v. 92, n. 19, p. 241–268, 2017.

YOUTUBE. Plataforma digital do Youtube: Estatísticas para imprensa. Disponível em: https://www.youtube.com/intl/pt-BR/yt/about/press/. Acesso em: 20 de outubro de 2020.

YouTube: https://www.youtube.com/

https://www.youtube.com/watch?v=6045UhFR6Ts&list=PLZuCNkjqjEJT0Eem3KTEZTUlm4sNG5JsG&index=1&t=31s

https://www.youtube.com/watch?v=SmMt2pXgnto&list=PLZuCNkjqjEJT0Eem3KTEZTUlm4sNG5JsG&index=2&t=46s

https://www.youtube.com/watch?v=qkwtPKd9pyA&list=PLZuCNkjqjEJT0Eem3KTEZTUlm4sNG5JsG&index=3

https://www.youtube.com/watch?v=_nZzdeRx30o&list=PLZuCNkjqjEJT0Eem3KTEZTUlm4sNG5JsG&index=4&t=60s

https://www.youtube.com/watch?v=1yGeLOWazvg&list=PLZuCNkjqjEJT0Eem3KTEZTUlm4sNG5JsG&index=5

https://www.youtube.com/watch?v=L24UIaHb_8A

https://www.youtube.com/watch?v=YRIrcpzX8ts

https://www.youtube.com/watch?v=A0KOd2uutNA

https://youtu.be/RbWV0dRL27E

https://youtu.be/MUwyPzhGBh0

https://youtu.be/qkwtPKd9pyA




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv8n5-454