Influência dos Finos de Dolomita e da Dissolução de Minerais de Cálcio no Desempenho da Flotação de Apatita / Influence of Dolomite Fines and Calcium Mineral Dissolution on Apatite Flotation Performance

Authors

  • Marisa Bezerra de Mello Monte Brazilian Journals Publicações de Periódicos, São José dos Pinhais, Paraná
  • Danielle Andrade Pimentel

DOI:

https://doi.org/10.34117/bjdv7n4-323

Keywords:

Rocha fosfática, flotação de apatita, ensaio de solubilidade, dolomita.

Abstract

As rochas fosfáticas brasileiras podem apresentar mineralogia complexa, com baixo teor de mineral de fósforo associado a teores elevados de carbonatos, o que exige um maior número de operações para a sua concentração, resultando em uma redução da recuperação global de fósforo. No caso de partículas de apatita, liberadas em tamanhos muito finos, a seletividade desse processo poderá ser ainda dependente da dissolução desses minerais na polpa de flotação. Neste trabalho investigou-se o efeito da adição de finos de dolomita e da dissolução de íons Ca2+ e Mg2+ no desempenho da flotação de apatita, conduzida na presença de ácidos graxos e de polímeros. Os resultados experimentais mostraram que a diminuição da recuperação da apatita pode ser atribuída à adsorção física dos finos de dolomita na superfície da apatita ou ainda interferência dos íons dissolvidos em solução. Por outro lado, a adição de carboximetilcelulose (5 mg/L) proporciona um aumento significativo da recuperação de apatita, mesmo na presença de finos dolomita (200 mg/L), utilizando-se o oleato de potássio, como coletor, na concentração de 15 mg/L.

References

Abouzeid, A.Z.M. 2008. Phisical and thermal treatment of phosphate ores – an overview. Int. Miner. Process, 85:59-84.

Amankonah J. Ofori and P. Somasundaran. Effects of Dissolved Mineral on the Electrokinetic Behavior of Calcite and Apatite. Colloids and Surfaces 1985, 15; 335-53.

Barros, L.A.F. 1997. Flotação da apatita da jazida de Tapira. São Paulo, USP/Escola Politécnica, 106p.

Born, H. and Kahn, H. 1990. Caracterização geológica e mineralógica voltada ao aproveitamento de jazimento fosfáticos. V Encontro Nacional de Rochas Fosfáticas. IBRAFOS, São Paulo.

Chen, Gonglun, Tao, Daniel. Effect of solution chemistry on flotability of magnesite and dolomite. International Journal Mineral Processing. 2004, 74, 343-57.

Costa, C.N.JR. 2002. Dissolução química e biogeoquímica de apatita magmática. Tese de Doutorado N0 56, Universidade de Brasília (UnB), Instituto de Geociências (IG). Brasília, DF.

Goedert, W.J. and Sousa, D.M.G. 1984. Uso de Fertilizantes Fosfatados. In: ESPINOZA, W.; OLIVEIRA, A.J. de. (ed.) Simpósio sobre fertilizantes na agricultura brasileira. Brasília, DF, 06-10 agosto. EMBRAPA-DID, Brasília, p.255-290. (Documentos, 14), 1984.

Guimaraes, R.C.; Araújo, A.C.; Peres, A.E.C. 2005. Reagents in igneous phosphate ores flotation, Minerals Engineering, v. 18, pp. 199-204.

Guimarães, R.C; Peres, A.E.C.1999. The use of polymers in the Brazilian mineral industry. In: Laskowski, J.S. ed. Polymers in Mineral Industy, Met. Soc. CIM, Montreal. p.127-137.

Hogarth, D.D. 1989. Pyroclore, apatite and amphibole: distinctive minerals in carbonatite. In Bell, Keith (eds). Carbonatites - Genesis and Evolution. Unwin Hyman Ltd, p.:105-148.

Kaminski, J. 1983. Efeito de cinco fosfatos pré-, co- e pós-aplicados ao Calcário no Suprimento de Fósforo ao Sorgo em três Solos Ácidos. ESALQ/USP. Piracicaba, 126p. (Tese Doutorado).

Kochhann, R.; Anghinoni, I.; Mielniczuck, J. 1982. A Adubação Fosfatada no Rio Grande do Sul e Santa Catarina. In: OLIVEIRA, A.J. de LOURENÇO, S., GOEDERT, W.J. (ed) Adubação fosfatada no Brasil. EMBRAPA-DID, Brasília. P.29-60. (Documento 21).

Leal Filho, L.S. 2002. Estudo de mecanismos geradores de seletividade na separação apatita/silicatos e apatita/óxidos por flotação aniônica. Relatório Final apresentado à Fapesp. 95p. São Paulo.

Lu, Y., Drelich, J. and Miller, J. Oleate Adsorption attn an Apatite Surface Studied by Former-Situ FTIR Internal Reflection Spectroscopy. Journal of Colloid and Interface Science 1998, 202; 462-76.

Schneider, K.; Herrmann, V. 2001. Semi-quantitative mechanical characterizations of fibre composites in the sub-micron-range by SFM. Composites: Part A, Kidlinton, v. 32, p. 1679-1687.

Sis, H., Chander, S. Reagents used in the flotation of phosphate ores: a critical review. Minerals Engineering 2003, 16 ; 577 – 85.

Sobhy, Ahmed, Tao, Daniel. Innovative RTS technology for dry beneficiation of phosphate. Procedia Engineering 2014 ; 83 ; 111 – 21.

Somasundaran P., Amankonah J. Ofori and Ananthapadmanabhan K. P. Mineral-Solution Equilibria in Sparingly Soluble Mineral Systems. Colloids and Surfaces 1985 ; 15 ; 309-33.

Souza, A. E. de, Fonseca, D. S. Economia Mineral do Brasil. Brasília-DF: DNPM, 2009. Capítulo 7, Mineração para o agronegócio - Fosfato, p. 546 – 68.

Zapata, F. E.; Roy, R.N. 2004. Useof phosphate rocks for sustainable agriculture fertilizer and plant nutrition bull. 13, FAO, 165 p.

Zheng, X. and Smith, R.W. 1997. Dolomite Depressants in the Flotation of Apatite and Collophane from Dolomite. Minerals Engineering, v.10., no.5

Published

2021-04-13

How to Cite

Monte, M. B. de M., & Pimentel, D. A. (2021). Influência dos Finos de Dolomita e da Dissolução de Minerais de Cálcio no Desempenho da Flotação de Apatita / Influence of Dolomite Fines and Calcium Mineral Dissolution on Apatite Flotation Performance. Brazilian Journal of Development, 7(4), 38090–38105. https://doi.org/10.34117/bjdv7n4-323

Issue

Section

Original Papers