Caracterização de idosos atendidos em unidade básica de saúde através do nível de Atividade Física / Characterization of elderly people attended in a primary health care unit by level of Physical Activity

Authors

  • Pamela Tainá Licoviski
  • Pamela Tainá Licoviski
  • Andressa Panegalli Hosni
  • Angela Dubiela Julik
  • Eliane Gonçalves de Jesus Fonseca
  • Patrícia Pacheco Tyski Suckow
  • Felipe Figueiredo Moreira
  • Raphaella Rosa Horst Massuqueto
  • Ana Carolina Dorigoni Bini

DOI:

https://doi.org/10.34117/bjdv7n4-424

Keywords:

Centros de Saúde, Exercício Físico, Saúde do Idoso, Questionário.

Abstract

O envelhecimento caracteriza-se pela deterioração progressiva na função das células, tecidos e órgãos, levando ao declínio das funções fisiológicas, como perda de massa muscular, redução do fluxo sanguíneo, comprometimento no sistema imune, diminuição da capacidade energética, alteração da função cognitiva e capacidade reduzida para responder a estímulos de estresse. Neste sentido, a importância e os benefícios das atividades físicas nesta população são cada vez mais evidentes. O Questionário Internacional de Atividade Física (International Physical Activity Questionnaire – IPAQ) é um instrumento específico que permite estimar o tempo semanal gasto na realização de atividades físicas de intensidade moderada à vigorosa e em diferentes contextos da vida. O objetivo do estudo foi avaliar o nível de atividade física em idosos atendidos na rede básica de saúde no município de Guarapuava. O estudo foi realizado nos Serviços de Atendimento da Unidade Básica de saúde do munícipio de Guarapuava. A população alvo do estudo foi constituída de idosos com idade entre 60 e 90 anos. A amostra foi obtida por conveniência através do convite a idosos disponíveis e interessados em participar da pesquisa, através de entrevista usando o questionário IPAQ como método de avaliativo. A maioria dos idosos atendidos na UBS de Guarapuava avaliados, eram praticantes de atividade física de forma ativa.

 

References

BENEDETTI TRB, Mazo GZ, Barros MVG. Aplicação do Questionário Internacional de Atividades Físicas para avaliação do nível de atividades físicas de mulheres idosas: validade concorrente e reprodutibilidade teste. Rev Bras Ciên Mov, 12(1):25-34, 2004. Disponível em: https://portalrevistas.ucb.br/index.php/RBCM/article/view/538.

BENEDETTI TRB, Petroski EL, Antunes PC, Rodrigues-Anez CR. Questionário internacional de Atividades Físicas: validade concorrente e reprodutibilidade para homens idosos. In: XXV Simpósio Internacional de Ciências do Esporte. Novas Fronteiras para o Movimento. São Paulo: Sitta Gráfica;(25):103–103, 2002.

BENEDETTI, Tânia R. Bertoldo et al. Reprodutibilidade e validade do Questionário Internacional de Atividade Física (IPAQ) em homens idosos. Rev Bras Med Esporte, v. 13, n. 1, p. 11-6, 2007. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-86922007000100004.

BINOTTO, Maria Angélica; EL TASSA, Khaled Omar Mohamad. Atividade física em idosos: uma revisão sistemática baseada no internacional phisical questionnaire (IPAQ). Estudos Interdisciplinares sobre o envelhecimento, v.19, n. 1, 2014. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/RevEnvelhecer/article/view/26068.

CASPERSEN C.J., POWELL K.E., CHRISTENSON G.M. Physical activity, exercise, and physical fitness: definitions and distinctions for health-related research. Public Health Rep, 100: 126-31, 1985. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC1424733/

DUMITH SC, MACIEL FV, BORCHARDT JL, ALAM VS, SILVEIRA FC, PAULITSCH RG. Health predictors and conditions associated to moderate and vigorous physical activity among adults and elderly from Southern Brazil. Rev Bras Epidemiol., 22:e190023, 2019. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/30916145/

GRAMMATIKAKIS, Ioannis et al. Long noncoding RNAs (lncRNAs) and the molecular hallmarks of aging. Aging (Albany NY), v. 6, n. 12, p. 992, 2014. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/25543668/#:~:text=Long%20noncoding%20RNAs%20(lncRNAs)%20play,that%20underlie%20age%2Dassociated%20phenotypes.

LIAO, YH., KAO, TW., PENG, TC et al. Gender differences in the association between physical activity and health-related quality of life among community-dwelling elders. Aging Clin Exp Res, 2020. Disponível em: https://link.springer.com/article/10.1007/s40520-020-01597-x#citeas

MACIEL MG. Atividade física e funcionalidade do idoso. Motriz, 16:1024-32, 2010. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1980-65742010000400023&script=sci_abstract&tlng=pt

MAZO, G. Z. et al. Nível de atividade física, condições de saúde e características sóciodemográficas de mulheres idosas brasileiras. Revista Portuguesa de Ciências do Desporto. Porto, v. 2, p. 202–212, 2005. Disponível em: http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1645-05232005000200009.

PENHA JCL, PIÇARRO I DA C, BARROS NETO TL DE. Evolução da aptidão física e capacidade funcional de mulheres ativas acima de 50 anos de idade de acordo com a idade cronológica, na cidade de Santos. Cien Saude Colet., 17:245-53, 2012. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232012000100027

SOUSA, C. M. DE S. et al. O nível de atividade física na manutenção da autonomia para realização das atividades da vida diária (AVDS). Brazilian Journal of Development, v. 6, n. 9, p.69282-69292, 2020. Disponível em: https://www.brazilianjournals.com/index.php/BRJD/article/view/16762

SOUZA AM, FILLENBAUM GG, BLAY SL. Prevalence and correlates of physical inactivity among older adults in Rio Grande do Sul, Brazil. PLoS One, 10: e0117060, 2015. Disponível em: https://journals.plos.org/plosone/article?id=10.1371/journal.pone.0117060

WORLD HEALTH ORGANIZATION (WHO). Physical activity. 2020. Disponível em: https://www.who.int/health-topics/physical-activity#tab=tab_1

Published

2021-04-16

How to Cite

Licoviski, P. T., Licoviski, P. T., Hosni, A. P., Julik, A. D., Fonseca, E. G. de J., Suckow, P. P. T., Moreira, F. F., Massuqueto, R. R. H., & Bini, A. C. D. (2021). Caracterização de idosos atendidos em unidade básica de saúde através do nível de Atividade Física / Characterization of elderly people attended in a primary health care unit by level of Physical Activity. Brazilian Journal of Development, 7(4), 39555–39563. https://doi.org/10.34117/bjdv7n4-424

Issue

Section

Original Papers