Avaliação do custo-benefício da gastroplastia com derivação intestinal em Y-de-Roux no Sistema Único de Saúde comparada aos gastos com tratamento das comorbidades geradas pela Diabetes Mellitus II / Evaluation of the laparoscopic Roux-en-Y gastric by-pass cost benefit in the Sistema Único de Saúde compared with treatment expenses of commorbities generated by Diabetes Mellitus II

Andressa Caldas de Lima Slonski Delboni, Iuri Pimenta Oliveira, Lohane Stefany Araújo Garcia, Paulo Roberto Dias, Vinícius Slonski Delboni, Natália de Fátima Gonçalves Amâncio, Edson Antonacci Jr

Abstract


Por meio de vários estudos observou-se que um grande número de pessoas obesas portadoras de Diabetes Mellitus tipo II ao se submeteram à cirurgia bariátrica foram curadas desta patologia sem apresentar ao longo prazo recidiva. Um dos princípios fundamentais do Sistema Único de Saúde (SUS), universalidade, garante a todo cidadão acesso às ações e serviços de saúde. Neste contexto, gestores públicos precisam de otimizar seus recursos a fim de atender tal demanda. Partindo dessa constatação, este estudo objetiva elucidar os gastos que o Ministério da Saúde hoje emprega no tratamento de certas comorbidades causadas pelo Diabetes Mellitus tipo II (DM II) e compará-los com o custo da cirurgia bariátrica oportunizada pelo Sistema Único de Saúde. Trata-se de um estudo de caráter quantitativo e documental, onde os dados foram coletados durante o período de 2017 a 2019 no portal do Ministério da Saúde e também pelo DATASUS. Os resultados apontam que o custo da cirurgia bariátrica por videolaparoscopia apesar de alto, é economicamente vantajoso a longo prazo quando se considerado o custo do tratamento de DM II no SUS. Em 11 anos o custo do tratamento do DM II devido a sua cronicidade torna-se mais caro do que a intervenção cirúrgica, se acrescentado o tratamento de pé diabético complicado essa diferença cai para aproximadamente 6 anos.


Keywords


Sistema Único de Saúde, Cirurgia Bariátric, Custo-benefício, Gestão de recursos.

References


BRASIL. Ministério da Saúde. Gabinete do Ministro. Portaria nº 425, de 19 de março de 2013. Estabelece regulamento técnico, normas e critérios para a Assistência de Alta Complexidade ao Indivíduo com Obesidade. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 15 abr, 2013. p. 59.

BRASIL. Ministério da Saúde. Gabinete do Ministro. Portaria nº 5, de 31 de janeiro de 2017. Torna pública a decisão de incorporar o procedimento de cirurgia bariátrica por videolaparoscopia no âmbito do Sistema Único de Saúde - SUS. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 1 fev, 2017. p. 84.

CHAN JM, RIMM EB, COLDITZ GA, STAMPFER MJ, WILLETT WC. Obesidade, distribuição de gordura e ganho de peso como fatores de risco para diabetes clínico em homens . Diabetes Care 1994; 17 : 961–969 [ PubMed ]

COTTAM DR, MATTAR SG, BARINAS-MITCHELL E, et al. A hipótese inflamatória crônica para a morbidade associada à obesidade mórbida: implicações e efeitos da perda de peso. Obes Surg 2004; 14 : 589–600 [ PubMed ]

CSENDES J, ATTILA ET AL . Efecto del bypass gástrico a largo plazo (7 a 10 años) en pacientes con obesidad severa y mórbida sobre el peso corporal, diabetes, dislipidemia y desarrollo de anemia. Rev. méd. Chile, Santiago , v. 139, n. 11, p. 1414-1420, nov. 2011 . Disponível em . Acessado em: 28 nov. 2019. http://dx.doi.org/10.4067/S0034-98872011001100004.

DEFRONZO RA. PALESTRA BANTING. Do triunvirato ao octeto sinistro: um novo paradigma para o tratamento do diabetes mellitus tipo 2. Diabetes 2009; 58 : 773-795 [ PubMed ]

GASTALDELLI A, FERRANNINI E, MIYAZAKI Y, MATSUDA M, DEFRONZO RA. Estudo do metabolismo de San Antônio Disfunção das células beta e intolerância à glicose: resultados do estudo do metabolismo de San Antônio (SAM) . Diabetologia 2004; 47 : 31–39 [ PubMed ]

GIRUNDI, M. G. Remissão do diabetes Mellitus tipo 2 dezoito meses após gastroplastia com derivação em Y-de-Roux. Rev Col Bras Cir, 2016, 43.3

HEMPEN M, KOPP HP, ELHENICKY M et al. O YKL-40 é elevado em pacientes com obesidade mórbida e diminui após a perda de peso . Obes Surg 2009; 19 : 1557-1563 [ PubMed ]

HU FB, MANSON JE, STAMPFER MJ, et al. Dieta, estilo de vida e risco de diabetes mellitus tipo 2 em mulheres. N Engl J Med 2001; 345 : 790–797 [ PubMed ]

SILVA, CYNTHIA VIEIRA, ET AL. Cirurgia bariátrica e controle glicêmico: relato de um caso. Arquivos de Ciências da Saúde, 2018, 25.3: 15-17.

THORAND B, BAUMERT J, KOLB H, et al. Diferenças de sexo na predição de diabetes tipo 2 por marcadores inflamatórios: resultados do estudo de caso-coorte MONICA / KORA Augsburg, 1984-2002. Diabetes Care 2007; 30 : 854–860 [ PubMed ]




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n1-094

Refbacks

  • There are currently no refbacks.