Coliformes e Enterococcus sp. em carne de Sururu (Mytella sp.) comercializada em Feiras de São Luís - MA / Coliforms and Enterococcus sp. in meat of Sururu (Mytella sp.) marketing Feiras de São Luís - MA

Gleycy Kelly Moraes Santos Saldanha, Karolynne Sousa Gomes, Rejeana Márcia Lima Silva, Rubenira Pereira Lima, Ana Cristina Baltazar Soares, Vânia da Silva Soares

Abstract


O objetivo deste trabalho foi pesquisar indicadores de contaminação microbiológica em carne de sururu comercializada nas feiras de São Luís - MA. O local da pesquisa foram feiras denominadas de A, B, C e D. De cada uma das quatro feiras, foram colhidas 18 amostras de sururu totalizando 72 amostras. Para a pesquisa de coliformes utilizou-se a técnica do Número Mais Provável (NMP) e para a estimativa da enumeração de Enterococcus sp. utilizou-se a técnica de Contagem Padrão em Placas. As médias das populações/g nas feiras analisadas foram elevadas variando de 3,6x108 a 5x109 NMP/g para coliformes totais, 1x109 a 5x109 para coliformes termotolerantes e 1,4x109 a 8,1x109 UFC/g para Enterococcus sp. As contagens de coliformes totais nas amostras de sururu apresentaram diferença significativa (P=0,006) com maior prevalência no período chuvoso. Entretanto, em relação a coliformes termotolerantes (P=0,23) e Enterococcus sp. (P=0,42) as amostras não tiveram diferença significativa durante os meses de coleta. Em relação às populações bacterianas nas feiras analisadas não houve diferenças significativas, indicando que as médias não sofreram influência do local de comercialização. Todas as feiras apresentaram porcentagens elevadas em relação ao quesito não conformidade com aplicação do “check list”. Concluiu-se que existem elevadas populações de coliformes e Enterococcus sp. em carne de sururu “in natura” comercializada nas feiras de São Luís – MA, independentemente do tipo de feira. O período chuvoso pode influenciar nos níveis de contaminação por coliformes totais. A infraestrutura inadequada dos locais de comercialização pode ter contribuído para alta contaminação.


Keywords


feiras, contaminação, microbiologia de alimentos.

References


SANTOS, T. M. M.; SAWAYA, A. L.; SILVA, M. C. D.; SANTOS, A. F.; BARROS NETO, J. A.; FLORÊNCIO, T. M. M. T. Avaliação microbiológica e da concentração de vitamina A ferro e zinco em preparações do molusco sururu (Mytella falcata). Demetra: alimentação, nutrição & saúde, v.9, n. 3, 2014.

COUTINHO, K. M; ASSADA, L. T; NORMADE, A. C. L; BRANDÃO, T. B. C. A Cada lata: A extração do sururu na lagoa mundaú - Alagoas. Brasília: IABS, 2014.

FRANCO, B.D.G.M.; LANDGRAF, M. Microbiologia dos alimentos. São Paulo: Atheneu, 2008.

SILVA, N.; JUNQUEIRA, V. C.A.; SILVEIRA, N. F.A.; TANIWAKI, M. H.; SANTOS, R.F.S.; GOMES, R.A.R. Manual de Métodos de Análise Microbiológica de Alimentos e água. 3 eds. São Paulo: Varela, 2010.

ICMSF (INTERNATIONAL COMMISSION ON MICROBIOLOGICAL SPECIFICATIONS FOR FOODS). Microrganismos de los alimentos. 1. Técnicas de análises microbiológico. Zaragoza: Acribia. 1994.

VIEIRA, R.H.S.F. Microbiologia, Higiene e Qualidade do Pescado. São Paulo, Varela, 2004.

BRASIL. Ministério da Saúde. Agência Nacional de Vigilância Sanitária - ANVISA. Resolução – RDC Nº275, de 21 de outubro de 2002. Lex: Regulamento técnico de Procedimentos Operacionais Padronizados aplicados aos Estabelecimentos Produtos/Industrializadores de Alimentos e a Lista de Verificação. Diário Oficial da União, 21 out. 2002.

STATSOFT, INC. Programa computacional Statistica 7.0. E.A.U. 2004.

BRASIL. Ministério da Saúde. Agência Nacional de Vigilância Sanitária - ANVISA. Resolução – RDC Nº12, de 02 de janeiro de 2001. Lex: Regulamento técnico sobre Padrões Microbiológicos para Alimentos. Diário Oficial da União, 02 jan. 2001.

KAMEYAMA, M. Distribution of IS629 and stx genotypes among enterohemorrhagic Escherichia coli O157 isolates in Yamaguchi Prefecture, Japan, 2004-2013. The Journal Veterinary Medical Science, Tokyo, 2015. Disponível em:>https://www.jstage.jst.go.jp/browse/jvms/77/11/_contents/-char/ja>.Acesso em 20 dez. 2017

FREITAS, A. P. Qualidade microbiológica da ostra (Crassostrea rhizophorae) e sururu (Mytella guyanensis) na Baía do Iguape, Maragogipe, Bahia: presença de enteropatógenos e suscetibilidade antimicrobiana. 2012 Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Bahia, 2011.

SILVA, A.A.V.; COSTA, A.F.M. ; FREITAS, R.M.S.; SANTOS, M.B.S.V.; LOURENÇO, A.L.N.; MALTA, A.S.; FIREMAN, A.L.; FERREIRA, D.S.; ROHRIG, L.; SANTOS, S.C.; NOÉ, P.V.R.; SILVA, C.H.B.; SOUZA, E.C.; ROCHA, T.J.M. Qualidade parasitológica e condições higiênico-sanitárias de sururu (Mytella charruana) e alface (Lactuca sativa) comercializados em um mercado público de Maceió-AL. Revista de Ciências Farmacêuticas Básica e Aplicada. São Paulo, 2015.

