A busca pelo uso de produtos naturais na prevenção de infecção por Covid-19 / The search for the use of natural products to prevent Covid-19 infection

Authors

  • Luciana de Paiva Santos Abreu Brazilian Journals Publicações de Periódicos, São José dos Pinhais, Paraná
  • Ana Paula Martinazzo

DOI:

https://doi.org/10.34117/bjdv7n4-565

Keywords:

Produtos naturais. Coronavírus. Homeopatias. Fitoterápicos. Medicina tradicional.

Abstract

Ainda sem tratamento cientificamente comprovado contra o coronavírus (Covid-19), muitos esforços têm sido alocados na busca por formas de prevenção eficazes e tratamentos para os sintomas da infecção. Alternativas à medicina convencional vem sendo avaliadas no tratamento dos sintomas da Covid-19. Neste contexto, buscou-se entender a percepção e uso dos produtos naturais por parte da população, na prevenção a Covid-19. Na pesquisa, 529 questionários foram aplicados a pessoas de diferentes contextos socioculturais com o objetivo de entender o que os motiva a consumir tais produtos e quais produtos são estes, assim como analisar a influência de fatores socioculturais neste consumo. Destes, em torno de 30% afirmaram ter realizado o uso de produtos naturais na prevenção a Covid-19, sendo esta taxa maior entre pessoas com mais de 41 anos. A respeito dos benefícios dos produtos naturais, 82,8% disseram conhecê-los. Dentre as três religiões com maiores percentuais de consumo estão o Espiritualismo, Kardecismo e Umbandismo superando as demais religiões em cerca, de 48%. A falta de informações e indicações mostrou-se como um grande desafio ao aumento do consumo, assim como uso correto de produtos naturais.

References

Anderson RM, Fraser C, Ghani AC, Donnelly CA, Riley S et al. Epidemiology, transmission dynamics and control of SARS: the 2002–2003 epidemic. Philosophical Transactions of the Royal Society of London. Series B: Biological Sciences. 2004; 359 (1447): 1091-1105. ISSN 0962-8436. [CrossRef].

de Groot RJ, Baker SC, Baric RS, Brown CS, Drosten C et al. Commentary: Middle east respiratory syndrome coronavirus (mers-cov): announcement of the coronavirus study group. J Virol. 2013; 87 (14): 7790-7792. ISSN 1098-5514. [CrossRef].

WHO - World Health Organization. Modes of transmission of virus causing COVID-19: implications for IPC precaution recommendations: scientific brief. Geneva, Suíça. 2020; 3. [Link]. Acesso em: 10 ago 2020.

WHO - World Health Organization. Coronavirus Disease (COVID-19) Dashboard. [Link].

Huang C, Wang Y, Li X, Ren L, Zhao J et al. Clinical features of patients infected with 2019 novel coronavirus in Wuhan, China. The Lancet. 2020; 395 (10223): 497-506. ISSN 0140-6736. [CrossRef]

Cascella M, Rajnik M, Cuomo A, Dulebohn SC, Di Napoli R. Features, evaluation and treatment coronavirus (COVID-19). In: Statpearls [internet]. StatPearls Publishing, 2020. [Link].

Jordan RE, Adab P, Cheng KK. Covid-19: risk factors for severe disease and death. BMJ. 2020; 368 (1198): 2. ISSN 0959-8138. [CrossRef].

Rios-Neto ELG. Pobreza, migrações e pandemias. I Conferência Nacional de Política Externa e Política Internacional – O Brasil e o mundo que vêm aí (I CNPEPI). Belo Horizonte: UFMG/Cedeplar, 2007. [CrossRef]

Senhoras EM. Coronavírus e o papel das pandemias na história humana. Bol Conj (BOCA). 2020; 1(1): 31-34. ISSN 2675-1488. [CrossRef]

Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares no SUS - PNPIC-SUS / Ministério da Saúde, Secretaria de Atenção à Saúde, Departamento de Atenção Básica. 2006; 92. [Link]

BRITO, Júlio César Moreira et al. Uso irracional de medicamentos e plantas medicinais contra a COVID-19 (SARS-CoV-2): Um problema emergente. Brazilian Journal of Health and Pharmacy. 2020; 2(3): 37-53. ISSN 2596-321X. [CrossRef].

REIHANI, Hamidreza et al. Non-evidenced based treatment: An unintended cause of morbidity and mortality related to COVID-19. Am J Emerg Med. 2020. ISSN 0735-6757. [CrossRef].

Barbosa MO, Lemos ICS, Kerntopf MR, Fernandes GPA. Prática da Medicina Tradicional no Brasil: um resgate histórico dos tempos coloniais. Rev Interd Est Saúde. 2016; 5(1): 65-77. ISSN 2238-832X. [CrossRef].

WHO - World Health Organization. OMS apoia medicina tradicional comprovada cientificamente. 04 Maio 2020. [Link].

Figueredo CA, Gurgel IGD, Gurgel Junior GD. A Política Nacional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos: construção, perspectivas e desafios. Physis, Rio de Janeiro. 2014; 24(2): 381-400. ISSN 0103-7331. [CrossRef].

Silva ASP, Feitosa ST. Revisão sistemática evidencia baixo nível de conhecimento acerca da política nacional de práticas integrativas e complementares por parte de gestores e profissionais da saúde. VITTALLE-Rev Ciên Saúde. 2018; 30(1): 105-114. ISSN 2177-7853. [CrossRef].

