Perfil epidemiológico de Zika no Brasil: estudo ecológico

Epidemiological profile of Zika in Brazil: an ecological study

Authors

  • Barbara Pereira Neco da Silva
  • Bruna Gabryella Coelho Barbosa
  • Edmilson Araujo
  • Fernando Reis
  • Pollyanna Maximo Granlich Guimarães
  • Raimundo Borges Viana Neto
  • Rosane Santiago Alves da Silva
  • Vilgo Guimarães da Silva
  • Amanda Queiroz Lemos

DOI:

https://doi.org/10.34117/bjdv8n8-019

Keywords:

Zika Vírus, infecção pelo Zika Vírus, epidemia, vigilância epidemiológica, saúde pública, sistema único de saúde

Abstract

Objetivo: analisar o perfil epidemiológico da infecção pelo ZIKV no Brasil e comparar entre as regiões. Método: estudo ecológico sobre os registros relacionados à infecção pelo ZIKV no Brasil e nas regiões brasileiras nos anos de 2016 a 2020. Os dados foram extraídos do banco de dados do Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde e analisados por meio de incidência e frequência. Resultados: No período foram registrados 162.462 casos da infecção pelo ZIKV, com maior frequência em mulheres e em pessoas na faixa etária entre 20 a 59 anos. As regiões sudeste, nordeste e centro-oeste foram as que tiveram número mais expressivo e o ano de 2016 representou 87,2% dos casos. Entre 2016 e 2018 todas as regiões apresentaram decréscimo significativo na incidência e, em contrapartida, entre 2018 e 2019 todas tiveram aumento, com exceção da região Centro-Oeste, que apresentou aumento entre 2019 e 2020 enquanto todas as demais tiveram queda. Conclusão: O cenário da infecção pelo ZIKV no Brasil é dinâmico, com oscilações nos quantitativos e incidências no decorrer do tempo, o que denota a necessidade de manter a vigilância e prevenção.

Published

2022-08-01

How to Cite

da Silva, B. P. N., Barbosa, B. G. C., Araujo, E., Reis, F., Guimarães, P. M. G., Viana Neto, R. B., da Silva, R. S. A., da Silva, V. G., & Lemos, A. Q. (2022). Perfil epidemiológico de Zika no Brasil: estudo ecológico: Epidemiological profile of Zika in Brazil: an ecological study. Brazilian Journal of Development, 8(8), 54990–55001. https://doi.org/10.34117/bjdv8n8-019

Issue

Section

Original Papers