JUSTINO, J. F. Avaliação de coliformes e vírus entéricos na água e no mexilhão (Mytella guyanensis) em área de manguezal da Baía de Vitória (ES). 2009. 96 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Ambiental) - Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, ES, 2009.

MAFRA, J.F.; MARQUES, V.F.; CARNEIRO, C.S.; OLIVEIRA, T.A.S.; EVANGELISTABARRETO, N.S. Avaliação da qualidade microbiológica de moluscos bivalves processados e comercializados em Maragogipe, estado da Bahia, Brasil. Acta of Fisheries and Aquatic Resources, Sergipe. 2016.

NASCIMENTO, V.A.; MITTARAQUIS, A. S. P.; TRAVÁLIA, B.M.; SANTOS, R. C. A.; NUNES, M.L.; AQUINO, L. C. L. Qualidade microbiológica de moluscos bivalves - sururu e ostras submetidos a tratamento térmico e estocagem congelada. Scientia Plena, Sergipe, 2011.

PEREIRA, A. F. Qualidade microbiológica e suscetibilidade antimicrobiana de mariscos provenientes de Maragogipe, Bahia. 2012 Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias) - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia. Bahia. 2011.

FURLAN, E. F.; GALVÃO, J. A.; SALÁN, E. O.; YOKOYAMA, V. A.; OETTERER, M. Estabilidade físico-química e mercado do mexilhão (Perna 30 perna) cultivado em Ubatuba SP. Ciência e Tecnologia de Alimentos. Campinas, 2007.

GENARO, A.; CUNHA, M.L.R.S.; LOPES, C.A. M. Study on the susceptibility of Enterococcus faecalis from infectious processes to ciprofloxacin and vancomycin. Journal of Veromous Animals and Toxins including tropical. Diseases, Botucatu. 2005.

CABRAL, M.L. 2015 Avaliação da contaminação microbiológica e da resposta ao stress ambiental em moluscos bivalves da Ria Formosa. Faro. 57 f. Dissertação (Mestrado em Tecnologia de Alimentos) - Instituto Superior de Engenharia, Universidade do Algarve. Disponível em: >https://sapientia.ualg.pt/ bitstream/10400.1/7689/1/Tese%20Marina %20Cabral.pdf, >. Acesso em: 30 de outubro de 2018.

EVANGELISTA, B. N. S., PEREIRA, A.F., SILVA, R.A.R. & FERREIRA, L. T. B. Carne de siri como veículo na disseminação de enteropatógenos resistentes aos antimicrobianos. Acta pesca, Aracaju- SE, 2013.Disponível em: https://seer.ufs.br/index.php/ActaFish/article/view/1685. Acesso em: 12 fev. 2018.

BARRETO, N. S. E, PEREIRA, A. F; SILVA, R. A. R; FERREIRA, L. T. B. Presença de enteropatógenos resistentes a antimicrobianos em ostras e sururus da Baía do Iguape, Maragogipe (Bahia). Revista acadêmica de Ciência animal, Paraná-PR, 2014. Disponível em: < https://periodicos.pucpr.br/index.php/cienciaanimal/index>. Acesso em: 30 mai, 2018.

DALTRO, A. C. S.; SILVA, I. P.; SOUZA, J. S.; SARAIVA, M. A. F.; EVANGELISTA-BARRETO, N. S. Enterococcus faecalis em amostras de sururu processado comercializado no mercado municipal de São Francisco do Conde – Bahia. Revista de Educação Continuada em Medicina Veterinária e Zootecnia do CRMV – SP. São Paulo, 2013. Disponível em: < https://www.revistamvez-crmvsp.com.br/index.php/recmvz/article/view/5450/4714>. Acesso em: 15 ago. 2018.

SANTOS, D. B; MACHADO, M. S; SAMPAIO, A. H. R; VIEIRA, L. M. Avaliação Das Condições Higiênico-Sanitárias da Feira Livre Da Colônia Dos Pescadores No Município De Uruçuí- PI. ENCICLOPÉDIA BIOSFERA, Centro Científico Conhecer - Goiânia, 2013.Disponível em :< http://www.conhecer.org.br/enciclop/2013a/miltidisciplinar/AVALIACAO%20DAS%20CONDICOES.pdf>. Acesso em :10 mar.2018

FARIAS, K. C.; MARTINS, F. F. F.; MARTINS, F. F.; MOREIRA, I. C. M.; JALES, K. A.; ALENCAR, T. C. S.D. B.; SILVA, M. M. G.; Avaliação das condições higiênico-sanitárias de alimentos comercializados no mercado municipal e na feira livre do município de Hidrolândia- CE.2011. CONNEPI ANAIS. Ceará. Anais. Ceará.2011. Disponível em :< http://connepi.ifal.edu.br/ocs/anais/conteudo/anais/files/conferences/1/schedConfs/1/papers/1238/public/1238-5507-1-PB.pdf>. Acesso em: 12 de jan. 2018.

COIMBRA, V. A; RODRIGUES, A. M.; SOUTO, L. A. S; GOMES, J. S. Análise da qualidade higiênico sanitária de feiras em São luís – MA. In 6º Simpósio de Segurança Alimentar, 2018, Gramado-RS, Anais. Gramado-RS: 2018. P. 1-6.

BRASIL. Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Resolução RDC nº 216, de 15 de setembro de 2004. Regulamento Técnico de Boas Práticas para Serviços de Alimentação. Diário Oficial da República Federativa do Brasil, Brasília, DF, 16 setembro de 2004.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv8n6-268