Plácido AL, de Morais KCS, da Silva CP, Tavares FM. Percepção dos Gestores das Unidades Básicas de Saúde Sobre as Práticas Integrativas e Complementares. ID on line Rev Psicol. 2019; 13(43): 865-872. ISSN 1981-1179. [CrossRef].

Brasil. Ministério da Saúde. Portaria Interministerial Nº 2.960, de 9 de Dezembro de 2008. Aprova o Programa Nacional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos e cria o Comitê Nacional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos. 2008. [Link].

Santos MRGD, Rezende MDA. Prescrição de fitoterápicos na atenção primária de saúde no Brasil e a contribuição do memento fitoterápico aos profissionais prescritores. Rev Fitos, Rio de Janeiro. 2019; 13(4): 299-313. ISSN 1808-9569. [Link].

Gois BP, Pereira AD, Lopes KLS, Corgosinho FC. Suplementação e alimentação adequada no contexto atual da pandemia causada pela Covid-19. DRIUFT [Internet]. 2020; 7(Especial-3): 89-6. ISSN 2359-3652. [CrossRef]

Brasil. Agência Nacional de Vigilância Sanitária - ANVISA. Formulário Homeopático - Farmacopeia Brasileira 1ª Edição 2017. [Link]

Brasil. Agência Nacional de Vigilância Sanitária - ANVISA. Formulário Homeopático - Farmacopeia Brasileira 2ª Edição 2019. [Link]

Brasil. Agência Nacional de Vigilância Sanitária – ANVISA. Farmacopeia Homeopática Brasileira 3ª Edição 2011. [Link].

Silva DG, Bezerra ALQ, Barbosa MA, Siqueira KM, Fonseca KC. Crenças alimentares como hábitos de vida. Enferm UERJ, Rio de Janeiro. 2007; 15(2): 255-260. ISSN 0104-3552. [Link].

Chin AL, Vicente AF, Lourenço O. Consumo de «produtos naturais» e «suplementos alimentares» numa Unidade de Saúde Familiar: estudo exploratório. Rev Port Med Geral Fam. 2019; 35(1): 30-36. ISSN 2182-5173. [CrossRef].

Mari, FR et al. O processo de envelhecimento e a saúde: o que pensam as pessoas de meia-idade sobre o tema. Rev Bras Geriat Geront. 2016, 19(1): 35-44. ISSN 1981-2256. [CrossRef].

Míkola N. Uma medicina espiritual?: aproximações entre espiritismo e homeopatia-1860-1910. Florianópolis, 2012: 199p. Dissertação de Mestrado [Programa de Pós-Graduação em História] - Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC. Florianópolis, 2012. [CrossRef].

Rodrigues KM. Terapias Integrativas e Complementares: itinerário terapêutico e espiritualidade, uma possível reflexão. Rev Contrap. 2015; 2(1): 182-196. ISSN 2358-3541. [CrossRef].

Associação Brasileira de Reciclagem e Assistência em Homeopatia – ABRAH. Protocolo DA ABRAH – Pandemia COVID-19. Clínica de Homeopatia – Hospital Servidor Público Municipal São Paulo (HSPM). [Link]. Acesso em: 12 set. 2020.

Erazo RL, Costa, SCFC. Feira de alimentos orgânicos em Manaus-AM: Uma percepção ambiental dos seus atores sociais. Braz J Develop. 2020; 6(7): 47502-47516. ISSN 2525-8761. [CrossRef].

Moura AF, Masquio DCL. A influência da escolaridade na percepção sobre alimentos considerados saudãveis. Rev Educ Pop. 2014; 13(1): 82-94. ISSN 1982-7660. [CrossRef].

Hill JL. Psychological sense of community: Suggestions for future research. J Comm Psychol. 1996; 24(4): 431-438. ISSN 1520-6629. [CrossRef].

Pereira MD, Oliveira LC, Costa CFT, Bezerra CMO, Pereira MD, Santos CKA, Dantas EHM. The COVID-19 pandemic, social isolation, consequences on mental health and coping strategies: an integrative review. Research. Soci Develop. 2020: 9(7): 1-35. ISSN 2525-3409. [CrossRef].

Marina JA, Penas ML. Diccionario de los sentimientos. Barcelona: Anagrama, 2000; 245p. [Link].

Silva BD, Pereira VBS, Sarinho ESC, de Melo Vasconcelos CF, Fogacci MF, de Melo Vasconcelos AF, e do Egito Vasconcelos BC. Estado atual do uso da cloroquina/hidroxicloroquina no tratamento da COVID-19: uma Overview/Current status of the use of chloroquine/hydroxychloroquine for the treatment of COVID-19: an Overview. Brazilian Journal of Development. 2020: 6(8): 62988-62997 [Link].

Published

2021-04-23

How to Cite

Abreu, L. de P. S., & Martinazzo, A. P. (2021). A busca pelo uso de produtos naturais na prevenção de infecção por Covid-19 / The search for the use of natural products to prevent Covid-19 infection. Brazilian Journal of Development, 7(4), 41613–41650. https://doi.org/10.34117/bjdv7n4-565

Issue

Section

Original Papers