Análise da qualidade de vida, prática de atividade física e tempo de trabalho docente no ensino superior em face à pandemia de Covid-19 / Analysis of quality of life, physical activity and teaching time in higher education in the face of the Covid-19 pandemic

Authors

  • Luiz Otávio Carneiro Pereira Proence
  • Renato de Souza Lima Júnior
  • Vânia Ágda de Oliveira Carvalho
  • Daniel Souza Pinto
  • Dílmerson de Oliveira

DOI:

https://doi.org/10.34119/bjhrv5n4-088

Keywords:

COVID-19, educação, pandemia, qualidade de vida.

Abstract

Alterações impostas pela pandemia da COVID-19 influenciaram a educação, levando instituições e professores, os atores da linha de frente do processo ensino x aprendizagem, a enfrentarem novos desafios, eclodindo discussões sobre cuidados necessários com a saúde física, mental, alterações ambientais e no convívio social. Frente às preocupações relacionadas à saúde e Qualidade de Vida dos docentes, este estudo, com característica transversal, quantitativo e realizado com professores de rede de ensino superior de Minas Gerais durante a mencionada pandemia, possui, como objetivos, avaliar a QV dos professores universitários, observar seus níveis de prática de atividade física e o impacto dessa pandemia na jornada de trabalho. Os dados foram obtidos através de questionário com questões direcionadas à caracterização da amostra e o WHOQOL-BREF. Constatou-se necessidade de cuidados com a QV dos docentes do ensino superior concernente aos aspectos psicológicos e na autopercepção da QV, crendo-se reflexo do aumento do tempo de trabalho.

References

FOGAÇA, Priscila Carvalho; AROSSI, Guilherme Anzilero; HIRDES, Alice. Impacto do isolamento social ocasionado pela pandemia COVID-19 sobre a saúde mental da população em geral: Uma revisão integrativa. Pesquisa, Sociedade e Desenvolvimento, v. 10, n. 4, pág. e52010414411-e52010414411, 2021.

PRADO, Amanda Dornelas et al. A saúde mental dos profissionais de saúde frente à pandemia do COVID-19: uma revisão integrativa. Revista Eletrônica Acervo Saúde, n. 46, p. e4128-e4128, 2020.

Brasil. Ministério da Saúde. Painel de controle COVID-19. Brasília, 2022. Disponível em: <https://covid.saude.gov.br/ >. Acessado em: 01 de julho de 2022.

WORLD HEALTH ORGANIZATION et al. Assessing national capacity for the prevention and control of noncommunicable diseases: report of the 2019 global survey. 2020.

ALVARENGA, Robson et al. Percepção da qualidade de vida de professores das redes públicas e privadas frente à pandemia do covid-19. Revista CPAQV–Centro de Pesquisas Avançadas em Qualidade de Vida, v. 12, n. 3, p. 2, 2020.

BEZERRA, Anselmo César Vasconcelos et al. Fatores associados ao comportamento da população durante o isolamento social na pandemia de COVID-19. Ciência & Saúde Coletiva, v. 25, n. suppl 1, p. 2411-2421, 2020.

NOBRE, Moacyr Roberto Cucê. Qualidade de vida. Arq Bras Cardiol, v. 64, n. 4, p. 299-300, 1995.

PRAÇA, Letícia Aparecida; DE OLIVEIRA, Victor Miranda. Qualidade de vida no trabalho em tempos de pandemia de COVID-19: os desafios e oportunidades dos docentes do ensino superior. Gestão-Revista Científica, v. 2, n. 2, 2020.

LUDOVICO, Francieli Motter et al. COVID-19: desafios dos docentes na linha de frente da educação. Interfaces científicas: educação. Aracaju, SE. Vol. 10, n. 1 (2020), p.[58-74], 2020.

FLECK, Marcelo Pio de Almeida et al. Desenvolvimento da versão em português do instrumento de avaliação de qualidade de vida da OMS (WHOQOL-100). Brazilian Journal of Psychiatry, v. 21, p. 19-28, 1999.

RIBEIRO, Elaine; BLANK, Julia Caroline Goulart; DE FREITAS, Ernani Cesar. Do presencial ao digital em tempos de pandemia: o ethos revelado pelo professor em atividade remota. fólio-Revista de Letras, v. 13, n. 1, 2021.

LIMA, Dartel Ferrari de; LEVY, Renata Bertazzi; LUIZ, Olinda do Carmo. Recomendações para atividade física e saúde: consensos, controvérsias e ambiguidades. Revista Panamericana de Salud Publica, v. 36, p. 164-170, 2014.

Published

2022-07-19

Issue

Section

Original Papers