Hipovitaminose D e obesidade de pacientes atendidos em clínica particular de cardiologia de um município da zona da mata Mineira/ Hypovitaminosis D and obesity in patients seen at a private cardiology clinic in a municipality in the forest area of Minas Gerais

Camila Randolpho Paiva, Cezar Ladeira Macedo Junior, Mayla Cardoso Fernandes Toffolo

Abstract


Estima-se que um bilhão de pessoas no mundo possuam deficiência de vitamina D (VD) por vários fatores, como baixo consumo de alimentos fonte e exposição solar insuficiente (GRINEVA et al, 2013). O déficit de VD e obesidade são problemas prevalentes no mundo, e aparentemente estão relacionados entre si, entretanto os mecanismos de causa e efeito não são totalmente esclarecidos (POPKIN, 2010). Este déficit em obesos, pode estar ligado ao seu depósito nos adipócitos, reduzindo biodisponibilidade, uma vez que o adipócito possui receptores de VD e exerce papel na regulação da lipólise. (KREMER et al, 2009).


Keywords


Vitamina D; Obesidade; doenças cardiovasculares.

References


GRINEVA, E.N et al.Vitamin D deficiency is a riskfactor for obesity and diabetes type 2 in wome at late reproductive age. AGING. v. 5, n. 7, 2013. KREMER, R. et al. Vitamin D Status and Its Relationship to Body Fat, Final Height, and Peak Bone Mass in Young Women. J Clin Endocrinol Metab, v.94, n.1, p. 67-73, 2009. LIPSCHITZ DA. Screening for nutritional status in the elderly. Prim Care. 1994; 21:55-67. POPKIN, B. M. Recent dynamics suggest selected countries catching up tp US obesity. American Journal of Clinical Nutrition, v. 91, n.1, p. 284-288, 2010. WORL HEALTH ORGANIZATION: the use and interpretation of anthropometry. Geneva: World Health Organization; 1995.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n1-210