Cartilha educativa para auxiliar no enfrentamento da doença de Chagas no Rio Grande do Sul, Brasil / Educational booklet to help fight Chagas disease in Rio Grande do Sul, Brazil

Ana Paula da Paz Grala, Tanise Freitas Bianchi, Mayara Guelamann da Cunha Espinelli Greco, Ítalo Ferreira de Leon, Dulce Stauffert, Marcos Marreiro Villela

Abstract


Introdução: As tecnologias educacionais em saúde são consideradas ferramentas inovadoras, capazes de fomentar a discussão e disseminação de conhecimentos sobre a doença de Chagas (DCH), estimulando assim, uma comunicação mais eficiente e acessível entre os sujeitos, através do estímulo ao autocuidado, proporcionando uma melhor qualidade de vida aos indivíduos acometidos pela DCH. Objetivo: Descrever o processo de construção e divulgação de cartilha educativa sobre a DCH para a população do extremo sul do Rio Grande do Sul (RS), visando a promoção da saúde e prevenção da moléstia e os seus vetores. Método: Trata-se de um estudo qualitativo, metodológico, com foco descritivo no processo de elaboração de material educativo, e se apresenta o fluxograma empregado na sua elaboração. Resultado: produziu-se um instrumento elucidativo, ilustrado, disponível em cópias impressas e conteúdo digital, distribuído gratuitamente para a população. Constituído por frases, figuras e ilustrações no que concerne o combate e prevenção da doença. O material contou com 13 páginas e 9 ilustrações. Conclusão: Julga-se que a cartilha possui conteúdo informativo relevante, devendo ser considerada uma ferramenta auxiliadora no contexto das atividades educativas e na prática clínica, sendo capaz de sensibilizar a população alvo e contribuir no enfrentamento da DCH.


Keywords


material de ensino, educação em saúde, doença de chagas, trypanosoma cruzi, vetores.

References


WORLD HEALTH ORGANIZATION. Neglected tropical diseases. 2018. Disponível em: http://www.who.int/neglected_diseases/diseases/en/. Acesso em: 03 mai. 2021

DIAS, J.C.P, RAMOS, Jr A.N., GONTIJO, E.D, LUQUETTI. A, SHIKANAI-YASUDA MA, COURA, J. R. et al. II Consenso Brasileiro em doença de Chagas. Epidemiol Serv Saude. Minas Gerais, v. 25, número especial, pág. 7-86, 2015. Disponível em: https://doi.org/10.5123/S1679-49742016000500002

WORLD HEALTH ORGANIZATION (WHO). Chagas disease (American trypanosomiasis). Neglected tropical diseases. 2018. [acessado 2021 abril 21]. Disponível em: http://www.who.int/neglected_diseases/diseases/en/

FERES, M.V.C., MORAIS, A.R., DE SOUZA, A.M. A política de patentes estimula a inovação? - o caso da doença de Chagas. R. Opin. Jur. Fortaleza, 19(32), 58-84, 2021. Disponível em: http://dx.doi.org/10.12662/2447-6641oj.v19i32.p58-84.2021

RODRIGUES, G.M., QUEIROZ, E.P., ALEXANDRE, K.V., RABELO, L.M. Agravos causados pela doença de Chagas no ser humano: revisão sobre as características do Trypanossoma cruzi. Revista Liberum Accessum. 2020, 1(2), 1-14.

MINISTÉRIO DA SAÚDE (BRASIL). Portaria nº 1.061, DE 18 de maio de 2020, inclui a doença de Chagas crônica, na Lista Nacional de Notificação Compulsória de doenças, agravos e eventos de saúde pública nos serviços de saúde públicos e privados em todo o território nacional. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/2020/prt1061_29_05_2020.html. Data de acesso: 21 de abril de 2021.

