O conhecimento de matrizes e o envio de mensagens codificadas / The knowledge of matrices and the submission of coded messages

Authors

  • Igor Sthaynny Costa do Nascimento
  • Elizieb Luiz Liberato Pereira
  • Mônica Paula de Sousa

DOI:

https://doi.org/10.34117/bjdv5n5-1552

Keywords:

Criptografia, Matriz, Codificar, Decodificar.

Abstract

Aplicativos móveis desonestos são responsáveis por 28% dos ataques de fraudes observados pela RSA (2018),RivestShamirAdleman, no segundo trimestre de 2018 e mais de 70% das transações fraudulentas foram originadas no canal de telecomunicação. Sabendo disso mostraremos um método bastante intuitivo, com operações fáceis, que pode ser utilizado por pessoas comuns para enviar e receber mensagens com mais segurança. Assim, visando um entendimento geral, porém simplificado, utiliza-se matrizes com um conjunto de números para simplificar a manipulação das transformações de letras para números e vice-e-versa. No procedimento o remetente utiliza uma matriz para codificar a mensagem e o destinatário usa uma outra matriz associada à anterior por uma relação de inversão para decodificá-la. Dada a mensagem, cada letra é associada à um número que são ordenados em uma matriz. Para codificar, a mensagem é multiplicada com a matriz do remetente e o resultando é enviado como a matriz resultante. Para decodificar, o destinatário utiliza sua matriz e multiplica pela matriz recebida, resultando na matriz original, assim podendo converter para suas letras associadas. Portanto, tem-se por finalidade mostrar a importância de divulgar um conhecimento científico que torna a tecnologia mais segura, já que a criptografia é um método aplicável em qualquer meio de comunicação, basta que haja os três objetos: o emissor, o transformador e o receptor, e que a segurança a partir da troca de informações ao utilizar esses métodos seja de forma discreta entre emissor e receptor, inclusive a existência de duas matrizes invertíveis em suas mensagens.

References

DIG. 3 bilhões de pessoas no mundo usam redes sociais ativamente. 2017. Disponível em: <https://www.digai.com.br/2017/08/3-bilhoes-pessoas-mundo-usam-redes-sociais/>. Acesso em: 17 ago. 2018.

G1. WhatsApp bate recorde de mensagens trocadas no Ano Novo. 2018. Disponível em: <https://g1.globo.com/economia/tecnologia/noticia/whatsapp-bate-recorde-de-mensagens-trocadas-no-ano-novo.ghtml>. Acesso em: 10 ago. 2018.

GOMES, Helton Simões. Jovens brasileiros trocam Facebook por aplicativos de mensagens. 2013. Disponível em: <http://g1.globo.com/tecnologia/noticia/2013/11/jovens-brasileiros-trocam-facebook-por-aplicativos-de-mensagens.html>. Acesso em: 17 ago. 2018.

RSA. Security Solutions to Address Cyber Threats. Disponível em: <https://www.rsa.com/>. Acesso em: 18 ago. 2018.

Published

2019-03-22

How to Cite

Nascimento, I. S. C. do, Pereira, E. L. L., & Sousa, M. P. de. (2019). O conhecimento de matrizes e o envio de mensagens codificadas / The knowledge of matrices and the submission of coded messages. Brazilian Journal of Development, 5(5), 3813–3819. https://doi.org/10.34117/bjdv5n5-1552

Issue

Section

Original Papers