Projeto conta fruta: reposicionamento de produto do mercado do bolhão na cidade do Porto, em Portugal / Project conta fruta: product repositioning of the bolhão market in the city of Porto, Portugal

Authors

  • Syomara dos Santos Duarte Pinto
  • André Luiz Batista Abrahão
  • Bárbara Fernandes Araújo
  • Diogo José Frias Rodrigues e Riobom Queirós

DOI:

https://doi.org/10.34117/bjdv8n6-005

Keywords:

design, embalagem, sustentabilidade.

Abstract

Um dos problemas observados nas feiras e mercados é a subutilização e o desperdício de frutas. Isso ocorre devido à grande produção e pouca procura, ou produtos fora dos padrões estéticos para a comercialização. Uma das soluções encontradas por pequenos comerciantes do Mercado do Bolhão no Porto, é o reaproveitamento dos desperdícios para a produção de geléias caseiras. Tal segmentação de produtos, em tempos de crise, pode ser uma alternativa de negócio para estes pequenos comerciantes. A gestão do design surge como uma alternativa para potencializar a aceitação e valorização de produtos com essência baseada na sustentabilidade. Uma das estratégias é o desenvolvimento de embalagens que valorizem os aspectos estéticos, informativos e conceituais. O presente artigo aborda o projeto Conta Fruta, uma proposta dirigida a uma pequena empresa que ambiciona posicionar-se no mercado, através de serviços relacionados com o design, que evidenciem a qualidade e o método sustentável de produção. A investigação foi realizada em duas etapas: a primeira exploratória por meio de revisão bibliográfica; e uma segunda etapa projetual, na qual foi utilizada a metodologia de Bruno Munari.

References

Baptista, P. et al. Do Campo ao Garfo.2012. Desperdício Alimentar em Portugal, Lisboa..

Chinem,M. J. & Flório, M. 2005. A sinergia do design de embalagem na comunicação publicitária. UNIrevista - Vol.1, no3: Julho/2006. ISSN 1809-4651.

Cybis, Walter; & Betiol, Adriana Holtz; Faust, Richard. 2007. Ergonomia e usabilidade: conhecimentos, métodos e aplicações. Novatec Editora.

Damásio.A. R. 1994. O Erro de Descartes. São Paulo: Companhia das letras.

Franzato, Carlo. 2010. O design estratégico no diálogo entre cultura de projeto e cultura de empresa. Strategic Design Research Journal, v. 3, n. 3, p. 89-96,

Gil, Antônio Carlos.1999. Métodos e técnicas de pesquisa social / Antônio Carlos Gil. 5a Ed .São Paulo: Atlas.

Kantor L.S.; Lipton K.; Manchester A.; Oliveira V. 1997. Estimating and addressing America’s food losses. Food Review. 20, pp. 2-21.

Manzini, Ezio; Vezzoli, Carlo. 2002. O desenvolvimento de produtos sustentáveis. Edusp.

Mestiner, Fábio. Infopaper: O Design no setor de embalagem. 2004. SEBRAE. São Paulo.

Munari, Bruno; De Vasconcelos, José Manuel.1981. Das coisas nascem coisas. Edições 70.Lisboa,Portugal.

Nitzsche, Rique. 2012. Afinal, O Que É Design Thinking? São Paulo, SP: Rosari.

Norman, Donald A. Design emocional: por que adoramos (ou detestamos) os objetos do dia-a-dia. 2008. Rocco. São Paulo.

Peltier, Fabrice; Saporta, Henri. Design Sustentável 2009: Caminhos Virtuosos. São Paulo: Senac..

Rodrigues, Priscila Westphal; Scherdien, Ingrid. Strategic design in communication sustainability in Natura Ekos packaging.2013. Strategic Design Research Journal, v. 6, n. 2, p. 58-63

Rudio, Franz Victor. Introdução ao projeto de pesquisa científica. 2010.Vozes, São Saulo

Published

2022-06-01

How to Cite

Pinto, S. dos S. D., Abrahão, A. L. B., Araújo, B. F., & Queirós, D. J. F. R. e R. (2022). Projeto conta fruta: reposicionamento de produto do mercado do bolhão na cidade do Porto, em Portugal / Project conta fruta: product repositioning of the bolhão market in the city of Porto, Portugal. Brazilian Journal of Development, 8(6), 42557–42574. https://doi.org/10.34117/bjdv8n6-005

Issue

Section

Original Papers