Condomínio alphaville flamboyant, uma experiência urbana/ Alphaville flamboyant condominium, an urban experience

Jose Cruciano de Araujo Filho, Deusa Maria Rodrigues Boaventura

Abstract


O presente texto procura fazer uma análise da evolução e ocupação do solo na experiência urbana representado pelo Condomínio Residencial Alphaville Flamboyant, um condomínio horizontal fechado (CHF), localizado na periferia de Goiânia, e as atividades econômicas que lhe dão suporte. Empregou-se geoprocessamento através de imagens de satélite e dados colhidos na administração do condomínio. Desde 2002, quando iniciou sua ocupação, até hoje, há construções sendo realizadas, apesar da sua estanqueidade e o número finito de seus lotes.


Keywords


Experiência urbana, Condomínio Horizontal Fechado, Ocupação do solo.

References


ALPHAVILLE URBANISMO S.A. 2003. Alphaville 30 anos. São Paulo. 2003

BRITTO, N. D. S. Articulações, sinergias e coalizões entre agentes públicos e privados na reestruturação urbana e imobiliária em pelotas (RS). 332p. 2018. Tese. Doutorado em Geografia, Instituto de Geociências, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2018.

CAMPOS, R. C. Não-lugares: condomínios fechados horizontais em Goiânia (1990-2006). Goiânia. Trilhas Urbanas. 2017.

CARVALHO, A.F. Privê Atlântico - De conjunto habitacional a condomínio: um caso incomum de valorização imobiliária. 166p. 2017.Dissertação. Mestrado em Projeto e Cidade. Faculdade de Artes Visuais. Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2017.

CASAROLI, D.; RODRIGUES, T.R.; MARTINS, A.P.B.; EVANGELISTA, A.W.P.; ALVES JUNIOR, J. Padrões de Chuva e de Evapotranspiração em Goiânia, GO. Revista Brasileira de Meteorologia, v.33, n.2, 247-256, 2018.

CORRÊA, Roberto Lobato. O Espaço Urbano. São Paulo: Ática, 2004.

DTAAFR, Departamento Técnico da Associação Alphaville Flamboyant Residencial. Documentos relacionados a Associação Alphaville Residencial, Goiânia, Goiás, 2019.

E-CIVIL, Descomplicando a engenharia. Disponível em: . Acesso em: 18/05/2019.

FARIA, J.L. Apropriação do espaço por moradores de conjuntos habitacionais em Viçosa-MG. 245p. Dissertação. Mestrado em Arquitetura e Urbanismo. Instituto de Arquitetura e Urbanismo, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2018.

GOIÂNIA, Prefeitura Municipal. Secretaria Municipal de Planejamento: Plano diretor de Goiânia. Lei Complementar nº. 171 de 29 de maio de 2007. Diário Oficial do Município de Goiânia, nº 4.147 de 26 de junho de 2007.

GOIÂNIA. Lei nº 4.526, de 20 de janeiro de 1.972. Dispõe sobre loteamentos urbanos e remanejamentos. Câmara Municipal de Goiânia. Diretoria Legislativa, Goiás, 1.972.

Google Earth Pro, Imagem Satélite Alphaville Goiânia, 06.05.2019, 2019.

LEFEBVRE, H. La producción del espacio. LOREA, Ion M. (Org.). Madrid: Capitán Swing, 2013.

LÔRO, J.N. Entre os muros da cidade: Condomínios horizontais fechados e segregação socioespacial na Barra da Tijuca. 110p. Dissertação. Mestrado em Sociologia. Instituto de Ciências Humanas e Filosofia, Universidade Federal Fluminense, 2018.

NETTO, V. M. Cidade & Sociedade: as tramas da prática e seus espaços. Porto Alegre: Sulina, 2014.

SALDANHA, H.G.A.C.; KNACKFUSS, M.I.; LIMA JÚNIOR, F.; MELO, W.F.; LEITE FILHO, F, G.; ALMEIDA, T.H.S.; MELO, A.K.B. Espaço urbano: como e por quem ele é produzido. Informativo Técnico do Semiárido, INTESA, Pombal (PB), v 11, n 2, p 13 - 19, jul - dez, 2017.

SILVA, C. P. C. Alphaville e a (des)construção da cidade no Brasil. 491p. 2016. Tese. Doutorado em Arquitetura e Urbanismo. Faculdade de Arquitetura e Urbanismo. Universidade de Brasília, 2016.

SILVA, G. C. O. Uso de instrumentos da gestão do risco de cheias como ferramenta no planejamento urbano. 2017. 278p. Tese (Doutorado em Ciências em Engenharia Civil). Universidade Federal do Rio de Janeiro, Instituto Alberto Luiz Coimbra, COPPE, Rio de Janeiro.

SMDUS. Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano Sustentável. Disponível em: . Acesso em: 09/05/2019.

SOUZA, M.O.; SILVA JUNIOR, T.F. Os condomínios fechados e a produção do espaço urbano em Mossoró: segregação e acumulação do capital imobiliário. Revista Pensar Geografia, v. 1, nº 1, junho, 2017.

TAKEDA, T. Uso e ocupação do solo urbano. 2013. Disponível em: . Acesso: 19/05/2019.

VILLAÇA, Fl. O território e a dominação social. In: Margem Esquerda. São Paulo: Boitempo Editorial, n. 24, p. 31- 36, 2015.

ZINN, G.K. Áreas institucionais de condomínios horizontais fechados: um estudo de caso na cidade de Foz do Iguaçu, Paraná, Brasil. 272f. 2017. Dissertação. Mestrado Interinstitucional, Pontifícia Universidade Católica do Paraná, Curitiba, 2017.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n1-014

Refbacks

  • There are currently no refbacks.