DE SOUZA, C.B., GRALA, A.P. e VILLELA, M.M. Óbitos por moléstias parasitárias negligenciadas no Brasil: doença de Chagas, esquistossomose, leishmaniose e dengue. Braz J Dev.2021 7(1), 7718-7733. https://doi.org/10.34117 / bjdv7n1524

ARAÚJO, A.C., RODRIGUES, S.C., REZENDE, A.F.S., VILLELA, M.M., BORSUK. S. Soroprevalência de infecção humana com Trypanosoma cruzi em uma área rural do sul do Brasil. Rev Patol Trop. 2015, v. 44, n. 4, pág. 423-43. hhtps://doi.org/10.5216/rpt.v44i4.39230

ROSENTHAL, L.D.A., PETRARCA, C.R., MESENBURG, M.A., VILLELA, M.M. Trypanosoma cruzi seroprevalence and associated risk factors in cancer patients from Southern Brazil. Rev Soc Bras Med Trop. 2016, 49, 768-771. https://doi.org/10.1590/0037-8682-0202-2016

STAUFFERT, D., DA SILVEIRA, M.F., MESENBURG, M.A., MANTA, A.B., DA SILVA, D.A., DE OLIVEIRA, B.G.L E VILLELA, M.M. Prevalência da coinfecção Trypanosoma cruzi / HIV no sul do Brasil. Braz J Infect Dis. 2017, 21, 180-184. https://doi.org/10.1016/j.bjid.2016.10.006

GRALA, A.P., BIANCHI, T.F, DE LEON, Í.F., GRECO, M.G.D.C.E., BRUHN, F.R..P, BARARGAN, N.C.F., VILLELA, M.M. Seroprevalence of anti-TRYPANOSOMA CRUZI and anti-TOXOPLASMA GONDII antibodies in possible and potential organ donors in the south of Rio Grande do Sul state, Brazil. Rev Patol Trop. 2020, vol 49(3). https://doi.org/10.5216/rpt.v49i3.63938

WORLD HEALTH ORGANIZATION. Integrating neglected tropical diseases into global health and development - 4th WHO Report on Neglected Tropical Diseases. Geneva: World Health Organization; 2017. Disponível em: https://reliefweb.int/report/world/integrating-neglected-tropical-diseases-global-health-and-development-fourth-who-report

LUNA, E.J.D.A., CAMPOS, S.R.D.S.L.D.C. O desenvolvimento de vacinas contra as doenças tropicais negligenciadas. Cad. Saúde Pública. V. 36, p. e00215720, 2020. Disponível em: https://doi.org/10.1590/0102-311X00215720

POLÍTICA NACIONAL DE PROMOÇÃO DA SAÚDE, PNPS: revisão da Portaria MS/GM nº 687, de 30 de março de 2006, Brasília: Ministério da Saúde, 2015. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/pnps_revisao_portaria_687.pdf.

DA COSTA, A.C.D.P., ARAGÃO, T.A.P., PEREIRA, C.S., DE SOUSA NOGUEIRA, F.J., RODRIGUES, M.G., CALLOU FILHO, CR., FIGUEIRÊDO, E.B.G. Educação e Saúde: a extensão universitária como espaço para tencionar e pensar a educação em saúde. Braz J of Develop. 6(4), 21616-21630, 2020. Disponível em: https://doi.org/10.34117 / bjdv6n4-362.

VERLY, T., COSTA, S., LIMA, N., MALLET, J., ODÊNCIO, F., PEREIRA, M., PAVAN, M.G. Vector competence and feeding-excretion behavior of Triatoma rubrovaria (Blanchard, 1843) (Hemiptera: Reduviidae) infected with Trypanosoma cruzi TcVI. PLOS Negl. Trop. Dis, 14(9), e0008712, 2020.

ALMEIDA, C.E., VINHAES, M.C., ALMEIDA, J.R.D., SILVEIRA, A.C., COSTA, J. Monitoring the domiciliary and peridomiciliary invasion process of Triatoma rubrovaria in the State of Rio Grande do Sul, Brazil. Mem. Inst. Oswaldo Cruz. 95(6), 761-768., 2020 https://doi.org/10.1590/S0074-02762000000600003

SANTANA, R.A.G., GUERRA, M.G.V., SOUSA, D.R., COUCEIRO, K., ORTIZ, J.V., OLIVEIRA, M., GUERRA, J.A.O. et al. Oral transmission of Trypanosoma cruzi, Brazilian Amazon. Emer Infect. Dis. 25(1), 13, 2019. Disponível em: https://doi.org/10.3201 / eid2501.180646

