Inclusão escolar: autismo no contexto escolar na eeti sérgio pessoa figueiredo, no município de Manaus-AM/Brasil, no período de 2020-2021 / School inclusion: autism in the school context at eeti sérgio pessoa figueiredo, in the municipality of Manaus-AM/Brazil, in the period of 2020-2021

Maristany Duarte Araújo

Abstract


Destacou-se neste estudo algumas das mais eminentes conceituações sobre a questão do autismo na contemporaneidade, assim como, as várias síndromes que são identificadas geneticamente, além de evidenciar determinados quadros diagnósticos característicos que são determinados em estudos sobre o autismo e as possibilidades de novos trabalhos desenvolvidos no campo da educação, tendo alunos autistas e professores como protagonistas desse processo. O problema que motivou esta pesquisa surgiu quando se observou vários entraves na inclusão escolar para que crianças e adolescentes com Transtornos do Espectro Autista (TEA) não estão totalmente inseridas no processo de inclusão escolar. Este estudo sobre “Inclusão escolar: Autismo no contexto escolar na EETI Sérgio Pessoa Figueiredo, no município de Manaus-AM/Brasil, no período de 2020-2021” aborda algumas relevantes concepções sobre a criança autista na visão de alguns autores que dissertam sobre a temática. Nesse sentido, este estudo tem a pretensão de provocar novas discussões sobre o real papel da Educação Inclusiva, do processo de inclusão escolar, com a finalidade de contribuir com novas práticas e estratégicas docentes que visam contribuir com o processe de ensino-aprendizagem dos alunos com deficiência.


Keywords


inclusão escolar, educação, autismo.

References


BRASIL. Ministério da Educação. Diretrizes nacionais para a educação especial na educação básica. Brasília, 2001. Disponível em: . Acesso em: 04 mai. 2022.

GAUDERER, E.C. Autismo e outros atrasos do desenvolvimento: guia prático para pais e profissionais. Rio de Janeiro: Revinter, 1997.

GIARDINETTO, Andrea Rizzo dos Santos Boettger. Educação do aluno com autismo: um estudo circunstanciado da experiência escolar inclusiva e as contribuições do currículo funcional natural, 2009, 194p. Tese de Doutorado (Educação) – Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho/Marília.

GIL, Antônio Carlos. Métodos e técnicas de pesquisa social.7. ed. - [Reimpr.]. São Paulo: Atlas, 2021.

GLAT, R. (Org.). Educação inclusiva: cultura e cotidiano escolar. Rio de Janeiro: 7 Letras, 2007.

LAKATOS, E. M.; MARCONI, M. A. Fundamentos metodologia científica. 4.ed. São Paulo: Atlas, 2001.

LOPES, Maura Corcini. Possibilidades de pensar a inclusão. Trabalho apresentado na 30º Reunião da ANPED. Programa e textos www.anped.org.br/. Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação (ANPED), 2007.

LUDKE, M.; ANDRE, M. E. D. A. Pesquisa em educação: Abordagens Qualitativas. São Paulo: EPU, 1986.

MARCONI, M. A; LAKATOS, E. V. Metodologia científica. São Paulo: Editora Atlas,2004.

MARQUES, Simone de Cassia Moura. O processo de inclusão e as dificuldades do professor na sua aplicabilidade em sala de aula. 2011, 50 p. Monografia (Especialização) – Universidade de Brasília – UnB.

MARTINS, Mara Rubia Rodrigues. Inclusão de alunos autistas no ensino regular: concepções e práticas pedagógicas de professores regentes. 2007, 159 p. Dissertação (Mestrado) – Universidade Católica de Brasília.

NASCIMENTO, L.M. Educação Especial. Centro Universitário Leonardo da Vinci. Indaial: Asselvi, 2007.

OMOTE, S. A construção de uma escala de atitudes sociais em relação à inclusão: notas preliminares. Revista Brasileira de Educação Especial, Marília, v. 11, n. 1, p. 33-48, jan./abr. 2005.

RODRIGUES, D. Desenvolver a Educação Inclusiva: Dimensões do Desenvolvimento Profissional. Inclusão: Revista da educação Especial/Secretaria de Educação Especial, v.4, n°2 (julho/outubro de 2008). – Brasília: Secretaria de Educação Especial.

ZANELLATO, Daniela; POKER, Rosimar Bortolini. Formação continuada de professores na educação inclusiva: a motivação em questão. Revista Ibero-Americana de estudos em educação, p. 147-158, 2012.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv8n6-168