Aplicação das Ferramentas da Qualidade em uma Avaliação da QVT: estudo de caso no Mercado de Peixe de Abaetetuba-PA / Quality Tools applied in an QWL's evaluation: case study in Abaetetuba-PA Fish Market

Gabrielly Malato Praxedes, Harley dos Santos Martins, Maria Bezerra Nobre, Caroline Lourinho Rodrigues, Raildo Lima Mendes

Abstract


O presente artigo objetiva analisar o nível de satisfação dos trabalhadores do mercado de peixe da cidade de abaetetuba-pa quanto a qualidade de vida no trabalho (qvt). Realizou-se um estudo teórico a respeito da temática e num segundo momento foi feita uma pesquisa de campo visitando o local onde se aplicou um checklist, na forma de questionários de análise quantitativa e qualitativa, para 25 trabalhadores do mercado de peixe, seguindo indicadores de um modelo de qvt. Posteriormente se analisaram os dados e observou-se que os indicadores de qvt que apresentam maior insatisfação são as condições de segurança e saúde com um total de 40% de nível de satisfação regular, ruim ou péssimo; e a meritocracia com, também, 40% alegando um nível de satisfação regular, ruim ou péssimo. Usando-se um brainstorming com os funcionários descobrindo-se que as condições referentes à estrutura (76%) e fiscalização (56%) no mercado de peixe são pontos que devem melhorar prioritariamente. Finalizando o estudo se elaborou um plano de melhorias estruturado com um 5w1h.


Keywords


qualidade de vida no trabalho; motivação; ferramentas da qualidade; satisfação.

References


BAUMAN, Zygmunt. Modernidade Líquida. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2005.

BOCK, Ana Mercês Bahia; TEIXEIRA, Maria de Lurdes Trassi; FURTADO, Odair. Psicologia fácil. São Paulo: Saraiva, 2011.

CHIAVENATO, Idalberto. Gestão de pessoas: o novo papel dos recursos humanos nas organizações. 4 ed. Barueri, SP: Manole, 2014.

FERREIRA, M. C. Qualidade de Vida no Trabalho: Uma abordagem centrada no olhar Não dos trabalhadores. Brasília DF: Edições LPA; 2011.

IIDA, Itiro. Ergonomia Aplicada. São Paulo: Atlas, 2000.

GIDO, J.; CLEMENTS, J. P. Gestão de Projetos. São Paulo: Cengage Learning, 2007.

GIL, A. C. Gestão de pessoas: enfoque nos papéis profissionais. 1 ed. São Paulo: Atlas, 2007.

HACKMAN, J. R.; OLDHAN, G. R. Development of the job diagnostic survey. J Applied Psychol, v. 60, n. 2, p. 159-170, 1975.

LIMONGI-FRANÇA, A. C. Qualidade de vida no trabalho: conceitos e práticas nas empresas da sociedade pós-industrial. São Paulo: Atlas, 2003.

MASLOW, A. H. Maslow no Gerenciamento. Rio de janeiro: Qualitymark, 2000.

MAXIMIANO, A. C. A. Introdução à Administração. 5 ed. Atlas. São Paulo. 2000.

MINAYO, M. C. de S.; HARTZ, Z. M. de A.; BUSS, P. M. Qualidade de vida e saúde: um debate necessário. Ciência & Saúde Coletiva, 5(1):7-18, 2000.

NADLER, D.A.; LAWLER III, E.E. Quality of work life: perspectives and directions. Organiz Dynamics, inverno 1983.

PEINADO, Jurandir. GRAEML, Alexandre Reis. Administração da Produção: operações industriais e de serviços. Curitiba: UnicenP, 2007.

PIERON, H. Dicionário de Psicologia. Porto Alegre: Globo, 1972.

TOLEDO, João Carlos de. Qualidade: gestão e métodos. Rio de Janeiro: LTC, 2013.

VIEIRA, Sonia. Estatística para a qualidade. 3 ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2014.

WALTON, R. Quality of working life: what is it? Sloan Management Rev., v. 15, n. 1, p. 11-21, 1973.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n1-095

Refbacks

  • There are currently no refbacks.