VILLELA, M.M., SOUZA, J.M.B., MELO, V.P., DIAS, J.C.P. Avaliação do Programa de Controle da doença de Chagas em relação à presença de Panstrongylus megistus na região centro-oeste do Estado de Minas Gerais, Brasil. Cad Saude Publica. 25(4):907-17, 2019. https://doi.org/10.1590/S0102-311X2009000400022

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde. Departamento de Gestão da Educação em Saúde. Política Nacional de Educação Permanente em Saúde / Ministério da Saúde, Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde, Departamento de Gestão da Educação em Saúde. – Brasília: Ministério da Saúde, 2009. 64 p. – (Série B. Textos Básicos de Saúde) (Série Pactos pela Saúde 2006; v. 9). Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/politica_nacional_educacao_permanente_sasau.pdf

CAMPOS, F.E.D., HADDAD, A.E., ROSCHKE, M.A., GALVÃO, E.D.A. Política nacional de educação permanente em saúde. In Política nacional de educação permanente em saúde (pp. 65-65). Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/pacto_saude_volume9.pdf

FRANÇA, T., RABELLO, E.T., MAGNAGO, C. As mídias e as plataformas digitais no campo da Educação Permanente em Saúde: debates e propostas. Saúde Debate. 2019 43, 106-115. https://doi.org/10.1590/0103-11042019S109

ROSENTHAL, L.D.A., VIEIRA, J.N., VILLELA, M.M., BIANCHI, T.F., JESKE, S. Conhecimentos sobre a doença de Chagas e seus vetores em habitantes de área endêmica do Rio Grande do Sul, Brasil. Cad Saúde Coletiva. 2020, 28, 345-352. https://doi.org/10.1590/1414-462X202028030426

VILLELA, M.M., PIMENTA, D.N., LAMOUNIER, P.A., DIAS, J.C.P. Avaliação de conhecimentos e práticas que adultos e crianças têm acerca da doença de Chagas e seus vetores em região endêmica de Minas Gerais, Brasil. Cad Saude Publica. 25(8):1701-10, 2009b.

MINISTÉRIO DA SAÚDE. Portaria MS nº 2.915, de 12 de dezembro de 2011 - Institui a Rede Brasileira de Avaliação de Tecnologias em Saúde (REBRATS). Diário Oficial [da] União. Brasília, DF, 12 dez. 2011a. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/2011/prt2915_12_12_2011.html

KOHAN, W.O. Paulo Freire e o valor da igualdade em educação. Educ. Pesqui. São Paulo, v. 45, 2019.

SILVA, F.S.A.P. Vivendo com Chagas: registro de histórias de vida e atividades de educação não formal com portadores de Doença de Chagas. Dissertação, Programa de Pós-Graduação em Ensino em Biociências e Saúde, Instituto Oswaldo Cruz, Rio de Janeiro, 2019.

FONTENELE, M.S.M., CUNHA, G.H.D., LOPES, M.V.D.O., SIQUEIRA, L.R., LIMA, M.A.C, MOREIRA, L. Desenvolvimento e avaliação de cartilha para promover estilo de vida saudável em pessoas com HIV. Rev Bras Enf. 2021, 74. https://doi.org/10.1590/0034-7167-2020-0113

BIANCHI TF, dos Santos CV, Jeske S, Grala AP, de Moura MQ, Madia DS, Villela, MM. Health education in chagas disease control: making an educational video. Rev Patol Trop. 2018, 47(2), 116-124. https://doi.org/10.5216/rpt.v47i2.54215

JURBERG, J.A., DE LAMAS JUNIOR, M.D., GUIMARÃES, V.D., LOROSA, HL, COELHO, E., MARIA EMÍLIA, P., TRIANI, J. Barbeiros: transmissores da doença de chagas. Fundação Oswaldo Cruz. Laboratório Nacional e Internacional de Referência em Taxonomia de Triatomíneos do Instituto Oswaldo Cruz, 2020. Disponível em: https://portal.fiocruz.br/sites/portal.fiocruz.br/files/documentos/revista_barbeiros_transmissores_da_doenca_de_chagas.pdf




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv8n6-033